..:: Resenha: ARENA #1 ::..


<< Quem somos >> << Envie seu material >> << Deixe seu recado >>

Resenha: ARENA # 1

01/07/2005 Por Michelle Ramos

 

Arena foi um dos primeiros lançamentos deste ano, o editor Edvanio Pontes, é um daqueles quadrinistas que presenteiam a Hq nacional sempre com histórias de diferentes gêneros e recheadas de realidade, às vezes nua e crua, das seis Hqs publicadas na Arena 5 são de sua autoria.

A primeira Hq, “A Caçada”, Traz o herói, “Sombra da Noite” um Deputado Federal (quem disse que todo político é corrupto?) de dia e um vigilante à noite, frio, sem piedade com criminosos, Sobra da Noite faz justiça com as próprias mãos. Cleiber Vieira desenhista da história faz um belo trabalho dando vida aos sentimentos dos personagens em cada quadrinho. Uma Ótima combinação de roteiro e desenhos.

Em seguida temos um artigo sobre HQUnderground, de duas paginas, escrito por Jackson Gebien, onde podemos conhecer e aprender mais sobre o tema, suas principais características, desafios e o preconceito sofrido pelos que admiração este gênero no Brasil.

 

A Segunda Hq da revista, de nome “Amor Bandido” traz o personagem “Marreta”, uma criação de Alexandre Menezes, que é o desenhista da história junto com Hernandez Melo e Ed. Castro. Marreta é tipicamente um anti-herói Brasileiro, o nome com ceteza não é por acaso, o personagem usa uma marreta mesmo como pode ser visto na Capa, sem falar no martelo a tiracolo que ele usa nesta hq. A Hq traz a vida dura que só a favela pode oferecer em termos de criminalidade, por isso o personagem principal não poderia ser de outra forma, marrento, duro e faz o que é preciso para a sua sobrevivência e a dos outros moradores do lugar.

 

Numa gostosa pausa para o café (se bem que prefiro leite ou suco :P) é publicada uma entrevista com o editor do site Universo HQ, o Sidney Gusman, traazendo detalhes sobre seu trabalho de editor e sua saída da Revista Wizmania para trabalhar nos Estúdios Mauricio de Souza.

 

A terceira Hq é uma história de “época”. “Ladras” traz a história de duas ladras que fazem parte de um clã de Ladras, que para “vergonha” do Clã passam a aceitar a presença de um jovem que não bastando ser homem, é um homossexual que também é um ladrão, eles pretendem fazer seu costumeiro “trabalho” quando são surpreendidos por algo fantástico e por que não diabólico, é a única hq da publicação que exige continuação, todas as outras são fechadas. A Arte de Ladras é de autoria deDenis Pacherque também faz um belo trabalho.

 

Coelho Puto, é o coelho mais marrento, boca suja e grosso que já vi na minha vida! Mas o povo até onde eu sei adora, o povo já gosta em qualquer personagem num coelho então já viu...

Nessa Hq o personagm mata, trucida, empala...Rapaz a coisa é feia. A arte é de Jackson Gebien em seu característico tranço de humor.

 

A Hq Final Feliz vem logo depois, mostrando um papo entre mulheres que resulta em algumas surpresas cotidianas que vemos nos dias atuais, só lendo mesmo pra entender.

A Arte é do inconfundível Marcelo Salazar.

 

A “Saidera” não por acaso fecha a edição, escrita e desenhada pelo quadrinista Mario Oliveira, a história “Enxaqueca” é outra que se falar muito estraga, pois para piorar ela so tem uma paginas, então compre já a revista.

 

A ARENA é uma publicação da Maximus Estúdios, a revista tem seu próprio site que é muito bonito e organizado. Até onde sabemos ARENA é uma publicação aperiódica, então fique ligado para não perder a próxima edição.

 

Maiores Informações:

maximusestudios@globo.com

edvaniopontes@hotmail.com