Novidades do site

Gostas de jogos ? Nós também!! Aqui, temos sugestões de jogos e atividades divertidas de várias disciplinas.

Se quiseres contribuir com sugestões, piadas, curiosidades, jogos de vocabulário, podes enviar para o nosso formulário de contacto.

Ficamos à espera... Diverte-te!

Smile😀, learn 🤓and have fun!😜

Kelly, Laura, Rebeca e Guilherme

Dia Internacional da Família

O Dia da Família celebra-se todos os anos no dia 15 de maio.

Neste dia lembramos a importância da família. Sem a nossa família não temos apoio e ficamos tristes.

É muito importante ter uma família que cuide de nós.

O primeiro Dia Internacional da Família foi celebrado em 1994.


Nelly Fardilha 5ºIhttps://www.calendarr.com/.../dia-internacional-da-familia/ consultado em 16\05\2022
Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image

Escritores da nossa terra

Os alunos do 2º ciclo do AEOB, a propósito da comemoração do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor no dia 23 de abril, realizaram uma exposição de marcadores de livros alusivos a alguns autores e escritores da nossa terra: Rosinda de Oliveira, Idália Sá-Chaves, António de Cértima, Arsénio Mota, António Capão, Acúrcio Correia da Silva e Armor Pires Mota.

Numa dinâmica de articulação interdisciplinar, os alunos pesquisaram sobre os escritores e ficaram a conhecer um pouco da sua história, da sua origem e do tipo de obras que escreveram. Nas aulas de português ilustraram o marcador com frases dos autores ou excertos da sua obra, e na aula de inglês preencheram um ID Card com a informação pessoal de cada um.

Na Extensão Frei Gil foram espalhados pela escola alguns cartazes para convidar os alunos, e toda a restante comunidade educativa, a visitar a exposição na Biblioteca Escolar e a relembrar ou ficar a conhecer estes escritores.

Todos as turmas dos 5º e 6º anos da Extensão participaram nesta atividade com entusiasmo e curiosidade. Alguns alunos trouxeram de suas casas exemplares de algumas obras para mostrar à turma.

Outra das formas de divulgação desta atividade foi feita através da entrega de alguns exemplares dos marcadores de livros em espaços públicos, na comunidade local. Por exemplo, dois alunos do 5.ºE, Lara Ferreira e Miguel Novo, deslocaram-se à Radiolândia - Museu do Rádio, em Bustos, e deixaram alguns dos marcadores feitos pela turma neste espaço.

A turma do 6ºJ, dividida em pequenos grupos, efetuou trabalho de pesquisa e, também, elaborou breves textos biográficos sobre os autores locais abordados.

Os alunos do 6ºG, no final das suas pesquisas, criaram um site onde as mesmas estão guardadas e acessíveis a todos os alunos. Este site tem como propósito reunir informações acerca do património local e será, portanto, atualizado sempre que surgirem novas recolhas relevantes para trabalhos futuros acerca do nosso património local.

https://sites.google.com/aeob.edu.pt/escritores-oliveira-do-bairro/p%C3%A1gina-inicial

“O Principezinho” visita o Quartel das Artes


No dia 5 de abril, os alunos do 5.ºano do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Bairro (AEOB) foram assistir à peça de teatro “O Principezinho”, no Quartel das Artes, em Oliveira do Bairro.

Os alunos das Escolas EB Dr. Fernando Peixinho e da Extensão Frei Gil deslocaram-se em transporte cedido pelo Município, já as turmas da Escola Dr. Acácio de Azevedo foram a pé. No nosso caso, alunos da Extensão Frei Gil, saímos da Escola por volta das 14h45, acompanhados por alguns professores. Quando chegámos ao Quartel das Artes, aguardámos algum tempo no exterior e, pouco antes do início da peça (15h30), finalmente, lá entrámos no Auditório: sentámo-nos de forma ordeira, as luzes apagaram-se e o espetáculo começou.

Esta peça baseia-se no clássico da literatura infantil escrito por Antoine de Saint-Exupéry e conta-nos a história de um menino que vivia sozinho num asteroide e que passava os seus dias a limpá-lo e a cuidar de uma bonita, mas arrogante, rosa.

Ao longo de cerca de 55 minutos, vimos uma peça que foi um misto entre teatro e teatro de marionetas, pois a personagem do Principezinho é apresentada como uma marioneta de 1,5 m de altura que contracena com mais dois atores.

Para nós, alunos do 5.ºE, esta ida ao teatro foi uma lufada de ar fresco, pois há muito tempo que não saímos da Escola. Foi uma atividade diferente e divertida.


Disciplina: Escrevilendo Português Turma: 5.ºE - 2021/2022
Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image

2º Encontro de Voleibol Feminino

No dia 22 de abril decorreu o 2º Encontro de Voleibol Feminino, desta vez em Ovar, no AE Ovar Sul.

Em cada equipa era obrigatório a participação de 12 alunas. Realizaram-se três jogos e nos três a vitória saiu à equipa de Iniciadas do AEOB.

Este encontro teve como objetivo cativar mais os alunos para o Voleibol.

Em primeiro lugar ficou a equipa AEOB iniciadas, em segundo lugar a equipa AEOB infantis B.

Os jogos em que participaram as atletas infantis tiveram a duração de 10 minutos, no entanto, os restantes jogos duraram até aos 25 pontos.


Bárbara, Carolina, João

Dia Mundial das Zonas Húmidas

O Dia Mundial das Zonas Húmidas, comemorado no dia 2 de fevereiro, existe para chamar a atenção das pessoas e reforçar a ideia de manter as zonas húmidas saudáveis.

Este ano, o nosso Agrupamento começou por reforçar esta data com a divulgação de um vídeo no YouTube, como forma de sensibilizar a comunidade escolar para a importância da preservação deste ecossistema tão valioso.

Além disso, foi lançado um “concurso” aos alunos que consistiu em prestar uma Homenagem às Zonas Húmidas, através de uma ilustração, um desenho ou uma fotografia.

O desafio conquistou muitos alunos que participaram nesta homenagem apresentando trabalhos muito criativos e que podem ser apreciados neste livro feito com a ferramenta Bookcreator pela Coordenadora da Equipa do Desenvolvimento Sustentável/ Eco-escolas, a prof. Elisabete Almeida.

Todos os trabalhos apresentados celebram a beleza e a importância das Zonas Húmidas e valorizam os benefícios que nos proporcionam, não só o bem-estar humano, como também um planeta mais saudável.

Os alunos vencedores irão receber um prémio simbólico pelo empenho demonstrado e excelente trabalho apresentado.

Guilherme

Dia internacional do livro infantil

O dia internacional do livro infantil celebra-se no dia 2 de abril.


Esta data é celebrada por iniciativa do Conselho Internacional sobre Literatura para os Jovens , que em Portugal é representada pela Associação Portuguesa para a Promoção do Livro Infantil e Juvenil.

