Página inicial



Ano letivo 2017 / 2018



(Guanyu, Huang)


Já perdemos a conta ao número de alunos que passaram pelo projeto 

Para lá dos exames.  Ao longo de oito anos os alunos do 6º e 9º 

ano têm beneficiado destas sessões que trabalham as 

competências da leitura e escrita.

Este ano, excecionalmente, vamos trabalhar apenas com o 9º

 ano e esperamos que os resultados sejam tão bons como no

 ano letivo passado.

C.R. novembro 2017







Ano letivo 2016 / 2017


Tanto para ler!....


                                                                                                   (Shiori Matsumoto)

Começamos o 2º período com novos livros, cheios de aventuras, amores, mundos diferentes e desconhecidos da nossa realidade.

Destaco:

Diário de um adolescente na Lisboa de 1910, de Alice Vieira, uma história cheia de humor sobre os dias que antecedem o 5 de Outubro de 1910


O rapaz no cimo da montanha, de John Boyne, o mesmo autor de O Rapaz do pijama às riscas. Este é um livro passado no ambiente que antecede a 2ª guerra mundial.


Os indomáveis F.C. : o mundo é uma bola, de Álvaro Magalhães é o 1º volume de uma coleção que gira em torno do futebol.



Podes ver ainda outros títulos acabadinhos de chegar na coluna dos destaques, ou na BE, na estante das novidades.




"Os livros que ando a ler"


( Kawa Cosei )

Já chegaram as primeira fichas de leitura do 6º e 9º ano aos «os livros que ando a ler» e é muito interessante verificar que, apesar de estarem na mesma faixa etária, todos os anos os títulos escolhidos mudam: puro gosto pessoal, ou influência do grupo?

Curioso é analisar o percurso leitor dos alunos, sobretudo do 6º ano, que no início do ano recorrem a livros indicados para faixas etárias mais baixas, mas no final do ano mudaram a "rota" das suas escolhas.

C.R.

6 outubro 2016



"Para lá dos exames"


                                                                                                                                                                          (Luís Alves)


O "Venham lá os exames" mudou de nome, alterou alguns procedimentos, mas os seus objetivos continuam os mesmos:

1 - desenvolver competências /conteúdos ao nível das habilidades e literacia da informação:

2 - desenvolver leitores e escritores autónomos nas diferentes tipologias textuais;

3 - maximizar as competências emocionais e cognitivas dos alunos.

 
                                                                                             (Cecile Veilhan)


Este ano letivo, o "Para além dos exames" vai receber quatro turmas, duas de sexto e duas de nono; a todos desejamos um excelente ano ... de trabalho.

C.R.

Setembro 2016



A Biblioteca Escolar deseja um feliz Natal a toda a 

comunidade educativa




((Kirk Richards)



2015 /2016: 

 mais um ano em prol da leitura, da escrita e não só....


Alex Pelayo

Motivar os alunos para a escrita é um dos objetivos das sessões que a BE desenvolve nas aulas de Oferta Complementar, no 6º e 9º ano. Quando conseguimos cumprir esse objetivo, os alunos começam a escrever de forma autónoma e por fruição. Surgem os textos que estão a escrever, ou que um dia escreveram..... 

- "Professora, diga-me o que acha deste texto que escrevi em casa".

Chegou a hora de também avaliarem um desses textos: pequeno em tamanho, mas grande em humor e vivacidade, tal como a sua autora.


A Mega - Mosca


Max Kostenko


Esta é a história da mosca mais rápida e corajosa do reino das moscas.

Esta é a história da " Mega - Mosca".

Há muitos, muitos, anos atrás nasceu uma mosca muito pequena que se chamava Júlia. Mal se via de tão pequena que era. Todos sabiam que estava ali a mosca mais veloz que alguma vez tinham visto. Por vezes, era tal a velocidade que nem a conseguiam ver, só ouvir :

- Zzzuuummm...

Com o passar do tempo ela tornou-se muito famosa e passaram a chamar-lhe " Mega - Mosca". Entrava em missões de salvamento, entrega de correio rápido e liderava o esquadrão da força aérea das moscas. Ela era muito boa e humilde e rapidamente se tornou a rainha de todas as moscas.

Esta história ensinou-me que as coisas pequenas podem ser grandes e importantes na vida.

Clara Baião, 6º ano

novembro 2015



O nosso projeto A LeR+  "A Ler é que a gente se entende" bem poderia ser...

"A ler é que a gente se inspira"

                                                                                                                             (Agnes Boulloche)


As leituras dão-nos referências.

E se juntássemos algumas dessas referências e algumas personagens de histórias que já ouvimos há muitos anos?

 Foi o que pedimos aos participantes do Clube do Livro.

Veja se descobre a inspiração desta turma de 4º ano.


A menina das tranças de ouro e os três ursinhos

                                                                                                         (ilustração: Makiko)

Estavam três ursos na cozinha: a mãe cozinha suflê de bacalhau e croquetes de carapau, com chazinho de frutos silvestres do bosque, enquanto o pai urso e o filho ursinho jogavam às cartas. De repente, a mãe reparou que faltava papel higiénico na casa de banho. Toda a família Urselana foi ao supermercado Preço Baixo.

