Visual Designers Cidades

  
 
 
 
 
O Universo Deslumbrante
 
[214564main_image_1028_428-321[1].jpg]
 
***  Cosmologia Universal  *** 
 
 
***  O Universo  *** 
 
 
* O Sistema Solar *
 
 
 
 
***    O Planeta Terra    ***
 



Jesus Pode Ter Mil Faces.
Nós também Podemos.
Dependendo do estado emocional e 
das divergências da Vida,  das escolhas que fazemos,
Nosso Semblante se Transforma Instantâneamente...
 Jesus Tem Mil Faces, porém como dizem os Pregadores
que se apoiam em Texto Bíblico que cita Jesus em
Situações deprimentes de Dor e Paixão, sem nenhuma Beleza.
Mas Justamente O Filho Unigênito do Altíssimo
Que Nasceu da Virgem Maria, a mulher mais Bela e Fiel
a Yahweh O Altíssimo, como Poderia Gerar Maria um
Filho Sem Brilho ou Beleza Física?  Se os filhos São
Mensagens Genéticas de Seus Pais. Neste Caso,
A Genitora Virgem Maria de Raro Explêndor,  a mais bela mulher
daquela época e "O Fruto do Santo Espírito do Altíssimo".
Não deixe que estes pregadores mal informados, lhe ponham
idéias de Um Cristo sem Beleza, sem Luz e Explêndor.
Pense Bem, Se Deus é Perfeição, então tudo que d’Ele Procede
É Belo e Perfeito, então como Jesus Poderia Ser Feio?
O Único Documento que comprova com Autênticidade a Beleza,
Sabedoria e Rexplêndor de Cristo é  um Documento do governador 
Carta do governador da Judéia, Públios Lentulus,
ao César Romano: Documento arquivado em Roma.
Sobre A Verdadeira Aparência de Jesus Yeshua, Veja:
***  Continente Americano do Sul  ***
 
 
Com uma extensão de cerca de 17,8 milhões de km², a América do Sul comporta
6% da população mundial dividida em 12 países e 7 territórios. São eles a Argentina,
Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai
e Venezuela e, os territórios da Guiana Francesa, Ilha de Páscoa, Ilha Galápagos, 
Ilhas Geórgia e Sandwich, Fernando de Noronha e Ilhas Malvinas. Limita-se ao norte com a
América Central, à leste com o Oceano atlântico e à oeste com o Oceano pacífico.
 
 
 
 
* Divisão do Estado de Minas em Regiões Administrativas
 
A biodiversidade da natureza.
Fonte: Infoescola 
Atravessado pela Linha do Equador e pelo Trópico de Capricórnio, o continente
possui a segunda maior cordilheira do mundo na Região Andina que se estende desde
a Venezuela até o Chile e a Argentina. No vale do Amazonas encontramos a maior bacia hidrográfica do mundo, e também, a região de maior biodiversidade: a floresta Amazônica. O clima tropical úmido garante alta densidade pluviométrica em toda a região que se situa entre a Linha do Equador e o Trópico de Capricórnio, com algumas exceções devido ao relevo.O clima no continente Sul Americano é bastante diversificado devido ao tamanho do continente. Na região mais próxima a linha equatorial predomina o clima tropical úmido.Ao sul do Trópico de Capricórnio têm-se áreas de clima temperado. As regiões mais frias do continente são o extremo sul e a região dos Andes, devido à altitude. Em contraste, a América do Sul também abriga o deserto mais seco do mundo, o Deserto do Atacama no
Chile. Lá existem pessoas que nunca viram uma chuva na vida: no local podem-se passar
até 20 anos sem chover. Por causa das influências climáticas, a vegetação também varia muito de região para região. Nas áreas de clima favorável encontram-se florestas de alta densidade como a floresta Amazônica (uma floresta equatorial) e a Mata Atlântica que, embora bastante devastada (desmatamento da Amazônia, desmatamento da Mata Atlântica) durante o processo de colonização, ainda guarda uma das maiores diversidades biológicas
do planeta. No sul do Brasil e na Argentina encontram-se as pradarias ou campos, sendo os Pampas, as maiores pastagens da América do Sul. Outra vegetação encontrada na América
do Sul é a caatinga. Típica da região nordeste do Brasil, o maior e mais populoso país do continente, ela se caracteriza por possuir plantas resistentes ao fogo, as xerófitas. Em regiões de clima frio podem ser encontradas também as florestas de araucária. Ou ainda, espécies de cactos e plantas típicas de deserto em regiões mais áridas. A savana e o cerrado também pertencem à grande variedade de vegetação do continente.
   Na América do Sul podem ser encontradas diversas etnias e línguas diferentes que vão desde o português e o espanhol, que são as mais faladas, até o caiapó e o bantu.
  O primeiro é um dialeto indígena e o segundo um dialeto de origem africana trazido
pelos escravos. A miscigenação, aliás, é uma característica típica do continente sul americano que teve sua colonização baseada na exploração dos recursos naturais.
  Os principais recursos explorados até hoje em todo o subcontinente são o ouro, cobre, prata, mercúrio, diamante, chumbo, zinco, manganês e estanho, sendo o carvão um
mineral pouco encontrado e a bauxita e o ferro os de maior importância econômica.
O petróleo e o gás natural também se encontram bem distribuídos pelo continente.
Fonte: Infoescola * Pesquisando e Aprendendo 