O IBBY criou o Dia Internacional do Livro Infantil em 1967, para homenagear o escritor dinamarquês Hans Christian Andersen, (autor de algumas das histórias para crianças, mais lidas em todo o mundo), cujo aniversário do nascimento é assinalado a 2 de abril.

Mara e Diana

Quem foi H. Christian Andersen?

Hans Christian Andersen nasceu a 2 de abril de 1805 e faleceu a 4 de agosto de 1875.

Foi um escritor dinamarquês, autor de famosos contos infantis, como “Soldadinho de Chumbo”, “Patinho Feio”, “A Pequena Sereia”, “A Roupa Nova do Rei'', etc..

Hans ficou órfão de pai com apenas 11 anos. Desde então abandonou os estudos e começou a procurar um ofício, mas não se adaptou a nenhum deles.

Quando a sua mãe se casou novamente, Hans sentiu-se abandonado. Sabia ler e escrever e começou a criar histórias curtas e pequenas peças teatrais.

Terminou os estudos com 22 anos. Para sair de uma crise financeira escreveu algumas histórias infantis baseadas no folclore dinamarquês. Pela primeira vez os contos fizeram sucesso.

As suas primeiras quatro histórias foram publicadas em "Contos de Fadas e Histórias'' (1835). Ele procurava sempre passar os padrões de comportamento que deveriam ser seguidos pela sociedade.

O comportamento de algumas personagens dos seus contos, como “O Patinho Feio” e “O Soldadinho de Chumbo” é baseado na sua autobiografia, embora todos os seus contos sejam sobre problemas humanos universais.

Mara e Diana

A reviravolta das estações do ano


A primavera é caracterizada por apresentar dias com temperaturas amenas, além disso, em algumas regiões, também ocorre a floração de diversas plantas. Normalmente inicia-se logo após o inverno frio e chuvoso que este ano, e de alguns anos para cá, não tem acontecido assim.

Este inverno teve muitos dias quentes e até houve seca em algumas regiões do país, deixando muitos agricultores preocupados com as suas culturas.

Tudo isto acontece por causa do aquecimento global causado pelo excesso de dióxido de carbono na atmosfera que, por sua vez, é provocado pelo uso excessivo do carro a gasolina ou gasóleo, o uso excessivo do plástico, que é feito à base de petróleo, etc. Tudo isto faz mal ao planeta.

Estas fotos retratam a primavera a chegar à nossa escola! Abel Almeida 4/4/2022 🦔

A primavera chegou à nossa escola

Abel Almeida

Texto de opinião - Tomás Faria, 5º G


Após a leitura integral e análise da obra "A Viúva e o Papagaio" de Virginia Woolf, nas aulas de Escrevilendo Português, foi proposto aos alunos a redação de um texto de opinião sobre a mesma.

Partilhamos o texto do Tomás Faria, do 5ºG, expondo a sua opinião.

A Víúva e o Papagaio 5ºG.pptx

Desabafos de guerra

numa página de diário... do 8ºano


Numa abordagem à realidade que o povo ucraniano está a viver neste momento, os alunos das turmas do 8º ano, F, G e I, realizaram estes trabalhos nas aulas de português, com a Profª Anabela Carvalheira, colocando-se na pele de um ucraniano e escrevendo uma página de um diário com desabafos sobre a guerra.
14/03/2022Querido diário,Não sei muito bem como é que eu me ando a sentir ultimamente, mas sei que tenho adiado o que mais temia, pensar “e se fosse comigo”?...Tenho a sensação que não vamos ter paz rapidamente. Espero sinceramente estar errada, mas sinto que isto ainda não chegou nem ao fim do princípio…O que se está a passar na Ucrânia é impensável, é desumano, é caótico! Nunca pensei viver uma guerra, sim, porque por mais que seja de longe, estamos todos a vivê-la! Achava que as guerras que lia nos manuais de História e via nos filmes jamais aconteceriam em pleno século XXI! E se fosse eu? E se o meu pai e o meu irmão estivessem na guerra? Como é que seria? Onde é que eu e a minha mãe nos esconderíamos? Sim, porque sem eles, estava mais que fora de questão abandonarmos o nosso país.Será que tínhamos onde dormir?Imagino o horror por que as crianças estão a passar e o medo que as atormenta…Será que se fosse comigo, ainda estaria viva? E se a minha mãe não sobrevivesse? Eu ia para onde? Para onde é que são levadas as crianças que se perdem dos pais? E há alguém que as leve?Já para não falar nos ataques aos hospitais; acho que de tudo, isto ainda é o pior. Matar pessoas no geral é muito mau, muito mau mesmo, é gravíssimo, é desumano, é de quem não tem coração, mas atacar quem já não esteja bem, quer física quer psicologicamente, internado, ou se calhar a passar já pelos seus últimos momentos, ultrapassa tudo!!! Esta guerra já ultrapassou todos os limites e mais alguns, os imaginários até, mas isto, isto é ridículo! Estas pessoas que se encontram nos hospitais são provavelmente as que estão em pior situação, não podem propriamente lutar, não podem esconder-se, não podem fugir, não podem resistir.Todos sabemos como isto acaba…Penso também na vergonha que alguns russos estão a sentir por fazerem parte do seu pais, do nojo que sentem pela pessoa que os lidera, e da incapacidade que devem sentir por não poderem ir contra o seu presidente. Não sei bem se o posso chamar desta maneira… Aquilo não é um presidente, não é uma pessoa, não é nada parecido sequer, não pode ser, pessoas não pensam da mesma maneira que este homem, também não sei se pensar é o mais adequado, uma vez que aquele traste não tem nada na cabeça!Na melhor das hipóteses, este ser é um monstro que sorri descansado na sua casa de milhões enquanto mata milhares e milhares de pessoas inocentes que tentam apenas resistir ou lutar pela pátria que lhes pertence, sem ter sequer de se mexer!E para ti Putin, já que te divertes a fazê-lo, a matar doentes entre os milhares de pessoas que morrem por tua causa, o meu desejo, é: que o cancro faça o seu trabalho e que tu morras com a dor de todos os que a estão a sentir!!!! Até breve.Constança, 8ºG
24 de fevereiro de 2022 Gostaria se trazer boas notícias para escrever aqui, mas recentemente tem-se tornado cada vez mais difícil. Mal acordei, ao ligar o telemóvel, vi algo que me aterrorizou… A Rússia declarou guerra à Ucrânia. Os bombardeamentos e tiros são constantes, um verdadeiro pesadelo na nossa realidade começou! Só consigo pensar no pior, nada mais me vem à cabeça. Tenho uma família tal como todos os outros, e, simplesmente, não consigo parar de me preocupar com o que possa acontecer com eles… A minha maior vontade é dar face e lutar! Os danos causados ficarão marcados por todo o lado! Escolas a serem destruídas, lares a serem derrubados… tudo a ser acabado. Infelizmente, não posso enfrentar tudo de mãos vazias, seria praticamente suicídio, porque no fundo estou assustada, amedrontada perante esta situação. Tenho pavor em pensar no que possa ocorrer com tantas vidas em causa. Ao mesmo tempo, não quero virar costas, fugir e deixar todos aqueles que lutam todos os dias para pôr um fim a isto; de alguma forma irei ajudar, não com armas, mas sim com pedidos de ajuda e de socorro constantes na esperança que alguém “ouça”! Jatos sobrevoam os céus da Ucrânia neste momento. A Rússia está a dar demasiados passos, quem sabe se isto tudo provoca uma 3 guerra mundial… Países de fora, nomeadamente pertencentes à NATO, já começam a ajudar com o mínimo que seja. Se os países comunistas se agruparem com a Rússia, com toda a certeza irá acontecer um grande desastre. Quando será que isto irá acabar? No meio de uma pandemia mundial, uma terceira guerra não seria o ideal. Tantas vidas a serem perdidas, dificilmente tudo voltará ao normal. Sinto que se repete, como num loop; há uns anos, houve uma guerra e uma pandemia, tal como atualmente. Claramente haverá um país a ser beneficiado no meio desta confusão, ou a Rússia desiste dos ataques e aceita que a Ucrânia não se renda, ou a Ucrânia rende-se e todos os países que lutaram juntamente têm muito provavelmente um fim igualmente trágico, maioritariamente em termos financeiros. Independentemente do que está para vir, só desejo que tudo acabe o mais rápido possível, e que das nossas vidas possamos voltar a usufruir. E bom, é isto que está a acontecer, só temos de aceitar e continuar a viver…Iara, 8ºF
Dia 24 de fevereiro de 2022, foi o dia em que todo um pesadelo começou.Estava em casa, no meu quarto, quando pego no telemóvel e me apercebo de que tudo mudou. A notícia deixou de ser casos de covid para: “A Rússia invade a Ucrânia!”. Em todo o lado estava divulgado este terrível acontecimento.Não queria acreditar que todas aquelas coisas que lemos em livros ou que nos foram contadas em História se tornariam em vivências da atualidade. Nunca me passou pela cabeça dizer isto, mas, como muita tristeza, vou dizê-lo: “Estou a viver em tempo de guerra”!Não estou no local onde a guerra está a acontecer, mas de certa forma vai e está a influenciar o resto do mundo. Os preços aumentaram e agora vivemos noutra realidade. Ajudar os refugiados que vêm para o nosso país, doando bens de higiene, alimentos e roupa fazem agora parte do nosso quotidiano.Estou agora, dia 11 de março de 2022, a escrever o que sinto e o que estes tempos têm mudado a minha maneira de pensar.Todos os dias faço uma pequena reflexão sobre o que se tem passado nestes últimos anos. Primeiro uma pandemia e agora uma guerra. O que será que vem a seguir? Será que haverá um a seguir?... Quero valorizar mais os pequenos momentos e dar valor a coisas que antes não dava tanta importância pois, neste momento, vejo que sou uma pessoa com muita sorte.Sempre foi uma realidade, mas só agora é que a ficha caiu. Acho que tenho de começar a agradecer mais por tudo o que tenho. Ter uma casa, comida, roupa e viver em paz, é tudo o que muita gente podia pedir. E sou grata por isso!Não imagino o que faria se estivesse naquele local, nem quero imaginar. Eu e ver pessoas a sofrer não nos damos muito bem! Fico ansiosa só de pensar em todo aquele sofrimento e desespero. Tiros, bombas, mortes e feridos, não conseguiria aguentar…Por favor, passemos à parte em que Putin se mata num bunker!!!Salomé Vida 8ªI


