..:: Resenha: DEFENSORES DA PÁTRIA ::..


 

Resenha: DEFENSORES DA PÁTRIA

17/03/2007 Por Sergio Chaves

 

Autores: Alex Mir (roteiro e letras), Diógenes Neves (arte).

Data de lançamento: Fevereiro de 2007

Preço: R$ 4,00 - Número de páginas: 28

 

Sinopse:

Brasília, DF. O governo brasileiro toma um importante passo em sua história: a criação de uma força-tarefa especial para proteger o país. Seu nome: Defensores da Pátria – onde reúnem os seres mais poderosos da nação, cada um representando estados distintos.

São eles: Ogun (Bahia), um poderoso orixá; Transmutadora (Rio Grande do Sul), que tem o poder de transmutar a matéria dos objetos; Srbek (Minas Gerais), exímio capoeirista; Portal (Mato Grosso do Sul), cria passagens interdimensionais; Aruanã (Amazonas), índio pertencente a uma tribo desconhecida, e tem a habilidade de se transformar em quaisquer animais; Calibre (Rio de Janeiro), mestre em armas de fogo; Chuvisco (São Paulo), capaz de emitir rajadas de água; e Marasmo (Pernambuco), possui super-força, super-audição, super-visão e vôo.

A apresentação entre eles já gera muita adversidade e confusão. Entretanto, há alguém que já quer acabar com o projeto DP antes de tudo – gerando a primeira atividade deles como um grupo – mas longe de ser BEM sucedida.

 

Um detalhe interessante desta edição é como os autores conseguem transmitir um bom humor, bem dosado, e o clima aventuresco característico do gênero, além mesmo do tremendo trabalho de apresentar e ambientar as personagens para o leitor.

O estilo do desenho usado por Diógenes Neves lembra muito o utilizado pelos americanos (como fugir das influências, principalmente neste gênero?), mas demonstra personalidade própria, garantindo a excelente qualidade dos roteiros, assinados por Alex Mir. A capa é de autoria de Fábio Laguna (desenho), Diógenes Neves (arte-final) e Lula Borges (cores). A história flui muito bem, deixando a desejar ansiosamente por mais histórias - a segunda edição já está programada para os próximos meses, e o título deverá ter periodicidade semestral.

 

DEFENSORES DA PÁTRIA nº01 – Fevereiro/2007, Formato americano, 28 páginas (capa colorida, miolo em p&b), R$4,00. Publicação independente pelo Estúdio Nonsense. Editor: Alex Mir.

Contatos: Rua Roque Dell Dono, 63 – Jd.Itapeva – Mauá/SP – Cep: 09330-060

 

Fotolog dos Defensores da Pátria, clique aqui.

Comunidade do “Defensores da Pátria” no Orkut, clique aqui.