CENTRO HOSPITALAR COVA DA BEIRA

COVILHÃ | FUNDÃO

“POLVOS MÁGICOS” ABRAÇAM PREMATUROS NO CHCB

A introdução de polvos feitos em croché, na Unidade de Neonatologia do Centro Hospitalar Cova da Beira, desde o passado mês de junho, resulta de um projecto iniciado em 2013 na Dinamarca e já replicado em vários outros países, com resultados práticos de saúde e bem-estar muito positivos para bebés prematuros, reconhecidos quer por progenitores quer por profissionais de saúde.

O conceito que chegou este ano a Portugal e foi adoptado por alguns hospitais, dentre os quais o CHCB, tem o objectivo de promover o bem-estar e a saúde de recém-nascidos prematuros ou com patologias várias, que confortavelmente abraçados aos tentáculos dos “amiguinhos de croché” se sentem mais tranquilos e reconfortados na sua recuperação, já que os tentáculos de algodão se assemelham ao cordão umbilical, e dessa forma recriam um ambiente vinculativo mais humanizado e aproximado ao do meio uterino, o que lhes confere uma maior segurança e conforto.

Apesar de ainda não ser conhecido, registo científico que certifique os benefícios desta dinâmica, os promotores da sua implementação e muitos profissionais de saúde atestam que os polvos acalmam os bebés e ajudam a reduzir a sua frequência cardíaca e respiratória, o que o faz respirar melhor, ter batimentos cardíacos mais regulares, níveis de oxigénio no sangue superiores e o essencial ganho de peso.

Além disso, a agitação e tentativa de arrancar as sondas e cateteres que os monitorizam e tratam é significativamente reduzida, por substituição dos tentáculos, com os quais delicadamente, os pequenos dedos interagem, no seio da incubadora.

A utilização dos polvos de croché, não diminui nem exclui, o recurso a práticas consagradas como o método canguru, o aleitamento materno e outras. Esta técnica é sim um complemento às demais, adoptada em prol do conforto e recuperação dos mais pequeninos.

No CHCB, a unidade de Neonatologia conseguiu até ao momento angariar 22 polvos, fruto da boa vontade de vários cidadãos anónimos e do grupo de Voluntariado do CHCB, que generosamente contribuíram para a oferta dos materiais e também para a confecção dos mesmos.

Contudo, para que esta iniciativa tenha continuidade, e para que todos os recém-nascidos prematuros ou com problemas possam usufruir dos polvos mágicos, o CHCB apela à participação e solidariedade de todos, para que dentro das suas aptidões e disponibilidade confeccionem e ofereçam estes amorosos bonecos de croché a quem deles verdadeiramente precisa, os nossos bebés.

Para conhecer algumas instruções de confecção e requisitos de segurança a ter em conta na elaboração dos polvos, consultar: www.facebook.com/polvinhosmagicos. Os polvos podem ser entregues directamente na Unidade de Neonatologia ou no Serviço de Comunicação do CHCB.

MATERNIDADE DO CHCB ASSOCIA-SE À COMEMORAÇÃO DO DIA DA GRÁVIDA

Para assinalar o Dia da Grávida, que anualmente se celebra a 9 de Setembro, o Gabinete de Desporto da Câmara Municipal da Covilhã realizou uma iniciativa no Complexo Desportivo da Covilhã, que abordou e desmistificou alguns temas relacionados com a gravidez, trabalho de parto e cuidados prestados ao recém-nascido, por forma a promover uma parentalidade positiva e eficaz. Esta ação visou ainda destacar a importância do bem-estar da mãe resultante da prática de exercício físico, quer durante a gravidez, quer no período do pós-parto.

O Centro Hospitalar Cova da Beira associou-se a esta iniciativa, através do Grupo de Preparação para a Parentalidade, promovendo pela mão das enfermeiras especialistas em saúde materna e obstétrica, Susana Batista, Graça Veiga, Ilda Santos e Manuela Cunha as seguintes atividades:

- Aula de trabalho de parto e postura;

- Workshop " O banho do recém-nascido".

Esta iniciativa destinou-se a grávidas, com mais de 14 semanas de gestação e a puérperas, 4 semanas após parto normal ou 6 semanas após cesariana.

ENTREVISTA

Catarina Mateus, Responsável pelo Gabinete de Gestão da Qualidade do CHCB é a entrevistada em destaque na 8ª edição da Newsletter da SPMS (Serviços Partilhados do Ministério da Saúde) de 11 de setembro/2017.