SIM à PAZ - NÃO à GUERRA

Estes poemas abordam o tema da guerra de que ouvimos falar tanto, por estes dias, nas notícias.

A guerra entre a Rússia e a Ucrânia faz-nos sentir muita tristeza e preocupação com o povo que sofre e “fica a perder, mesmo que os generais ganhem as guerras”.

A autora é a escritora Luísa Ducla Soares e os poemas foram retirados da obra Poemas da Mentira e da Verdade.

A ilustração feita no Canva, ficou a cargo da Bárbara e da Diana do clube de jornalismo.

Dia Mundial da Água

O Dia Mundial da Água celebra-se no dia 22 de março. A data serve para alertar as pessoas para poupar o bem tão valioso que é a água. Esta data comemora-se no âmbito da Conferência das Nações Unidas que se iniciou no Brasil, na cidade de Rio de Janeiro, em 1992. Os países foram convidados para festejar o Dia Mundial da Água com vista à poupança deste recurso, promovendo a sua sustentabilidade. Em 2022 o tema é “Águas subterrâneas: tornando o invisível visível”.

No dia 1 de outubro comemora-se, também, o Dia Nacional da Água. Este dia marca o início do ano hidrológico, sendo uma data de reflexão sobre os recursos hidrológicos.


Laura e Rebeca (texto); Inês e Nelly (imagem)

Dia Mundial da Poesia e da Árvore

No dia 21 de março, assinalou-se o Dia Mundial da Poesia e da Árvore. Por isso, a turma do 5ºE, em Escrevilendo Português, deu largas à imaginação e com a sua veia de escritores celebraram esta data escrevendo estes acrósticos.

Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image

Um miminho ao Pai


Pai, dou-te muito amor e carinho.

Por ti tenho muita dedicação!

Mando-te um abraço muito quentinho,

Pois estás sempre no meu coração!


Ajudo-te a dar comida ao cão,

A cozinhar pratos super deliciosos!

Divertimo-nos a ver um filme de ação.

És a minha fonte de inspiração!


Pai, és um ser muito especial,

Divertido, atencioso e brincalhão

Estás ao meu lado no bem e no mal.

Espero ter sempre a tua atenção!



Alunos do Centro de Apoio à Aprendizagem (CAA)

Entrevista ao GAA (1).pdf


St. Patrick’s day Leprechaun


O Leprechaun, ou duende do Dia de São Patrício é uma fada ou criatura mítica do folclore irlandês. A maioria das fadas são delicadas e bonitas, mas esta não é! Parece um velho e tem cerca de 60 cm de altura. É ruivo e veste-se de verde da cabeça aos pés, tem orelhas pontiagudas e carrega um pau grande chamado shillelagh, que usa para assustar quem tenta roubar-lhe o ouro. Prefere ficar sozinho e passa o tempo a fazer sapatos ou à procura de ouro. Reza a lenda que, se capturados por um humano, concedem 3 desejos em troca da sua liberdade. Mas este duende tem muitos truques na manga para te fazer desviar o olhar o tempo suficiente para ele desaparecer, para que nunca saibas o paradeiro dos seus tesouros escondidos.