Enquanto isso... entrou na casa dos ursos uma menina, na sua moto 4, e derrubou tudo o que viu à sua frente, incluindo o almoço. Como tinha fome, decidiu comer ovos estrelados com panquecas, deixando a bancada toda peganhenta. De seguida, foi lavar os dentes com as escovas e a pasta dos ursos. As escovas ficaram cheias de comida e a pasta dos dentes ficou vazia.... quer dizer.... sobrou só um bocadinho. A menina foi dormir sem tirar o capacete que estava cheio de lama seco. Claro que a cama ficou toda porcalhona.

Quando a família Urselana voltou a casa e viu uma moto 4 parada dentro da sua cozinha, ficou muito assustada. Pensaram que tinham sido assaltados, por isso, entraram muito devagar, muito devagar... e assim que viram a menina das tranças de ouro deitada numa das suas camas, o pai urso ficou tão zangado que ia explodindo e deu-lhe uma sova.

A menina das tranças de ouro nunca mais se atreveu a voltar à casa da família Urselana

Texto coletivo 4º A, alunos do Clube do Livro

Novembro 2014

     


O Agrupamento de Escolas de Vidigueira foi seleccionado para a rede a LeR +

 

«A Ler é que a gente se entende»


 Kathy Jefford

«O Projeto “a LeR +” é uma iniciativa do Plano Nacional de Leitura e da Rede de Bibliotecas Escolares, destinada a apoiar as escolas que pretendem desenvolver um ambiente integral de leitura, numa parceria com o “National Literacy Trust” e o “Reading Connects Project.”» (PNL)

 O objetivo central deste projeto é colocar a leitura e o prazer de ler, no centro do Projeto Educativo de Escola e esse tem sido o caminho do Agrupamento de Escolas de Vidigueira: Direção, Biblioteca Escolar, Professores e Alunos têm trabalhado ao longo destes anos para que esse objectivo seja atingido.

  Long Liyou

O ano passado lançamos o repto de leitura aos assistentes operacionais da escola e este ano letivo o desafio da leitura vai direitinho para os encarregados de educação.

Venha à nossa biblioteca ver os livros que pode requisitar. Vai ficar surpreendido com o que vai encontrar!


 Derlaine

E se não gosta mesmo de ler, por que não requisitar um livro para ler com o seu filho. Acredite que vai passar momentos incríveis com ele e…. quem sabe, daqui a uns dias a requisição é mesmo de um livro para si. Veja na barra lateral alguns dos livros que lhe podemos emprestar .


                                                                                                                                                                   Jiri Dvorsky

                                                                                  

Estamos à sua espera.

C.R.

outubro 2014



Começar de novo


(Gonçalo Viana)

As férias já terminaram e o "Venham lá os exames" está de braços abertos para receber três turmas do 6º ano e duas de 9º ano.


(Cara Kozik)

Este ano letivo temos uma novidade: os alunos de 9º  ano foram o nosso primeiro grupo de alunos "Venham lá os exames"de 6º ano; por isso a nossa expectativa e a alegria são redobradas.

Estamos certas que vai ser um prazer trabalhar a leitura, a escrita e a literacia da informação e que os resultados vão ser profícuos.

Saravá a todos

C.R.

setembro 2014



   O que escrever?

                 O que ler?



            (Kelly Vivanco)


O que vamos escrever?

                                               Como se escreve isso?

                                                               Não sei como fazer… nunca escrevi esse tipo de texto!


É para evitar estas observações que já estamos a trabalhar os vários registos de escrita e vamos continuar a fazê-lo ao longo do 2º período.

A carta informal e formal; a biografia, a autobiografia, o comentário, o texto de opinião, o resumo, o texto livre, o recado, o texto informativo e muitos, muitos, outros tipos de textos vão ser escritos pelos alunos de 6º e 9º ano, com a nossa ajuda e a dos tutoriais publicados no nosso sítio da plataforma Moodle.

(Toni Demuro)


Por isso, esteja atento. 

Estamos certos que brevemente vão ser publicados textos lindíssimos nas “Escritas” e nos “Textos Avulsos”.

Entretanto, a rubrica “Os livros que ando a ler” continua a receber as escolhas de leitura dos nossos estudantes.

C.R.

janeiro, 2014


As palavras lidas, ditas e escritas

(Philippe Behá)

Agora que já trabalhamos a motivação, a concentração, a memorização e as técnicas de estudo, avançamos para o conhecimento; e este tem por base as palavras:

(Eric Drooker)

- as palavras lidas em vários suportes;

           - as palavras ditas, nas apresentações das leituras e nas discussões de temas;

                        - as palavras escritas, nas sistematizações das leituras, nos textos e comentários escritos pelos alunos.


(Kai Pannen)

E porque escrever bem implica trabalho e persistência, os alunos vão avançar, passo a passo, no mundo das palavras, aprendendo a planificar, sintetizar,  expandir e a redigir as diversas tipologias de textos.