Para aceder à Newsletter clique neste link http://spms.min-saude.pt/…/2…/10/NewsLetter_CSH_N%C2%BA8.pdf

IMPLANTE DE “PRÓTESE PENIANA INSUFLÁVEL” REALIZADO PELA PRIMEIRA VEZ NO CHCB

No dia 8 de setembro, realizou-se pela primeira vez no CHCB, uma cirurgia para implantação de uma “prótese peniana insuflável de 3 componentes”, um tratamento de última geração para homens com disfunção erétil, que não obtêm melhorias com as demais terapêuticas.

O doente submetido a este procedimento, trata-se de um indivíduo com 48 anos de idade, vítima de um acidente de viação grave, do qual resultaram várias fraturas da bacia, lesão do plexo lombossagrado (região lombar) e outras sequelas, das quais se destaca disfunção erétil de causa neurológica, que apesar de todas as terapêuticas tentadas para reverter o quadro não apresentou melhorias. Perante a idade e a motivação do doente foi-lhe implantada a referida prótese.

Dado o sucesso do implante, o doente teve alta ao 3º dia após a cirurgia e dentro de 6 semanas poderá usufruir em pleno de todas as potencialidades da prótese, recuperando assim, grande parte da normalidade que subitamente havia perdido, e melhorando significativamente a sua qualidade de vida e o seu bem-estar pessoal.

À frente deste procedimento cirúrgico esteve uma equipa constituída pelo Prof. Doutor Pedro Vendeira, urologista e Presidente da Sociedade Portuguesa de Andrologia, Medicina Sexual e Reprodução (SPA) e o também urologista do Centro Hospitalar Cova da Beira e Secretário-Geral da SPA, Dr. Bruno Jorge Pereira.

A prótese em causa, consiste numa das mais complexas e inovadoras existentes na atualidade, possuí garantia vitalícia e pelo facto de ser insuflável, simula uma ereção natural, confortavelmente promovida pelo próprio utilizador.

Desta forma, permite ao implantado a ativação da prótese, acionando a bomba colocada no escroto, acessível à manipulação e que transfere o soro do reservatório para os cilindros colocados no interior do pénis (corpos cavernosos) que ficam preenchidos e adquirem rigidez. Após a relação sexual, o doente desactiva a prótese, mediante a compressão de um pequeno botão, o soro que se encontra nos cilindros faz o trajecto inverso para o reservatório e, desta forma, o pénis regressa ao estado de flacidez.

SISTEMAS DA QUALIDADE NO SERVIÇO DE INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS DO CHCB

A “tecno hospital”- revista de Engenharia e Gestão da Saúde, produzida pela Associação de Técnicos de Engenharia Hospitalar Portugueses, apresenta na edição de julho/agosto de 2017, um dossier sobre qualidade, acreditação e certificação em saúde, da qual faz parte um artigo intitulado “Os Sistemas de Acreditação e Certificação no CHCB”.

Neste artigo destaca-se a aplicação dos sistemas de qualidade ao nível do Serviço de Instalações e Equipamentos (SIE) do CHCB e resultados práticos dos mesmos.

Para aceder ao artigo na integra clique no link:

https://app.box.com/s/1ehvsmyueongciig9e9p3ovwha4hfyq8

WORKSHOP "PÉ DIABÉTICO"

No dia 30 de setembro, teve lugar no Hospital Pêro da Covilhã um workshop sobre o "Pé Diabético", promovido pela Sociedade Portuguesa de Feridas (ELCOS).

SEMANA MUNDIAL DO ALEITAMENTO MATERNO

29 de setembro a 6 de outubro|2017

"Todos Juntos pelo Aleitamento Materno"

SESSÃO CLÍNICA EM SETEMBRO

Durante o mês de setembro|2017 realizou-se no CHCB uma Sessão Clínica.

No dia 8 de setembro, teve lugar uma Sessão Clínica de Estomatologia, subordinada ao tema “A relação da Estomatologia com a Infecciologia”. Esta sessão decorreu no auditório do Hospital Pêro da Covilhã"

LOCALIZAÇÃO

Hospital Pêro da Covilhã

Hospital do Fundão

Desenvolvido por:

Serviço de Comunicação, Marketing e Eventos

CENTRO HOSPITALAR COVA DA BEIRA - HOSPITAL UNIVERSITÁRIO | COVA DA BEIRA HOSPITAL CENTER – ACADEMIC HOSPITAL

Alameda Pêro da Covilhã, 6200-251 Covilhã, PORTUGAL

TEL +351 275 330 000 FAX +351 275 330 001

cme@chcbeira.min-saude.pt

www.chcbeira.pt