Prof. Ana Madalena

https://undutchables.nl/about-us/blog/st-patricks-day-the-tale-of-the-leprechauns (consultado em 17 /03/2022)

Comemoração do Saint Patrick's Day na Extensão Frei Gil

No dia 17 de março celebrámos na nossa escola o Saint Patrick 's Day, uma atividade da disciplina de Inglês.

Os alunos ficaram a conhecer um pouco da cultura irlandesa, foram convidados a vir vestidos de verde nesse dia, a fazer um chapéu parecido com o do Leprechaun e algumas turmas decoraram as portas das salas de aula, assim como vários espaços da escola.

O Saint Patrick 's Day é celebrado para homenagear São Patrício, padroeiro da Irlanda, que morreu no dia 17 de março. Há muitos anos, o Saint Patrick 's Day era uma festa religiosa. Neste dia as pessoas vestem roupas verdes e saem à rua fazendo desfiles..

A cor verde, ao longo dos anos, foi ganhando mais importância no Dia de São Patrício.No século XVII, nas celebrações as pessoas usavam fitas verdes e trevos. Dizem que São Patrício usou o trevo para explicar a Santíssima Trindade, por isso o uso dos trevos de três folhas e similares estão ligados aos festejos.

Curiosidades:

Na revolta irlandesa de 1798, no dia 17 de março, os soldados irlandeses vestiram uniformes verdes na esperança de chamar a atenção de todos para a revolta e para os seus ideais. Quando os irlandeses usam a expressão "the wearing of the green" (Vestir o verde), significa que se referem aos soldados rebeldes.

Fontes: Wikipédia, Dia de São Patrício, consultado a 14\03\2022

https://pt.wikipedia.org/wiki/Dia_de_S%C3%A3o_Patr%C3%ADcio

Mariana Pereira

The leprechaun


He is short and a bit fat.

His mouth is big and his nose is big, too!

He has got big round green eyes.

He has got wavy red hair and red beard.

He looks friendly and funny.

He has got a pot of gold on the other side of the rainbow.

He is very rich.

English Class 6ºI - Colective writing.

St. Patrick’s Day

Nas últimas aulas de Comunicar em Inglês aprendemos um pouco mais sobre esta festividade da Irlanda (país que faz parte do Reino Unido).

No dia 17 de março celebra-se o dia de São Patrício. Nos Estados Unidos da América também é uma festividade muito comemorada devido ao elevado número de imigrantes irlandeses (“Irish people).

Aprendemos sobre o prato típico: “corned beef and cabbage” (carne bovina curada e repolho). Porém, o que achámos mais engraçado foi saber que os meninos se vestem de verde e que beliscam quem não se veste assim.

A nossa porta representa um “leprechaun” (duende) dentro do “pot of gold” (pote de ouro) pois aprendemos que são muito ricos, mas pouco amigáveis, logo não gostam de partilhar o que é seu. Decorámos “shamrocks” (trevos da sorte) e cada um de nós pintou a sua própria moeda, já que a nossa professora nos disse que “these kids are as good as gold”, ou seja que: nós somos “tão bons como ouro”!

Por fim, só nos falta dizer que gostámos de conhecer melhor um dos nossos “neighbours” (vizinhos) europeus: os irlandeses.

Turma: 5.ºF

Disciplina: Escrevilendo Português

☘️- St. Patrick's day - ☘️

“St. Patrick’s Day” é uma tradição da Irlanda e celebra-se a 17 de março (data da morte de “Saint Patrick”, o patrono deste país).

Resolvemos trazer um pouco do espírito desta celebração irlandesa e decorámos a porta da nossa sala de aula em que a cor dominante é o “green” e os vários elementos associados a esta tradição: “the shamrock” (o trevo da sorte); “the leprechaun” (o duende); “the rainbow” (o arco-íris); “the green hat” (cartola verde) e “the pot of gold” (pote de ouro).

Esta atividade foi interessante, pois ficámos a conhecer esta tradição e, sobretudo, adorámos dar alegria e cor à nossa “classroom door”.

“We are so lucky to be in school!”

Turma: 5.ºE

Disciplina: Escrevilendo Português

☘️ - As bênçãos Irlandesas ☘️

Ao longo da história, a Irlanda sempre teve uma forte relação com a religião. Até recentemente, a igreja tinha uma grande influência sobre muitos aspetos da vida irlandesa. O feriado nacional mais popular, St. Patrick’s Day, ou o Dia de São Patrício, é celebrado a 17 de março, dia em que morreu o homem de nome Pádraig que trouxe o cristianismo para a Irlanda a partir do século V e que terá usado o trevo de três folhas para explicar a Santíssima Trindade aos pagãos celtas.

Os irlandeses são pessoas acolhedoras e gostam de oferecer, a quem entra em sua casa, uma boa chávena de chá. Também têm uma longa relação com a palavra falada e escrita. Muitos dos escritores mais aclamados do mundo são irlandeses: Oscar Wilde, James Joyce e W.B Yeats entre outros. Esse amor por palavras e talento pela poesia e pela música combinado com os profundos laços com o cristianismo e a religião, resultou em algo bastante único - as bênçãos irlandesas.

As bênçãos irlandesas são usadas normalmente em cerimónias de casamento, reuniões familiares e outras ocasiões especiais. Surgiram tantas bênçãos ao longo dos séculos que se pode dizer que há uma bênção dedicada a quase todos os eventos da vida. O tema geral da maioria destas bênçãos é ver o lado positivo de uma situação menos boa, ou celebrar as melhores partes de uma ocasião feliz.

Hoje, todos estamos cientes da importância do pensamento positivo para a nossa saúde mental e física, por isso, estas bênçãos já contribuem há muito tempo para o bem estar do povo irlandês, ou de qualquer outro povo que as conheça.

Aqui ficam alguns exemplos de Irish Blessings!🙏

☘️Prof. Ana Madalena☘️

1º Encontro de Voleibol Infantis B / Iniciadas (fem) que se realizou na extensão Frei Gil no dia 10/03/2022.

Provérbios Ilustrados do 5ºE

Mais uma vez, partilhamos um trabalho do 5ºE realizado na disciplina de Escrevilendo Português, no âmbito do estudo da fábula. Foi pedido aos alunos que apresentassem a moralidade ou ensinamento através de provérbios populares ilustrados.

De acordo com a professora Paula Vital Costa, os trabalhos apresentados foram bastante interessantes . Fica aqui este trabalho feito pela aluna Matilde Ferreira.

março 2022

Mega Atleta - Finais - 2022

No passado dia 3 de março, realizou-se no Campo de futebol/Escola Secundária em Oliveira do Bairro o evento Mega-Atleta.

Foram realizadas as provas do mega- kilómetro e as finais do mega-salto ,mega-sprint e mega-lançamento.

O tempo não estava muito a favor mas tempos depois abriu o Sol permitindo assim a realização das provas.

A cada aluno era disponibilizado, depois da prova uma peça de fruta e uma garrafa de água .

