Quântico

Quântico. Fis. Relativo à teoria dos quanta. Encicl. A teoria dos quanta tem tríplice origem: o estudo de Planck (1900) sobre a “radiação do corpo negro”, baseado na hipótese da quantificação da energia luminosa; o artigo de Einstein (1905) sobre o efeito fotoelétrico que, retomando a hipótese de Planck, inventa o conceito de “grão” de luz; e o modelo de átomo de Bohr (1913) que explica o espectro de raias dos átomos, supondo que a energia dos elétrons no átomo é quantizada. Sublinhando o surgimento de um novo tipo de “objeto”, o quantum, o artigo de Einstein marca o início da teoria quântica. Assim, o “grão” de luz, chamado fóton em 1924, não se reduz a nenhum dos dois “objetos” (onda ou partícula) da física clássica. A descontinuidade entre as teorias clássica e quântica inscreve-se na relação de definição da teoria quântica proposta por Planck: E=hv (um conceito de natureza corpuscular, a energia E, encontra-se ligado a um conceito ondulatório – a frequência v via h, a constante de Planck, cujo valor numérico delimita o domínio quântico). (1)


Teoria Quântica. Teoria da física moderna que tem em consideração as discretas intensidades da radiação atômica. Em termos mais genéricos, a teoria quântica procura explicar todos os fenômenos em termos de pequenos passos, em contraste com as teorias que assentam na noção de continuidade. (2)


(1) DICIONÁRIO ENCICLOPÉDICO ILUSTRADO LAROUSSE. São Paulo: Larousse, 2007.

(2) HUXLEY, Sir Julian e outros. O Pensamento: Filosofia, Religião, Moral. Publicações Europa-Americana, 1970 (Glossário).