Natureza‎ > ‎Fauna‎ > ‎

Aves

A variedade de habitats presente na zona proporciona a presença de muitas espécies de aves. Conhecendo-se a riqueza ecológica dos montados garante-se a observação de muitas espécies num breve passeio pela região.
 
A não existência de grandes barragens leva a que nesta zona as espécies de aves aquáticas não abundem. Nas grandes áreas de monoculturais de eucalipto a noroeste da localidade de S. Facundo a ocorrência de aves também cai para valores quase insignificantes.
 
Sugere-se vários locais para desfrutar de um bom passeio ornitológico: Vale de Santo; Painel; Favaqueira; e Molha-pão. (não esqueça de calçado adequado, chapéu e água)

Verifica-se que na região a armação de ratoeiras (ou costelas) aos pássaros é uma prática regular. Poderão apontar-se questões culturais, mas a cultura é dinâmica e altera-se com as necessidades e consciência ética das pessoas. Trata-se de um método de captura que leva à morte imediata e não selecciona a ave, ou seja, poderá ser morta uma espécie muito comum, mas também a infeliz contemplada poderá ser a espécie mais rara. As espécies mais afectadas são as espécies insectívoras e as que se alimentam de frutos, dando como exemplo o lindíssimo e pouco comum Papa-figos. Embora com muito menos regularidade, outros métodos são utilizados, como as redes invisíveis.

Assim, não discutindo mas alertando que se trata de uma prática ilegal, apela-se à consciencialização das pessoas referindo que na época de nidificação o impacte das capturas/mortes é exponencialmente maior por afectar directamente toda a ninhada.


Faz-se de seguida uma listagem das muitas espécies que ocorrem pelas terras da Zonalheira, com referência ao nome vulgar, ao nome científico e ao estatuto que se considera o adequado para cada espécie na zona.

        Estatuto:

            Fenologia local:

                            R: residente;

                            E: estival;

                            I: invernante;

                            MP: migrador de passagem;

                            Int: introduzido.

            Abundância local:

                            1: muito abundante;

                            2: abundante;

                            3: comum;

                            4: pouco-comum;

                            5: raro;

                            6: acidental.