C.R.

novembro 2013


Venham lá os exames:terceiro ano de projeto


                                                                                                                                   (Su Blackwell)


Duas turmas de 6ºano e duas de 9º ano vão, este ano, trabalhar com a equipa do “Venham lá os exames”.

Mais uma vez, a escrita, a leitura, a oralidade, a literacia da informação serão as competências que iremos trabalhar com os nossos estudantes, devidamente enquadradas nas novas metas de Português. Já as atividades e uma parte dos recursos que iremos utilizar, serão diferentes.

(Nate Williams)


Mas, para já, as palavras de ordem são: “motivação” e “confiança”.

É por aqui que iremos iniciar as nossas sessões, pois, como dizia, no ano letivo passado, a Beatriz Marques (9ºB)…..

Se queres ver o teu sonho alcançado, não coloques a motivação e a confiança de lado.

Um bom ano para todos


CR

Outubro 2013

 


"Falta um bocadinho assim...."


                                                                                                                             (Marie Cardouat)


Os exames estão "à porta" e os alunos do 6º e 9º anos continuam a trabalhar   a  escrita e a ler cada vez mais.

(Pablo Gallo)

Chegou a hora de voltar a trabalhar o BIG 6, agora direcionado para os enunciados de exame.



Ao mesmo tempo, os tutoriais publicados na plataforma Moodle são auxiliares úteis para retirar dúvidas e ajudar os alunos a escreverem cada vez melhor.


"Falta um bocadinho assim" para os exames.

Vale a pena um esforço final.


(Kelly Vivanco)

(Hanuol)


Muitas leituras, grandes escritas e discussão de temas atuais.


                                                                                                        (Rebecca Dautremer)

O 3º eixo do projeto “Venham lá os exames” pretende exercitar os alunos na leitura/interpretação de diferentes tipologias textuais para que possam formar opinião, obter e distinguir ideias principais e secundárias, deduzir e ativar conhecimentos prévios. Por outro lado, a ênfase na escrita surge neste projeto como um complemento à leitura, na medida em que, para além de funcionar como uma extensão da memória, através dela os alunos estruturarão o pensamento, manifestarão os seus conhecimentos, e usá-la-ão como expressão comunicativa dos seus sentimentos.

(Luís Silva)

Neste período letivo vamos trabalhar, mais insistentemente este eixo.

Todas as semanas, os alunos vão apresentar os livros que escolheram e proferirem o seu comentário crítico dessas obras.

Para facilitar e enriquecer a escrita, os alunos vão trabalhar as várias tipologias textuais.


                                                         (Lisa Schneider)

No 9º ano começaremos pelos textos de imprensa, dando grande enfoque aos textos de opinião, e avançando, posteriormente para o texto narrativo.

Já no 6º ano, daremos primaria ao enriquecimento das personagens, do tempo e do espaço no texto narrativo, seguindo para a biografia.

Serão três meses de muitas leituras, de grandes escritas e discussão de temas atuais.

C.R.

Janeiro 2013



 

Com motivação e confiança, avançamos etapa a etapa


 (Kerry Hyndman)

Estivemos a trabalhar a motivação/confiança como aspeto essencial da aprendizagem. Posteriormente, pedimos aos alunos que colocassem no blogue “LerEscrevinhar” um slogan que realçasse a importância da motivação e/ou confiança para atingirem o sucesso.

Organizamos esta atividade em forma de concurso. A grande vencedora foi a Beatriz Marques, seguida da Alexandra Costa. No entanto, outros slogans foram votados. Deixo aqui alguns:

  • “Se queres ver o teu sonho alcançado não coloques a motivação e a confiança de lado.” (Beatriz Marques)

  • “Com motivação e confiança, tudo o que pensas ser impossível se alcança!” (Alexandra Costa)

  • “Com motivação e confiança, chegarás ao sucesso, mas com trabalho…” (Alice Capito)

  • “Para a motivação encontrar, em ti terás de confiar!” (Catarina Galvão)

  • “Com a confiança na mão, tudo terá resolução.“ (Guilherme Cristo)

  • “Com motivação será mais fácil alcançares a tua meta.” (Hugo Carrujo)

  • “A motivação é essencial na tua vida” (João Rebolo)

C.R.

Dezembro 2012



 “Venham lá os exames”: mais um ano de projeto

 

                                                                                                      (Leon Zernitsky)

O projeto “Venham lá os exames” já recebeu os novos alunos do 6º e 9º ano e o “Ler e escrever” está pronto para publicar os seus trabalhos, bem como os dos professores, encarregados de educação/famílias e assistentes operacionais.

Esperámos que este ano letivo seja tão rico em trabalho como foi o ano letivo passado e que os resultados dos alunos continuem a melhorar.

A equipa do projeto continua motivada para orientar os estudantes abrangidos pelo projeto, publicar os seus trabalhos, apresentar livros interessantes e incentivar para a leitura.

Um bom ano letivo para todos e …. mãos ao trabalho.

C.R.

(Outubro 2012)




Comments