Aqui tudo começa...‎ > ‎POESIAS‎ > ‎

TALVEZ ELA ME AME




Talvez ela me ame:

O seu ombro já me deu

E me fiz choro sentido

Em dia de muita dor.

 

Talvez ela me ame:

Já andou ao lado meu,

Lá, quando estive perdido,

Quando a dor me assaltou.

 

Mas, seus espontâneos carinhos,

O seu hálito de jasmim,

Os abraços do seu ninho,

A outros dá, não a mim.

 

Talvez ela me ame:

Já disse que admira

E pronuncia o meu nome

De forma especial.

 

Talvez ela me ame:

O seu riso, som de lira,

Apazigua a minha fome

Nos dias de vendaval.

 

Mas, o desejado elogio,

A dança à dois no jardim,

A mão na nuca, o arrepio,

A outro dá, não a mim.

 

Talvez ela me ame:

Divide comigo o doce,

O seu choro, o seu medo,

Os momentos de fadiga.

 

Talvez ela me ame,

Talvez comigo ela almoce,

Talvez divida o enredo,

Talvez seja minha amiga.

 

Mas, o seu mais gostoso beijo,

Não me deu uma só vez.

Se me mata de desejo...,

Talvez me ame, talvez...

Comments