Research Projects (portuguese)

2017

Implantação de um ambiente de Computação em Nuvem privado para suporte ao ensino e pesquisa.

A computação em nuvem atraiu a atenção da indústria e academia devido às relevantes mudanças providas por seu paradigma. O modelo de poder computacional disponibilizado sob demanda já é utilizado por várias organizações mundo afora. A computação em nuvem (ou somente "a nuvem") tem suas raízes em paradigmas de computação bem consolidados como Computação de Alto Desempenho, Clusters e Virtualização. A nuvem une as potencialidades desses paradigmas gerando um novo modelo de computação que é flexível, disponível e entregue sob demanda. Aproveitar-se das funcionalidades da nuvem para tarefas relacionadas com pesquisa e ensino pode trazer diversos benefícios. Dentre eles podemos destacar a oportunidade de viabilizar pesquisas que requerem maior poder computacional em parques de servidores menos robustos. Além disso, é importante salientar a possibilidade da interação com esses ambientes por alunos do ensino médio-integrado, que poderão assim configurar, alterar e manter uma nuvem computacional que adota o modelo privado de implantação. Esse projeto visa implantar um ambiente de computação em nuvem privado com intuito de fornecer suporte a futuras atividades de pesquisa e ensino. Para a realização das atividades necessárias, deveremos utilizar um ambiente com algumas máquinas que foram substituídas do ambiente de produção do IFAL Campus Arapiraca. Assim sendo, uma das contribuições esperadas é a entrega de um ambiente de computação em nuvem privado para o Campus Arapiraca. O ambiente deverá ser flexível e prover acesso para pesquisadores e professores para a realização de tarefas relacionadas com ensino e pesquisa. Além disso, esse projeto visa contribuir para a comunidade científica provendo uma metodologia robusta para implantação de ambientes de IaaS privados em hardware modesto.

Alunos envolvidos: Michael Macêdo e Carlos Henrique Barbosa.

Implementação de políticas de roteamento utilizando Redes Definidas por Software baseadas em OpenFlow.

Redes Definidas por Software trazem a possibilidade de separação entre o plano de controle e plano de dados em uma rede de computadores. Dentro de sua arquitetura, um componente denominado de Controlador é responsável por programar a rede, indicando como os pacotes deverão ser organizados e distribuídos dentro da rede. É possível agrupar pacotes em fluxos e determinar regras específicas para seu roteamento. Um dos principais padrões adotados para habilitar as Redes Definidas por Software é o OpenFlow. Para facilitar a implementação de redes programáveis com OpenFlow é possível utilizar o software MiniNet. O advento das Redes Definidas por Software visa trazer a flexibilidade necessária para o desenvolvimento e inovação dentro do ambiente de redes de computadores. Nesse contexto, esse projeto visa trazer implementações de políticas de roteamento de pacotes em Redes Definidas por Software que utilizam OpenFlow. O intuito é realizar comparações entre algoritmos desenvolvidos em OpenFlow com algoritmos utilizados em redes legadas. Para alcançar esse objetivo, utilizaremos o MiniNet como base para prototipação e testes. Após extensa revisão da literatura, esperamos contribuir com a comunidade científica trazendo políticas de roteamento capazes de melhorar a qualidade dos serviços disponibilizados pelas redes de computadores.

Alunos envolvidos: Arthur Santos e Wallison Neves.