Veja: Geografia do Brasil (relevo, clima, hidrografia e vegetação)

Fontes:
http://www.suapesquisa.com/geografia/
http://www.riosvivos.org.br/canal.php?canal=19&mat_id=916

 

 
 
 
*** Visual Designers Virtual Ecologia VI ***

*** Visual Designers Virtual Ecologia VII ***

** América do Sul tem a maior diversidade do planeta **

O Estado de São Paulo 30/03/03

   Doze por cento da superfície terrestre do planeta que abriga a maiordiversidade

física, biológica e climática de todos os continentes está localizada na América do Sul.

A informação é do Mapa Global de Vegetação ou (Global Vegetation Map - GVM) que foi finalizado em março na Itália.

      O Mapa mostra o estado da vegetação de todo o mundo, em 2000, e permite
classificações e análises inéditas, uniformes e com menor interferência de variáveis 
geofísicas indesejáveis, como efeitos da atmosfera ou mudanças na cor do solo em
função da umidade. Além da maior floresta tropical do mundo (Amazônia), do maior rio 
(Amazonas) e algumas das áreas com mais alta biodiversidade também estão na América do Sul;
um quarto da terra mundial potencialmente arável, cerca de 12% das áreas cultivadas
e 17% de todas as pastagens.
    Segundo o trabalho, a América do Sul atualmente tem 46% de seu território coberto
por 11 tipos de floresta; 26% de campos e vegetação baixa ou esparsa, de 8 tipos
diferentes; 24% dedicado à agricultura; 3% de solos descobertos (incluindo rochas)
e 1% de corpos d´água (incluindo gelo e neves eternas). As florestas mais extensas
são as ombrófilas densas, totalizando 6.218.476 km2 em todo o continente.
Em seguida, vêm as florestas tropicais secas decíduas, com 1.115.736 km2.
As de menor extensão são as florestas de mangue, com 17.290 km2 em toda a América.
Os demais tipos de floresta somam 888.250 km2.
     O Mapa Global de Vegetação foi elaborado por uma rede de instituições de pesquisa
de mais 20 países, incluindo o Brasil, utilizando a mesma metodologia sob a coordenação
do Joint Research Centre da Comissão Européia. O sensor Vegetation, do satélite francês
Spot4 para fazer o mapa. Boa parte do mapa da América do Sul foi produzida pela
Embrapa Monitoramento por Satélite e pela Ecoforça, duas instituições brasileiras
sediadas em Campinas, no interior de São Paulo.

***   http://sites.google.com/site/minasdasminasgerais/

 

 ***  Minas Gerais  ***

http://sites.google.com/site/minasdasminasgerais/

 http://www.minasgerais1.blogspot.com

http://www.minasgerais2.blogspot.com

http://www.minasgerais3.blogspot.com

http://www.minasgerais7.blogspot.com

************************************************************************

  

* Google "O Gigante da Web" * 

 

 

 

http://sites.google.com/site/visualdesignersvirtual/

  

http://sites.google.com/site/osmensageirosdoamorcristojesus/home

 

http://sites.google.com/site/jesusadadivamaior/quem-e-jesus-cristo

 

 http://sites.google.com/site/opoderuniversal/jesus-cristo

 

 *********************************************************************** 

 * A Origem dos nomes dos Paises da América *

 
 
Fabiano Historiador 
***   Olá... 
   Fiz um trabalho para o curso de espanhol, e descobri a origem dos nomes dos países da América do Sul. Encontrei-o e achei muito interessante.
Essa é uma forma de conhecermos um pouco mais de nossos "hermanos".
 