Carolina Esgueira Figueiredo

VID-20220314-WA0003.mp4
VID-20220314-WA0004.mp4
VID-20220314-WA0005.mp4

Desporto Escolar

🏃🏻 Mega Atleta⛹️‍♂️

Realizou-se na nossa escola, no passado dia 16 de fevereiro, a atividade MEGA ATLETA.

Os alunos inscritos realizaram as provas do Mega Salto, Mega Lançamento e

Mega Sprint.

Estava um dia cinzento e ainda choveu um pouco, mas ainda assim não impediu que tivessemos uma Mega-Tarde bem passada.

A importância dos animais selvagens viverem em liberdade.

Photo by A G on Unsplash

Publicamos os textos de opinião elaborados pelos alunos do 5º E e 5ºG, a propósito do tema trabalhado nas aulas de Escrevilendo Português.

Está de regresso o concurso das rolhas de cortiça!!!

Este ano, mais uma vez, vamos ver qual é a turma que consegue recolher o maior número de rolhas.

Para conseguir o prémio, é necessário arranjar o maior número de garrafões cheios de rolhas de cortiça.

Podes pedir rolhas a um familiar teu, ou pedir a um café, restaurante perto da tua casa. Se conseguires, a tua turma irá receber um prémio.

As rolhas de cortiça vêm da casca de sobreiro. Para extrair a cortiça são necessários 25 anos para se realizar a primeira extração, por isso é que as rolhas devem ser recicladas.

Após recicladas podem ser utilizadas para fazer: malas, estojos, carteiras e também revestimentos para casas, etc…

Participa e contribui para a valorização da cortiça.

Abel Almeida14-02-2022

Semana dos Afetos 💕

no CAA da Extensão

Com a orientação das professoras de Educação Especial, os alunos do CAA da Extensão Frei Gil realizaram atividades alusivas à Semana dos Afetos. Foram implementadas estratégias diversificadas com vista ao desenvolvimento de competências específicas, a saber:

  • Audição e exploração de canções sobre o amor e a amizade;

  • Brainstorming subordinado à temática dos sentimentos e emoções;

  • Construção de cartazes ilustrativos;

  • Elaboração de espetadas de gomas e de porta-bombons, salientando a importância da partilha destas “guloseimas” com amigos, colegas ou familiares.


Como vão poder verificar após visualização das fotos que se seguem, esta semana foi repleta de emoções fortes: entusiasmo, espírito de partilha e interajuda, alegria e, principalmente, muito AMOR.

Dia mundial da rádio

O Dia Mundial da Rádio comemora-se todos os anos a 13 de fevereiro.

A data foi declarada em 2011 pela UNESCO e o primeiro Dia Mundial da Rádio foi comemorado em 2012.

É pela rádio que ouvimos música no carro, em casa e em todo o lado. No dia mundial da rádio podes visitar o museu da Radiolândia. Lá podes ver centenas de rádios antigos e outros mais modernos.

É um meio bastante útil para a população, seja como ferramenta de apoio ao debate e comunicação, de promoção e para se divulgarem factos e histórias.

A rádio acompanhou os principais acontecimentos históricos mundiais e hoje continua a ser um meio de comunicação fundamental. Este meio de comunicação social adaptou-se à era digital e continua a ser um meio fiável para a população, que recebe a informação na hora, sendo esta uma das características mais positivas da rádio.

fonte .https://pt.unesco.org/courier/2020-1/que-celebramos-o-dia-mundial-do-radio

Inês Costa

A MANTA DOS AFETOS 💖

Hoje, dia 14 de fevereiro, comemora-se o Dia dos Namorados, então, no âmbito do Projeto de Educação para a Saúde em articulação com a disciplina de Cidadania, os alunos fizeram uma “Manta Dos Afetos'' que está exposta para a comunidade no bar da nossa escola.

Cada turma decorou um pedacinho de tecido, com a dimensão em 30 cm x 30 cm, baseadas nos tradicionais “Lenços dos Namorados” e assim, juntando os pedacinhos de todas as turmas, formaram uma manta decorada com mensagens sobre o tema “Afetos”.


Bárbara, Diana - 14-02-2022

Rosas ao Vento

Exposição

Neste início do semestre, os professores de Geografia das turmas de 7ºano, juntamente com o professor de História e Geografia de Portugal das turmas 5ºE, 5ºF e 5ºG, com tinha sido proposto e planificado no PAA (Plano Anual de Atividades) de cada disciplina, elaboraram exposições chamadas “Rosas ao Vento”.

A atividade teve três objetivos essenciais: consolidar conhecimentos de ambas as disciplinas, nomeadamente o de assimilarem os diferentes rumos da rosa-dos-ventos necessários (Norte, Sul, Este e Oeste) à localização geográfica; trabalhar a área de competência da sensibilidade estética e artística e, contribuir para o desenvolvimento de uma consciência ambiental, ao dar privilegio à reutilização de materiais na construção dos trabalhos.Os alunos podiam utilizar materiais recicláveis, tais como: cartão, rolhas de cortiça, cápsulas de café, entre outros…

Os trabalhos podem ser apreciados em exposição nos bares das respetivas escolas.

Podemos encontrar trabalhos mais elaborados e outros mais simples, mas todos são criativos.

Mariana e Carolina

14-02-2022

MIÚDOS A VOTOS

Vem fazer campanha para eleger o livro mais fixe

O “Miúdos a votos” é uma iniciativa da revista VISÃO Júnior e da Rede de Bibliotecas Escolares para aumentar o gosto pela leitura e, em simultâneo, ajudar a perceber como se organiza e para que servem as eleições.

A nossa escola está inscrita, assim como cerca de 800 escolas de todo o país.

Os livros que vão a votos foram os mais vezes propostos pelos alunos de todas as escolas.

Mais de 28 mil alunos apresentaram o seu livro preferido como candidato às eleições do livro mais fixe dos miúdos portugueses.

Apresentamos-te aqui a lista dos livros em que podes votar para cada ciclo.

Passa pela Biblioteca da nossa escola para saberes mais sobre como podes fazer a campanha para eleger o teu livro como o mais fixe de todos!

João, Mara e Angelina07-02-2022

😊2ºCiclo📚

📕3º Ciclo📚

Atividades do CAA na Extensão Frei Gil

Dia Mundial do Puzzle

Os alunos do CAA da Extensão Frei Gil, com a orientação das professoras Marlene Santos e Conceição Papel, realizaram atividades alusivas ao Dia Mundial do Puzzle. Construíram os seus próprios puzzles, pintando e recortando e elaboraram uma pesquisa sobre este dia. Aqui partilhamos o resultado do seu trabalho.

De todos os tamanhos e feitios, com muitas ou poucas peças, a cores ou a preto e branco, podem ser feitos de forma individual ou em grupo. Por vezes são verdadeiros quebra cabeças, mas trazem também muita diversão. Sabes do que se trata? Isso mesmo, de puzzles!

