Sobre mim

Depois de uma vida empresarial e social intensa e bem-sucedida, percebi que estava de algum modo "vazio". Eu senti um profundo desafio em me reencontrar e saber quem eu sou.

Confundi uma reconversão profissional com uma necessidade de profunda transformação interna e isso levou-me a procurar continuamente soluções no lugar errado. Eu queria mais diplomas e até fiz vários “programas de desenvolvimento pessoal”, mas sem nenhum compromisso pessoal interno nem integração dessa experiência. Eu estava apenas colecionando métodos. O tempo passava e eu continuava triste.

Eu estive perdido por um longo período. Leia mais ...

O vídeo seguinte é uma boa "imagem" do meu processo.

Os meus estudos

Coach - BAO Elan Vital Institut, escola certificada na ICF (International Coach Federation) e associada à ACERTA

Conselheiro Familiar e Doméstico - em curso, no CPFB associado à Université Catholique de Louvain.

Desenvolver uma ótima relação consigo mesmo e com os outros - sensibilização da Gelstalt - Formação contínua (DFCA), Universidade de Lille

Desenvolvimento psicossexual em crianças - GAMS Bélgica

Abuso infantil e sigilo profissional - CERES (Centro de Perceção e de Recursos para Infância). Leia mais ...

A minha deontologia

  • As minhas atividades estão sob supervisão;
  • Eu ando no meu caminho, o que significa que eu faço terapia com o mesmo método que eu pratico e isso permite-me continuar "experimentando";
  • 15-20% do meu tempo é investido em estudos, estágios, ateliês. Não só na minha atividade, mas também para estar alinhado com a perspectiva de outros domínios da saúde. Sinta-se livre para dar uma olhadela na seção ' Sobre mim ';
  • Há um quadro muito claro e seguro quando trabalho com as pessoas que recebo;
  • Respeito e cordialidade são os meus princípios;
  • Consciente dos meus preconceitos, medos, aborrecimentos, erros, alegrias, desejos, assim como da minha maneira de administrar relacionamentos, isso permitiu-me afastar de todos esses filtros e ouvir o outro de maneira diferente, qualitativa e consciente, limitando julgamentos.
  • Sendo centrado no paciente, além de estar consciente de mim mesmo, presto atenção a situações relacionadas com o poder ou o controlo que possam surgir;
  • Eu permaneço empático com o ritmo do paciente que guia cada sessão.