Ilha Fortaleza


O Mundo de Mana

PREFÁCIO DO REINO FORTALEZA

        A um século atrás, o navio do Capitão Gabriel Bhramir, vindo de seu vilarejo, encalhou na areia de uma ilha desconhecida e inabitada. Não demorou muito para Bhramir perceber que seria uma ótima oportunidade comercial, colonizar esta ilha que fica em um ponto central da rota marítima. Mais tarde essa ilha foi batizada de Ilha Fortaleza.

        Bhramir se alto declarou rei. Seu primeiro trabalho como rei foi construir a muralha, depois a grande torre central. Mas para isso era necessário  trazer operários. Para os operários trabalharem nestas obras, Bhramir precisava dar condições de vida e desenvolver o comércio. Então foi criado o Banco Fortaleza com moeda própria chamada Galeno Portuário (GP) em homenagem ao pai do rei, o senhor Galeno Bhramir. Também foi dado isenção de impostos para que comerciantes de armas e comida pudessem vender seus produtos na ilha. Com tudo isso, somente cinco anos depois foi construída a muralha junto com a Torre no topo da Ilha Fortaleza.

        Após morte do Rei Bhramir, seu filho Gui Bhramir foi coroado em seu ligar. Atualmente o Rei Bhramir II enfrenta vários problemas. Grande parte dos problemas vêm da necessidade de alimentos que a ilha possui. Esta necessidade é suprida com importações marítimas. Mas somente a poucos anos a ilha começou a produzir um pouco de alimentos. Como atualmente as plantações da ilha estão enfrentando pragas. Estas Pragas aumentam a inflação dos preços dos alimentos importados por serem mais requisitados.


        Existe também o problemas de saqueadores. Há rumores, entre os cidadão, que piratas enterravam tesouros na ilha antes do Rei Gui Bhramir se instalar. Muitas testemunhas afirmam terem visto esses piratas atracarem perto de uma caverna na parte sudeste da ilha. E há quem diga que nos túneis das cavernas da Ilha Fortaleza há caveiras fantasmas dos piratas amaldiçoados que protegem àqueles que querem roubar seu tesouro.

        O fato é que realmente a pouco tempo todos os Galenos Portuários do cobre do Banco Fortaleza foram saqueados. A guarda do banco foi ampliada, pois afirmam que os saqueadores sabiam por que caminho da ilha deveriam escapar. O General Diogo RBG afirma que os saqueadores podem ter tido ajuda de cidadão que moram na ilha.


por Indigovox (Qua,  23 de agosto 2009 21:56)
Versão revisada e parcível de modificação.
Revisão: Rui Brito

Languages

Anúncio