O Dia Mundial do Puzzle celebra-se a 29 de janeiro. Este dia foi criado em 1995 nos Estados Unidos da América pelas empresas de jogos com o objetivo de promover este tipo de divertimento no país. Entretanto, a data espalhou-se pelo mundo.

Podes tornar-te num verdadeiro Cientista dos Puzzles e fazer o teu próprio puzzle para oferecer aos teus amigos e família.

Jesus Corser; 7º H

Simão Pato; 5º E

Parlamento dos Jovens

Resultado das eleições no AEOB

No passado dia 14 de Janeiro, foram realizadas eleições para o Parlamento de Jovens.

Todos os alunos do AEOB do 2º e 3º ciclo foram com os seus professores voltar numa das 12 listas do Agrupamento para eleger um representante.

As urnas de voto encontravam-se no bar das escolas, onde os alunos realizaram o seu direito de voto.

No dia 17 de janeiro, saíram os resultados das eleições.

A lista L, vencedora destas eleições, consegui arrecadar 231 votos e estas foram as propostas apresentadas:

  1. Criação de campanhas ( POLÍGRAFO) por redes sociais.

  2. Criação de uma aplicação para desmentir notícias.

  3. Divulgação de informação por celebridades ou canais televisivos.

  4. Criação de um movimento voluntário de distribuição de revistas, jornais, ect.

  5. Abordagem do tema nas escolas.

Carolina , Mariana.

Dia Internacional do Riso

O dia do Riso comemora-se no dia 18 de janeiro.

Este é um dia especial e divertido! Conta anedotas com os teus amigos; vê um filme de comédia ou lê um livro engraçado.

Neste dia tenta ficar o mais sorridente possível, porque rir faz bem à saúde:

-reduz o stress;

-queima calorias;

-melhora o sono;

-fortalece os teus abdominais;

-estimula a criatividade;

-ajuda a criar laços com outras pessoas...etc.


Texto: Iris Sobrano Ramos; Inês Costa 5°I

Imagem (Canva): Nelly Fardilha, 5°I

Reabertura do bar

Com o Covid 19, as escolas tiveram de fechar os bares, para não haver tantos risco, pois a maior parte dos alunos ia comprar comida e havia muitas filas .

No passado dia 13 de janeiro (quinta-feira), o bar da Extensão Frei Gil reabriu.

O bar vai funcionar só durante os grandes intervalos da manhã e da tarde, com o seguinte horário:

  • Manhã- Das 10h00 às 10h45

  • Tarde- Das 15h00 às 15h45

Os produtos disponíveis para venda são: pão com queijo, pão com manteiga, pão com atum, água de 0,5L ,fruta ( pera,maçã e banana) e iogurtes líquidos.

Mariana, Inês e Nelly

Parlamento dos Jovens

Ensino Básico 2021_22

"Estratégias para combater a Desinformação".

Em todas as escolas, alunos do 2º e 3º ciclo inscreveram-se no Parlamento de Jovens, com o objetivo de defender as suas ideias.

Na AEOB, as eleições irão decorrer já no próximo dia 14 de janeiro.

Vai haver um debate e campanhas eleitorais.

Junta-te a nós nestas eleições para o Parlamento dos Jovens.

Vota na lista que tem as melhores ideias sobre as Fake News.

Desafio-te a votar se fores capaz!

Carolina, Mariana, Rebeca & Luís

Dia Internacional do Obrigado - 11 de janeiro

O objetivo do Dia Internacional do Obrigado é simplesmente agradecer a todos aqueles que fazem parte da vida das pessoas e que as ajudam e alegram, só por existirem. Neste dia, o objetivo é dizer “obrigado” às pessoas das quais se gosta ou demonstrar esse mesmo obrigado por gestos.

O Dia Internacional do Obrigado foi criado através das redes sociais na Internet e foi se criando aos poucos no meio da comunidade, tendo um fim nobre e sempre necessário.

Mesmo parecendo insignificante, esta palavra de oito letras pode fazer toda a diferença para quem a recebe, assim como deixar mais feliz quem a diz.

Há estudos que explicam os benefícios da gratidão para a saúde. A ideia é que, ao sentirem-se gratas, as pessoas tendem a pensar positivamente. Por isso, neste dia, diz obrigado a todos os que merecem ouvir essa palavra, criando um hábito a manter pelo ano inteiro.

Já sabes a quem o vais dizer?

Adaptação - Https://www.calendarr.com/portugal/dia-internacional-do-obrigado/

Diana e Mara

🎅🎄 o Natal na nossa escola 🎄🎅


Se vais ler Contos de Grimm,

isto interessa-te!

Jacob e Wilhelm Grimm são dois irmãos alemães que entraram para a história como folcloristas e também pelas suas coletâneas de contos infantis.

Jacob Ludwig Carl Grimm nasceu em Hanau, no Grão-ducado de Hesse, na Alemanha, no dia 14 de janeiro de 1785.

Wilhelm Carl Grimm também nasceu em Hanau, no dia 24 de fevereiro de 1786.

Se quiseres saber mais, visita estes endereços https://www.ebiografia.com/irmaos_grimm/ https://pt.wikipedia.org/wiki/Contos_de_Grimm

Cur!osidade:

Sabias que há um livro que reúne cerca de 200 CONTOS dos Irmãos Grimm?!!


Luís e Matias 6ºJ

Corta - Mato Escolar 2021

O Corta-Mato Escolar é um evento desportivo, promovido pelo clube Desporto Escolar que acontece, geralmente, uma vez por ano nas escolas.

Este ano, a data escolhida para o evento na nossa escola foi o dia 23 de Novembro.

Os alunos inscritos deslocaram-se ao Estádio de Oliveira do Bairro, acompanhados por alguns professores, onde decorreram as provas dos vários escalões. Cada escalão partia em horários previamente estabelecidos e enquanto não eram chamados, os alunos apoiavam os seus colegas. A prova passou também pelo parque dos Pinheiros Mansos, o que deixou alguns atletas sujos de lama, mas ninguém se magoou.

Foi um bom corta-mato e por isso, no próximo ano esperamos que se volte a repetir.

Os atletas da Extensão conseguiram bons resultados nas provas dos seus escalões:

𝗜𝗻𝗳𝗮𝗻𝘁𝗶l 𝗔

𝐅𝐞𝐦𝐢𝐧𝐢𝐧𝐨: 1.º - Marina Almeida - 5ºF; 3.º - Fernanda Simões - 5ºH; 6º. - Elisabete Seminova -5ºH

Masculino: 1º. - Martim Moço - 5º G; 3º. - Matias Alves - 5ºI; 4º. - Martim Pereira

Infantil B

Femininos: 3º. - Rafaela Oliveira - 7ºH; 4º. - Carolina Figueiredo - 7ºE

Masculinos: 4º. -Filipe Paulo - 7ºF; 5º. - Alexandre Neves - 7ºF

Iniciados

Femininos: 1º. - Carina Antunes - 9ºI

Masculinos: 3º. - José Fidalgo -7ºF; 4º. - Mateus Mota - 8ºG; 6º. - Miguel Martins -8ºI

Juvenis Femininos : 4º. - Paula Garcia - 9ºG

Abel 6ºG

🎃 🦇👻 Halloween 2021 🎃 🦇👻

Este ano letivo, para comemorar o Halloween no nosso agrupamento, a atividade proposta pelas professoras de Inglês para o 2º e 3º ciclos foi a construção de Monstros 3D através da reutilização de materiais. Os alunos do 2º ciclo, para além da construção do monstro, ainda lhes deram voz, usando a app Chatter Pix.

