Como emitir as diferentes oitavas da Flauta. Como tocar nota agudas?
 1ª oitava - 2ª oitava - 3ª oitava 

Existe uma diferença na forma de tocar notas graves e agudas e de forma geral segue as seguintes regras:

Notas Graves: Nas notas graves o sopro precisa de maior volume, menor velocidade, direcionado mais para baixo e com a embocadura mais relaxada. 

Notas Agudas: Nas notas mais agudas o sopro precisa de menos volume, maior velocidade, direcionado mais para frete e ao passo que as notas vão ficando mais agudas, a embocadura vai ficando mais firme, no entanto, sem excesso de tensão nos lábios de modo as exprimir os lábios e o som.

Segue abaixo exercício para executar intervalos.

Exercício para Intervalos com uma unica coluna de ar

Neste exercício o objetivo é tocar os intervalos sem alterar a coluna de ar que sopramos no instrumento. Para tocar os intervalos devemos variar para maior ou menor o tamanho da abertura por onde sopramos (ver ilustração). Para notas mais graves abrimos mais a abertura por onde sopramos e direcionamos o ar mais para baixo e para notas mais agudas fechamos um pouco mais esta abertura e direcionamos o ar mais para frente. Mas atenção! Não vale sobrar mais ar, mais forte para tocar os intervalos. 

Lembre-se do funcionamento da mangueira do jardim: Quando apertamos a extremidade da mangueira provocamos um aumento na velocidade da água, semelhantemente devemos fazer com o ar que sopramos. Diminua a abertura por onde sopramos para que acorra um aumento na velocidade do ar para que conseqüentemente as notas mais agudas ressoem. Veja ilustração:
No exercício abaixo do Marcos Kiehl, dedilhamos a nota Sol e com a mesma coluna de ar e o mesmo dedilhado de nota Sol, diminuímos a abertura por onde sopramos para que ocorra um aumento na velocidade do ar e conseqüentemente tocamos nota Sol da segunda oitava. Ainda no mesmo dedilhado da nota Sol da primeira oitava e com a mesma coluna de ar, fechando ainda mais a abertura por onde sopramos, saindo assim à nota Ré harmônico.  Depois tocamos estas mesmas notas com seus dedilhados correspondentes. Conforme exercício do Marcos Kiehl, façamos isto da nota Sol até a Ré.
 

 Nilson Mascolli Filho




Ċ
Nilson Mascolo Filho,
30 de mar de 2010 12:42