Preview: Os F.E.D.E.R.A.L # 1

05/08/2007 por Michelle Ramos

Clique nas imagens para ampliar!

 

Mais um grande lançamento dos quadrinhos nacionais vem contudo neste mês de agosto, estou falando dOs F.E.D.E.R.A.L, uma revista idealizada pelos quadrinistas Anderson Cossa e VagnerFrancisco, eu poderia falar sobre a nova publicação e seus personagens, mas prefiro que vocês leiam o texto original escrito pelos autores publicado abaixo.

 

Obs.: As páginas internas estão sendo divulgadas emcores, mas a publicação impressa terá seu conteúdo empreto e branco.

  

 “Houve um dia em que os seres mais poderosos da Terra uniram-se contra uma ameaça comum. E assim, nasceu a maior equipe de super-heróis do planeta, disposta a enfrentar inimigos que super-heróis sozinhos não poderiam vencer.”

 

   Essa é a premissa dos Vingadores, a maior equipe de super-heróis da Marvel.

   Que super-herói não gostaria de participar dos Vingadores? O Homem-Aranha, por exemplo, sempre nutriu tal sentimento, pois entre outras vantagens, o salário que receberia poderia ser-lhe muito útil para pagar as contas no final do mês, além de ganhar status de homem de confiança do governo, acabando assim com qualquer vestígio de suspeitas sobre sua índole, que o povo ainda insiste em depositar nele.

 

   Esses tópicos também foram levantados pelo Homem-Animal, em sua vontade de participar da maior equipe de super-heróis - desta vez, da DC - a Liga da Justiça.

   A mesma DC que publicou Watchmen, na qual Rorschach declara que uma união de seres fantasiados dá a impressão de uma jogada publicitária e poderia mais atrapalhar que facilitar suas ações.

 

   Porém, não é assim que raciocina o idealizador da nossa equipe. Homem-Detergente pensa igual ao Homem-Aranha, igual ao Homem-Animal: “Aqui, nosso negócio é ganhar dinheiro, salvando o povo” – diria o empolgado líder dOs F.E.D.E.R.A.L. – “Eu quero é ser famoso, eu quero ser funcionário público; eu quero apertar a mão do presidente; eu quero morar numa mansão, namorar uma top model, aparecer em capas de revistas, ser entrevistado pelo pessoal do Pânico, ir a shows de rock, festas, todo tipo de badalação (e não necessariamente nessa ordem).

 

    E, juntamente com seu amigo, Urucubaca, Homem-Detergente dá vazão à suas ambições, recrutando Leiga, Moska e Pacotão, no intuito de formar a grande superequipe de heróis do país.

 

    Porém, o governo ainda não os conhece; a mídia ainda não os viu em ação; e nenhum supervilão teve o desprazer de cruzar seu caminho.

    Mas, esse período de inatividade dura bem pouco, pois um louco chamado Homem-tv, invade uma emissora de tv local, a fim de controlar – de início – a cidade – depois, o país e quiçá, o mundo – através dos aparelhos de tv da população – plano que ele viu no filme Batman Eternamente.

 

    Eis a grande chance que Homem-Detergente e sua equipe estavam esperando. Eles partem rumo à emissora, para fazer justiça; para chutar a bunda do Homem-tv; para salvar a cidade.

 

   Enfim... Se a Marvel tem Os Vingadores; se a DC tem a Liga da Justiça; se o Rob Liefeld tem YoungBlood, nós temos Os F.E.D.E.R.A.L. Será?

 

  • Serviço:

Os F.E.D.E.R.A.L. – one shot. 32 páginas, capa color, miolo p/b. Formato A5.

Lançamento: agosto/2007.

Desenhos, diálogos, criação e roteiro: Anderson Cossa & Vagner Francisco.

Contato: vagnerfranc@gmail.com ou anderson.cossa@gmail.com

 

  • Personagens e História

Os F.E.D.E.R.A.L foram criados na década de 90 com o nome Força da Justiça. Na época os membros, embora fossem os mesmos, tinham nomes e uniformes diferentes. As exceções eram apenas Homem-Detergente e Pacotão.

Com o passar do tempo, o que era comédia quase se tornou drama e a Força da Justiça, que era uma equipe aspirante a super-heróica, por pouco não passou para o outro lado do muro moral e tornou-se uma equipe de supervilões.

Em 2001, com o lançamento do selo Graphic Talents, da Editora Escala, Anderson Cossa e VagnerFrancisco viram a chance de trazer a Força da Justiça de volta. Rebatizados como Os F.E.D.E.R.A.L., a equipe voltou com tudo. Porém, a saga idealizada e produzida foi parar na gaveta já que o selo da Escala não durou muito tempo. E depois de algumas tentativas frustradas eis que a superequipe ganha uma edição especial única e exclusivamente dedicada a ela.

 

Membro a membro:

 

HOMEM-DETERGENTE – Nome real: Admilson dos Santos; peso: 70kg; altura 1,68m

Poderes: fazendo jus ao nome, Admilson tem o corpo recoberto por detergente. Ele também pode lançar rajadas do fluído. Isso lhe é muito útil pois lhe permite fugir de seus credores. Que são muitos.

 

URUCUBACA – Nome real: Esmeraldo Batista Barbosa; peso: 65kg; altura: 1,84m

Poderes: seu único poder é levar azar a si mesmo e a quem estiver num raio de 200km.

 

LEIGA – Nome real: Matilde Carneiro; peso: 61kg; altura: 1,71m

Poderes: Leiga possui superforça. Mas ela nunca consegue saber em qual parte de seu corpo essa força vai se manifestar.

 

MOSKA – Nome real: Lindomar Pereira Neves; peso: 60kg; altura: 1,77m

Poderes: Moska pode voar... pra bem longe do perigo.

 

PACOTÃO - Nome real: Solange da Silva; peso: (ela não revela); altura: 1,60m

Poderes: com um recheio que adquiriu na puberdade, Pacotão pode quicar em qualquer objeto sólido.