As professoras de Português quiseram juntar-se ao tema e propuseram a elaboração de contos assombrosos na disciplina de Escrevilendo Português 5º e Português 6º.

O resultado foi assustador!... O espaço do bufete da Extensão Frei Gil encheu-se de criaturas horrendas feitas pelos alunos do 2º e 3º ciclos, com os mais diversos materiais. Ao longo de mais de uma semana estas criaturas puderam ser apreciadas pelos professores que elegeram as mais impressionantes.

Entretanto, nas aulas de português, os alunos concluíram as suas histórias que ilustraram e que podem ser lidas aqui, mais abaixo, assim como também podem ver e ouvir alguns monstros apresentados a concurso.

No final houve prémios para o monstro mais votado de cada turma. A professora Isabel Moreira, responsável pela extensão, fez a entrega do prémio a cada turma.


A entrega do prémio à Ana Sofia, vencedora da turma 6ºH, foi feita pela responsável da Extensão,, a prof. Isabel Moreira.
Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image
Halloween monsters presentation.mp4


Meet

the

Monsters


Monsters 5ºE.mp4

CONTOS ASSUSTADORES

Nas aulas de Português e Escrevilendo Português, as turmas do 5º e 6º ano inspiraram-se no tema do Halloween e trabalharam colaborativamente a escrita criativa, em formato de oficina, para a elaboração de contos assustadores. Aqui apresentamos os contos das turmas E e G do 5º ano e da turma G do 6º com ilustrações feitas pelos alunos. Temos mais contos para publicar brevemente...

Clica na seta ao lado do título para ler, mas cuidado...não te assustes!!

Ilustração da Matilde 5ºE
Ilustração do João Santiago - 5ºG
Ilustração da Diana Strozhuk - 6ºG

Uma visita à Escola

Esc. Português - Oficina de Escrita - Texto coletivo 5º E

Era noite de Halloween, estava lua cheia, a neblina surgia misteriosamente sob as árvores sem folhas. Os ramos espinhosos esticaram-se para agarrar os dois irmãos, Carolina e Pedro. As crianças sentiam-se apavoradas, mas continuaram a caminhar na direção da Escola, pois tinham decidido fazer uma visita noturna.

Depois de uma longa caminhada, finalmente avistaram a Escola e o seu portão enorme que, inexplicavelmente, se encontrava aberto. Sentiram um leve arrepio, os corações dispararam, mas a curiosidade era superior ao medo e entraram. Lá dentro, estava muito escuro, mas a lua cheia iluminava o seu caminho. Resolveram visitar a exposição de Halloween.

Assim que entraram no espaço, depararam-se com um cenário medonho: os monstros feitos pelos alunos ganharam vida e, naquele momento, dirigiam-se até às duas crianças com um ar ameaçador… Carolina e Pedro fugiram espavoridos e gritavam:

- Socooorrooo! Não nos façam mal.

Continuaram a correr e subiram as escadas. A cada degrau que subiam, o anterior desaparecia e as criaturas medonhas, felizmente, iam ficando para trás.

Entraram no Laboratório de Ciências e esconderam-se debaixo de uma bancada, mas Carolina tropeçou numa cadeira que bateu na estante onde se encontravam os frascos das poções químicas usadas nas experiências. Um dos frascos caiu e partiu-se: crash! De repente, do seu interior viscoso, surgiu uma criatura alta, magra e estranhamente branca que lhes disse:

- Não se escondam. Não vos faço mal!

Os irmãos olharam um para o outro, abraçaram-se e Pedro sussurrou:

- Será que podemos acreditar nele?

- É a nossa única opção! – respondeu baixinho Carolina.

Os irmãos levantaram-se, sentiam-se totalmente desprotegidos, mas, ao mesmo tempo, eufóricos por estarem a viver esta experiência fantasmagórica.

- Como te chamas? – perguntou Pedro.

- Eu sou o Esqueleto Arrepiante e estava preso neste frasco há 42 anos. Obrigado por me libertarem.

Os dois irmãos estavam espantados com tal criatura e resolveram pedir-lhe ajuda.

Carolina, assustada, suplicou:

- Podes ajudar-nos a sair daqui?

- Claro! Vocês ajudaram-me e irei recompensar-vos. Sigam-me! – exclamou, alegremente, a criatura.

Os irmãos sentiram-se mais confiantes e foram atrás do Esqueleto Arrepiante que entrou numa sala escura, enorme, com mesas ensanguentadas e cortinas que baloiçavam violentamente. Sentiam-se ainda mais assustados, mas o seu novo amigo levou-os até uma das paredes que tinha uma enorme fenda.

- Esta fenda leva-vos diretamente para o recreio da Escola e vocês conseguem ir para casa – explicou o Esqueleto.

Pedro, já mais aliviado, fez a seguinte pergunta:

- Quando nós sairmos da Escola, o que te irá acontecer? Voltarás para dentro do frasco?

- Ah! Ah! Jamais voltarei para aquela prisão. Irei esconder-me durante o dia e, à noite, andarei livremente pela Escola. Este segredo fica entre nós! – pediu a criatura.

Naquele momento, com o seu dedo indicador, o Esqueleto Arrepiante tocou na fenda que se abriu e permitiu a saída dos irmãos. Antes de passarem através da fenda, viraram-se para trás e despediram-se:

- Adeus. Obrigada pela tua ajuda. Voltaremos em breve…

Assim que chegaram ao exterior, o sol nasceu e tudo voltou à normalidade.

Escrevilendo Português - Oficina de Escrita - Texto coletivo 5º E

(em articulação com a disciplina Comunicar em Inglês)

Uma noite arrepiante

Esc. Português - Oficina de Escrita - Texto coletivo 5ºG


A lua cheia brilhava no céu escuro lembrando um “flash” de luz incandescente. Raul e Ana caminhavam apressadamente, pois já estavam atrasados para a festa de “Halloween”. Tinham recebido a morada pelo “WhatsApp” e estavam muito intrigados, já que não conheciam o local, mas, no caminho, viram várias pegadas e seguiram-nas. Finalmente, encontraram um portão enorme repleto de teias de aranha luminosas. Tinham chegado ao local da festa: um cemitério.

