O APRENDIZADO NÃO ACABA - 17/12/2012

O APRENDIZADO NÃO ACABA - 17/12/2012

https://sites.google.com/site/jesus2336987/

Leia a Bíblica - Click aqui 

Deus criou todas as coisas perfeitas, inclusive nós! Porem, nós não acreditarmos n’Ele quando Ele disse: Gênesis 2: 17 Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás. Preferimos acreditar no maligno, no enganador que disse: Gênesis 3: 4 Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis. E veja no que deu...

Deus nos avisou e nós não acreditamos n’Ele, preferimos acreditar no maligno e esta falta de fé em Deus nos levou a desobedecê-lo e pela desobediência fomos afastados d’Ele que é a fonte de tudo que é bom e entramos em colapso, entregamos o mundo ao maligno que só veio para roubar, matar e destruir (João 10: 10).

Porem Deus na sua misericórdia, ainda se compadeceu de nós e nos enviou seu Filho único Jesus Cristo o qual estava com Ele antes da criação do mundo, para morrer por nós, morrer em nosso lugar para nos reconciliar com Ele mesmo, com Deus e assim tivéssemos a vida novamente e não perecêssemos nas trevas.

Antes não acreditamos em Deus e deu no que deu! Novamente Ele está nos dizendo para acreditarmos n’Ele; agora Ele nos diz para acreditarmos no seu plano de salvação, na sua obra que é Jesus Cristo: João 6: 28 Disseram-lhe, pois: Que faremos para executarmos as obras de Deus? 29 Jesus respondeu, e disse-lhes: A obra de Deus é esta: Que creiais naquele que ele enviou.

Sabendo da nossa insignificância, Deus nos concedeu que pela fé em seu Filho Jesus, recebêssemos do seu Espírito que nos torna também filhos e co-herdeiros juntamente com Jesus do reino que nos está preparado desde a fundação do mundo, e não somente isto, mas também por sermos agora também filhos, somos participantes da sua natureza Divina e podemos ser também benignos como Ele é: João 1: 12 Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome; 13 Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.

Hoje pela Nova e Eterna Aliança da qual Jesus é o mediador, fomos feitos pessoas que almejam praticar o amor, a misericórdia e a reta justiça, porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas. (Efésios 2: 10)

Portanto, quando orarmos a Deus, devemos chamá-lo de Pai, e durante o resto das nossas vidas aqui na terra tenhamos por Ele, um verdadeiro amor, temor, gratidão e respeito, pois sabemos o preço que Jesus pagou para nos livrar da vida inútil que levávamos antes de crermos n’Ele e da morte eminente.

Se hoje eu olho para traz e sinto vergonha dos pecados que cometi e não cometo mais, não posso pensar que fui eu mesmo quem tive força de vontade e deixei tal pecado, não! Tenho que ter a consciência de que foi Jesus quem tirou tal pecado da minha vida, pois como está escrito: João 8: 34 Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é servo do pecado. 35 Ora o servo não fica para sempre em casa; o Filho fica para sempre. 36 Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres. 

Eu era escravo e não sou mais e quem me libertou da escravidão foi Jesus.

Ainda há pecados em mim? Sim! Enquanto vivermos neste corpo mortal e corruptível haverá pecado em nós. Todos nós somos pecadores e n’Ele está o perdão, mas creio eu que de agora em diante temos uma meta ainda maior do que a santificação, a meta agora é sermos perfeitos em amor como Jesus nos disse para sermos: Mateus 5: 38 Ouvistes que foi dito: Olho por olho, e dente por dente. 39 Eu, porém, vos digo que não resistais ao mal; mas, se qualquer te bater na face direita, oferece-lhe também a outra; 40 E, ao que quiser pleitear contigo, e tirar-te a túnica, larga-lhe também a capa; 41 E, se qualquer te obrigar a caminhar uma milha, vai com ele duas. 42 Dá a quem te pedir, e não te desvies daquele que quiser que lhe emprestes. 43 Ouvistes que foi dito: Amarás o teu próximo, e odiarás o teu inimigo. 44 Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus; 45 Porque faz que o seu sol se levante sobre maus e bons, e a chuva desça sobre justos e injustos. 46 Pois, se amardes os que vos amam, que galardão tereis? Não fazem os publicanos também o mesmo? 47 E, se saudardes unicamente os vossos irmãos, que fazeis de mais? Não fazem os publicanos também assim? 48 Sede vós pois perfeitos, como é perfeito o vosso Pai que está nos céus.

Jesus veio viver como homem e provou ser possível viver assim! A primeira coisa que temos que ter para vivermos assim é a certeza de sermos peregrinos neste mundo, pois fomos escolhidos por Deus antes da criação do mundo e enviados a Jesus, e a salvação da nossa alma é certa, pois fiel é quem prometeu para cumprir: Hebreus 10: 23 Retenhamos firmes a confissão da nossa esperança; porque fiel é o que prometeu. Isto porque temos um grande Sacerdote sobre na casa de Deus, Jesus Cristo o Justo, que nos garantiu: João 6: 47 Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim tem a vida eterna. E também: João 6: 37 Todo o que o Pai me dá virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora. 38 Porque eu desci do céu, não para fazer a minha vontade, mas a vontade daquele que me enviou. 39 E a vontade do Pai que me enviou é esta: Que nenhum de todos aqueles que me deu se perca, mas que o ressuscite no último dia. 40 Porquanto a vontade daquele que me enviou é esta: Que todo aquele que vê o Filho, e crê nele, tenha a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia.

  E acreditem: A vontade de Deus sempre será feita, pois a salvação para o homem é impossível, mas para Deus nada é impossível: Marcos 10: 26 E eles se admiravam ainda mais, dizendo entre si: Quem poderá, pois, salvar-se? 27 Jesus, porém, olhando para eles, disse: Para os homens é impossível, mas não para Deus, porque para Deus todas as coisas são possíveis.

Agora que temos a certeza da vida eterna pela fé em Jesus, nos consideremos peregrinos neste mundo e vivamos como se estivéssemos aqui em uma missão: Salvar a maior quantidade de almas possível, falando para todos que em Jesus há remição dos pecados.

E muito mais do que falar, devemos dar o exemplo de uma vida altruísta, despojando-nos da natureza humana e pecaminosa para nos enchermos da natureza Divina e perfeita, para que resplandeça a nossa luz diante dos homens, para que vejam as nossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus.

Talvez você que está lendo isto possa estar se perguntando: Você que está escrevendo isto, você consegue viver assim? A resposta é não! Sou humano e falho como qualquer um, apesar de Deus ter colocado essa vontade em meu coração ainda não sou assim, mas creio que serei um dia, pois tudo que temos são dons vindos de Deus e este Ele não nos nega. Quando pedimos a Ele o dom da fé, o dom de amar e de perdoar, Ele nos dá, pois como está escrito: Mateus 7: 9 E qual de entre vós é o homem que, pedindo-lhe pão o seu filho, lhe dará uma pedra? 10 E, pedindo-lhe peixe, lhe dará uma serpente? 11 Se vós, pois, sendo maus, sabeis dar boas coisas aos vossos filhos, quanto mais vosso Pai, que está nos céus, dará bens aos que lhe pedirem? 12 Portanto, tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós, porque esta é a lei e os profetas. O maior bem que podemos receber de Deus é a vida eterna!

ĉ
PODER DE DEUS,
19 de dez de 2012 03:36
Comments