Colômbia – Homenagem ao Descobridor
Colômbia significa algo como Terra de Colombo, numa homenagem óbvia ao navegador italiano Cristóvão Colombo (1451-1506), que, como todo mundo sabe, descobriu o continente americano em 1492.
Equador – Divisão Igualitária
O Equador foi batizado com o mesmo nome da linha imaginária que atravessa seu território e corta o nosso planeta ao meio. A palavra deriva do latim aequus, ou igual, numa referência à divisão da Terra em duas partes iguais, os hemisférios Norte e Sul.
Peru – Polêmica Inca
A origem do nome Peru é controversa, com duas interpretações conflitantes. A primeira afirma que se trata de derivação do nome Birú, um importante chefe inca. Para a segunda, a mesma palavra significa também terra de riqueza e esperança.
Bolívia – Herói Libertador
O general e estadista Simon Bolívar (1783-1830) tornou-se um dos principais heróis sul-americanos ao lutar pela independência de vários países da região, inclusive da própria Bolívia, batizada em homenagem a seu libertador.
Chile – O Fim da Terra
Antes mesmo da colonização, o Chile já era chamado assim pelos índios aimarás, que habitavam o norte do país. Na língua deles, a palavra chilli quer dizer onde acaba a terra, referência à posição geográfica do território: o extremo oeste do continente.
Venezuela – Pequena Veneza
A Venezuela deve seu nome a Américo Vespúcio (1454-1512), explorador italiano naturalizado espanhol. Ao visitar a região, ele encontrou indígenas que construíam suas casas em palafitas sobre as águas do lago Maracaibo, no noroeste do país. Isso o fez chamar o lugar de Pequena Veneza: Venezuela.
Suriname – Adeus Indígena
O Suriname tomou seu nome dos índios surinen, habitantes originais da região. Uma lembrança triste, uma vez que, quando os primeiros exploradores ali chegaram, a tribo já havia praticamente desaparecido, expulsa e dizimada por outros grupos indígenas que passaram a ocupar a área.
Guiana – Terra das Águas
A Guiana e sua vizinha Guiana Francesa situadas entre os rios Orinoco, Amazonas e Negro, além de serem banhadas pelo Oceano Atlântico eram conhecidas pelos nativos como guyana, termo que, em seu idioma, significa terra de muitas águas. A Guiana Francesa obviamente leva esse adjetivo por ser possessão da França.
Brasil – Árvore em Brasa
Essa aqui é moleza, hein? Produto de grande importância comercial no século XVI, a árvore de pau-brasil batizou nosso país, onde os colonizadores portugueses encontraram florestas fartas dessa madeira. Brasil quer dizer algo como em brasa, referência à forte coloração avermelhada do tronco, utilizado para fazer corante.
Uruguai – O Rio é Rei
O Uruguai acabou ganhando o mesmo nome que os índios tupis e guaranis haviam dado ao grande rio que atravessa seu território. No idioma deles, a palavra significa rio dos caracóis.
Paraguai – Campeões Aquáticos
Quando o Paraguai foi descoberto pelos espanhóis, a região era habitada por índios chamados payaguaes. Excelentes nadadores e hábeis navegadores, eles viviam às margens do rio que dava nome à tribo. O termo pode ser traduzido como rabo de mar, rio ornado ou rio que dá origem ao mar mas também identifica um tipo de papagaio.
Argentina – Prata Farta
A Argentina impressionou seus descobridores pela grande quantidade de riquezas minerais encontradas em seu solo, principalmente prata. Daí vem seu nome, inspirado em argentum: prata, em latim.
Fabiano Historiador
***   Brejo, Reconcavo da Guanabara, Brazil
***   Entre na Página e Veja Pesquisa de Fabiano Historiador  ***
http://principefutil.blogspot.com/2009/09/origem-dos-nomes-dos-paises-da-america.html
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
***  Visual Designers Divulgação  ***
 


O Sorriso  Lindo de uma Criança a Brincar



***  JC Band In Concert ***
***  
http://www.jcband.com.br
 
 



************************************************
 
 
 
 
 
   *** Apoio Cultural * JC  Cosmologia ***
 
 
 
* Contatos Suporte Técnico Virtual *
 

 
 
 

 
 

 

 © Copyright   -  2005 - 2015 * Visual Designers Virtual - Fundação Reviver  - Todos os direitos reservados.