Estavam muito assustados, mas, ao mesmo tempo, ardiam de curiosidade e entraram. Foram recebidos por duas árvores que os tentaram prender com os seus ramos espinhosos, mas as crianças conseguiram escapar.

Já no interior do cemitério viram várias campas abertas e, do seu interior, saíam esqueletos, múmias, fantasmas, morcegos… De repente, das duas últimas campas, saltaram duas figuras monstruosas: o Palhaço Assassino com dentes afiados e o Lobisomem com o corpo coberto de sangue. As duas crianças ficaram aterrorizadas e desataram a correr para a capela que existia ao fundo do cemitério.

- Eu acho que nesta festa somos nós o banquete! – gritou o Raul.

- Eu também acho. Vamos esconder-nos na capela – disse a Ana cheia de medo.

Já no interior da capela, veem um caixão preto e comprido. Olharam um para o outro e tiveram o mesmo pensamento: “Este é um bom sítio para nos escondermos.” O caixão estava apoiado em dois bancos, ajudaram-se um ao outro e entraram rapidamente, pois já sentiam que os dois monstros estavam à porta da capela. Quase que não conseguiam respirar, tal era o medo que sentiam…

O Palhaço Assassino e o Lobisomem derrubaram a porta da capela e entraram. Logo perceberam que os miúdos só poderiam estar escondidos no interior do caixão e, cheios de energia, levantaram a tampa. Raul e Ana sentiram-se apavorados, mas, nesse instante, dentro do caixão, surge uma porta misteriosa e eles resolvem abri-la…

Do outro lado da porta, deparam-se com uma animada festa e reconhecem os seus amigos. Na sua direção caminham o Palhaço Assassino e o Lobisomem que retiram as suas máscaras e gritam:

- Finalmente encontraram a porta para a nossa festa!

Raul e Ana ficaram boquiabertos e disseram:

- Como é que planearam isto tudo? Apanhámos um grande susto.

O Palhaço Assassino soltou uma sonora gargalhada e explicou:

- No “Halloween” tudo pode acontecer. Divirtam-se!

Escrevilendo Português - Oficina de Escrita - Texto coletivo 5ºG

(em articulação com a disciplina Comunicar em Inglês)

A ÚLTIMA CASA

Português - Oficina de escrita - Texto coletivo 6ºG


Numa noite de Halloween, a lua cheia escondeu-se na neblina quando os amigos lá do bairro terminavam a sua aventura de doçuras e travessuras. A Jessie, o Fred e o Joca adoravam pregar sustos às pessoas, mas, nessa noite algo de inesperado aconteceu.

Um raio estrondoso atravessou o céu revelando uma casa assustadora e arrepiante. Pareceu-lhes que, a cada relâmpago, a casa mudava de forma. Curiosos, os amigos dirigiram-se para a casa sem hesitar.

Os ramos das árvores sussurravam como se os avisassem do perigo, mas eles ignoraram e avançaram destemidos. Bateram numa porta velha, suja, mas robusta e, subitamente, esta abriu-se com um gemido arrepiante.

Ninguém apareceu à porta. Eles chamaram, mas ninguém respondeu, então os amigos resolveram entrar. No entanto, assim que o fizeram, a porta fechou-se violentamente e as janelas fecharam-se também.

- Oh, não! - gritaram os amigos em coro.

- Como vamos sair daqui, Fred? - perguntou a Jessie enquanto tentava abrir a porta, desesperadamente.

- UAh, Ah, Ah! Quem ousa invadir a minha casa? - interrogou uma velha, muito velha, que surgiu por uma parede esburacada, cheia de humidade e teias de aranha.

Os amigos nem tiveram tempo para reagir. A velha empurrou-os para um buraco escuro que surgiu no chão e os levou para uma cave bafienta e assustadora. As paredes pareciam ondular e moviam-se em direção ao centro, encolhendo o espaço e deixando os amigos cada vez mais aflitos.

A Jessie sente que alguma coisa caiu sobre si e a prende ao chão. Ela tenta libertar-se agitando os braços.

Socooorroo! - gritou ela. Ninguém lhe responde e começa a pensar que é o fim ...

Eis que uma luz se acende e uma voz chama por si:

— Jessie, eu estou aqui...Tem calma. Está tudo bem!

—Tudo bem?! Mas...!

— É a mãe, minha filha. Já passou. Foi só um sonho mau...

—Mãe?!Oh! Que bom que estás aqui...

Quando a Jessie se encontrou com os seus amigos, contou-lhes o seu pesadelo. Eles riram-se pois achavam muita piada aos sustos que os outros apanhavam.

Português - Oficina de escrita - Texto coletivo 6ºG

(em articulação com a disciplina de Inglês)

Sopa no recreio

Os alunos do AEOB comemoraram o dia da alimentação no recreio da escola, no passado dia 15 de outubro.

Festejaram este dia comendo sopa feita pelos seus encarregados de educação.

O dia estava alegre e o sol radiante, por isso, o recreio foi uma escolha acertada. Cada aluno trouxe uma tigela e uma colher e, com a ajuda dos delegados, as professoras transportaram as panelas para um local abrigado no recreio.

Todos comeram até se fartar e ainda foram ver uma exposição onde puderam aprender sobre escolhas alimentares saudáveis decifrando adivinhas sobre a alimentação.


Matias e Guilherme 6ºJ

Dia da alimentação

16-10-2021

Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image

Marcadores de livros para leituras saudáveis

Em articulação com as disciplinas de Artes e de Ciências, os alunos fizeram marcadores de livros que ilustravam peças de fruta e continham mensagens sobre a importância de uma alimentação saudável. Cada aluno fez dois marcadores, escolhendo o mais bonito para ser oferecido a quem passasse na exposição do cantinho ISTO INTERESSA_TE! da nossa escola. Os marcadores foram elogiados e apreciados por todos. Guilherme 6ºJ

Bárbara Silva 6ºG (feito no Canva)

Dia Mundial da Música

Neste ano letivo, dia 1 de outubro, o Dia Mundial da Música foi comemorado na Escola Acácio Azevedo-Extensão Frei Gil.

A professora de educação musical sugeriu a apresentação de uma dança e algumas alunas da turma 6ºG dançaram para toda a escola, durante o intervalo da manhã, em comemoração desse dia.

Foi um intervalo cheio de animação e ritmo.

Bárbara e Diana 6ºG

Os alunos do 2º ciclo celebraram as línguas europeias aproveitando a proximidade do Dia Internacional da Paz que se comemora a 21 de setembro. Como não podia deixar de ser, PAZ foi a palavra escolhida e, cada aluno, por sua iniciativa, pesquisou e elaborou no Canva uma imagem com a bandeira de um país e a palavra Paz escrita na língua oficial. Após partilharem com a turma a descoberta sobre como se diz e escreve PAZ em diferentes línguas europeias, compilou-se o trabalho de todos os que participaram criando-se uma apresentação que aqui partilhamos.

Dia Europeu das línguas (1).mp4
DEL_2021_Paz.mp4