Corvo-marinho Phalacrocorax carbo MP5

Carraceiro Bubulcus ibis R1

Garça-branca Egretta garzetta R4

Garça-real Ardea cinerea R3

Cegonha-negra Ciconia nigra E6

Cegonha-branca Ciconia ciconia R3

Pato-real Anas platyrhynchos R3

Falcão-abelheiro Pernis apivorus E4

Peneireiro-cinzento Elanus caeruleus R2

Milhafre-preto Milvus migrans E3

Milhano Milvus milvus E5

Grifo Gyps fulvus R6

Abutre-negro Aegypius monachus MP6

Águia-cobreira Circaetus gallicus E3

Tartaranhão-azulado Circus cyaneus MP6

Açor Accipiter gentilis R4

Gavião Accipiter nisus R3

Águia-d’asa-redonda Buteo buteo R2

Águia-calçada Hieraaetus pennatus E3

Peneireiro Falco tinnunculus R3

Ógea Falco subbuteo E4

Falcão-peregrino Falco peregrinus R5

Perdiz Alectoris rufa R2

Codorniz Coturnix coturnix E3

Galinha-d’água Gallinula chloropus R3

Borrelho-pequeno-de-coleira Charadrius dubius MP4

Tarambola-dourada Pluvialis apricaria I4

Abibe Vanellus vanellus I3

Narceja Gallinago gallinago I3

Galinhola Scolopax rusticola I4

Maçarico-bique-bique Tringa ochropus MP4

Maçarico-das-rochas Actitis hypoleucos MP4

Guincho Larus ridibundus MP4

Gaivota-d’asa-escura Larus fuscus MP3

Pombo-das-rochas (domestico) Columba livia  R1

Seixa Columba oenas I5

Pombo-torcaz Columba palumbus R3 I1

Rola-turca Streptopelia decaocto R3

Rola-brava Streptopelia turtur E3

Cuco Cuculus canorus E3

Coruja-das-torres Tyto alba R3

Mocho-d’orelhas Otus scops E5

Bufo-real Bubo bubo R6

Mocho-galego Athene noctua R2

Coruja-do-mato Strix aluco R3

Noitibó-cinzento Caprimulgus europaeus E4

Noitibó-de-nuca-vermelha Caprimulgus ruficollis E3

Andorinhão-preto Apus apus E3

Andorinhão-pálido Apus pallidus E2

Guarda-rios Alcedo atthis R3

Abelharuco Merops apiaster E2

Poupa Upupa epops R3

Torcicolo Jynx torquilla MP4

Peto-verde Picus viridis R3

Pica-pau-malhado-grande Dendrocopos major R2

Pica-pau-galego Dendrocopos minor R2

Cotovia-de-poupa Galerida cristata R2

Cotovia-escura Galerida theklae R3

Cotovia Lullula arborea R2

Laverca Alauda arvensis I2

Andorinha-das-barreiras Riparia riparia E2

Andorinha-das-rochas Ptyonoprogne rupestris R3

Andorinha-das-chaminés Hirundo rustica E1

Andorinha-daurica Hirundo daurica E2

Andorinha-dos-beirais Delichon urbica E1

Petinha-das-árvores Anthus trivialis MP3

Petinha-dos-prados Anthus pratensis I1

Alvéola-cinzenta Motacilla cinerea R3

Alvéola-branca Motacilla alba R3I1

Carriça Troglodytes troglodytes R2

Ferreirinha Prunella modularis R4I2

Pisco-de-peito-ruivo Erithacus rubecula R3I1

Rouxinol Luscinia megarhynchos E2

Rabirruivo Phoenicurus ochruros R4I2

Rabirruivo-de-testa-branca Phoenicurus phoenicurus E3

Cartaxo-nortenho Saxicola rubetra MP3

Cartaxo Saxicola torquatus R1

Chasco-cinzento Oenanthe oenanthe MP3

Chasco-ruivo Oenanthe hispanica E3

Melro-das-rochas Monticola saxatilis MP6

Melro-de-colar Turdus torquatus I6MP6

Melro Turdus merula R1

Tordo-zornal Turdus pilaris I4

Tordo Turdus philomelos I1

Tordo-ruivo Turdus iliacus I2

Tordeia Turdus viscivorus R3

Rouxinol-bravo Cettia cetti R2

Fuinha-dos-juncos Cisticola juncidis R1

Felosa-poliglota Hippolais polyglotta E2

Toutinegra-do-mato Sylvia undata R3

Toutinegra-de-bigodes Sylvia cantillans E5

Toutinegra-dos-valados Sylvia melanocephala R1

Papa-amoras Sylvia communis E4

Toutinegra-das-figueiras Sylvia borin MP4

Toutinegra-de-barrete Sylvia atricapilla R2

Felosa-de-bonelli Phylloscopus bonelli E3

Felosinha Phylloscopus collybita I2

Felosinha-ibérica Phylloscopus ibericus E3

Felosa-musical Phylloscopus trochilus MP2

Estrelinha-de-poupa Regulus regulus I5

Estrelinha-real Regulus ignicapillus I3

Taralhão-cinzento Muscicapa striata E4MP2

Papa-moscas Ficedula hypoleuca MP2

Chapim-rabilongo Aegithalos caudatus R3

Chapim-de-poupa Parus cristatus R3

Chapim-carvoeiro Parus ater R4

Chapim-azul Parus caeruleus R1

Chapim-real Parus major R1

Trepadeira-azul Sitta europaea R2

Trepadeira Certhia brachydactyla R2

Papa-figos Oriolus oriolus E3

Picanço-real Lanius meridionalis R2

Picanço-barreteiro Lanius senator E2

Gaio Garrulus glandarius R3

Pega Pica pica R5

Gralha Corvus corone R1

Corvo Corvus corax R5

Estorninho-malhado Sturnus vulgaris I2

Estorninho-preto Sturnus unicolor R1

Pardal Passer domesticus R1

Pardal-espanhol Passer hispaniolensis R5

Pardal-montês Passer montanus R4

Pardal-francês Petronia petronia R3

Bico-de-lacre Estrilda astrild Int3

Tentilhão Fringilla coelebs R1

Tentilhão-montês Fringilla montifringilla I5

Milheirinha Serinus serinus R1

Verdilhão Carduelis chloris R1

Pintassilgo Carduelis carduelis R1

Lugre Carduelis spinus I3

Pintarroxo Carduelis cannabina R2

Dom-fafe Pyrrhula pyrrhula I3

Bico-grossudo Coccothrautes coccothraustes R4

Escrevedeira Emberiza cirlus R2

Cia Emberiza cia R4
 
Trigueirão Miliaria calandra R1
 
 
 Corvo-marinho Phalacrocorax carbo
 

 

Garça-real
Ardea cinerea
 
 
 Cegonha-negra
Ciconia nigra
 
Grifo
Gyps fulvus
 
Águia-cobreira
Circaetus gallicus
 
Águia-d’asa-redonda
Buteo buteo
 
Perdiz
Alectoris rufa
 
 
 Coruja-das-torres
Tyto alba
 
Andorinhão-pálido
Apus pallidus
  
 Carriça
Trogodytes troglodytes
 
 Pisco-de-peito-ruivo Erithacus rubecula
 
Rouxinol
Luscinia megarhynchos
 
Tordo
Turdus philomelos
  

 

 

 

 

 
Fuinha-dos-juncos
Cisticola juncidis
 
Taralhão-cinzento Muscicapa striata
 
Trepadeira-azul Sitta europaea
 
Picanço-barreteiro
Lanius senator
 
Pardal-espanhol
Passer hispaniolensis
 
Escrevedeira
Emberiza cirlus