Resenha: Artlectos e Pós-humanos # 1.

31/10/2007 Por Michelle Ramos.

 

Falando de histórias em quadrinhos brasileiras, Artlectos e Pós-humanos é um material diferente de tudo que já vi. O leitor é levado ao mundo do surreal, onde o autor Edgar Franco, explora a discussão da influencia tecnológica na vida humana.

Neste “universo”, as pessoas podem substituir seus corpos orgânicos por interfaces robóticas; a bioengenharia avança de tal forma que permite a hibridação genética entre humanos, animais e vegetais.

 

A publicação aborda temas diversos, como, amor, traição, o divino, e todos os temas são trazidos de uma forma filosófica, o que engrandece o texto, a arte que em alguns pode causar certa estranheza no inicio, é facilmente absorvido durante o desenvolvimento das histórias.

 

Nesta edição temos seis histórias:

Intrangenia, Upgrade, Anunciação, Igualdade, Fé e Clonaids.

 

Artlectos e Pós-humanos destaca-se pela inovação e pela imprevisibilidade, com certeza merece ser apreciado. O Autor, Edgar Franco, é professor da PUC, veterano nos quadrinhos nacionais e também é compositor, tendo seus trabalhos na musica conhecidos e apreciados no exterior.

 

Artlectos e Pós-humanos já está em sua segunda edição; clique aqui para ler a resenha.

 

Preço: R$: 3,00

Contato: smeditora@yahoo.com.br