Orientações gerais para orientandos de Iniciação Científica (IC)

A realização de iniciação científica agrega muito valor ao currículum de um estudante. Dentro do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, se o aluno entra no curso sem conhecimento prévio em computação, o ideal é que este realize uma IC a partir do terceiro período, quando tiver conhecimentos mais sólidos sobre algoritmos, estrutura de dados, programação web e banco de dados. A IC dura normalmente 10 meses.

É interessante que a IC torne-se posteriormente o TCC do aluno. Isso permite que o TCC seja desenvolvido em menor tempo, reaproveitando trabalho já desenvolvido. Além disso, dar continuidade da IC no TCC facilita a escrita da monografia, pois a monografia poderá ser escrita a partir do relatório final de IC.

Para realizar uma IC com bolsa, o aluno deve aguardar a saída de editais específicos. Para IC voluntária, pode-se enviar projetos a qualquer momento.

Recomenda-se fortemente que seja publicado ao menos um artigo sobre o trabalho desenvolvido na IC. Isto dá, além de muito peso ao currículo do aluno, credibilidade ao trabalho quando apresentado à banca no TCC, pois mostra que o trabalho já foi pré-avaliado por revisores.


O que o aluno deve fazer para realizar uma IC?

  1. Definir o tema a ser pesquisado
  2. Se for aplicar para IC voluntária (sem bolsa), escrever o projeto de pesquisa baseando-se neste modelo. Para IC com bolsa, verificar as instruções no edital.
  3. Enviar o projeto para o orientador via email para correção. O orientador quem vai submeter o projeto
  4. Aguardar o resultado da análise do projeto.
  5. Se aprovado, iniciar o projeto. Se recusado, o texto pode ser modificado e ser resubmetido, contemplando as susgestões dos revisores.
  6. Desenvolver o projeto, baseando-se no cronograma proposto.
  7. No meio do projeto, escrever o relatório parcial e enviar ao orientador.
  8. Após o fim do projeto, escrever o relatório final.

Links Importantes