A Censura Em Portugal

A Imprensa Portuguesa

 

 

 

 

 

 

 

A Censura consiste em proibir determinada informação dirigida ao povo, evitando actos de manifestação, tentativas de acabar com o estado e pondo em causa a ideologia do estado, por isso, tudo o que era publicado, era previamente inspeccionado pela censura portuguesa. As informações eram inspeccionadas da seguinte maneira:

 

    -     Aprovado:

 

A informação não continha elementos que poderiam por em causa o estado.

 

- Aprovado mas com cortes:

 

A informação era editada, mas de uma maneira chocante. Cortavam-se as palavras ou frases acusativas e alguns assuntos ficavam sem esclarecimento. Eram publicadas ainda com as marcas dos cortes nas impressões, chegando por vezes a aparecer uma palavra como frase, isto confundia o povo.

 

- Não aprovado:

 

A informação não era publicada, porque continha informação que poderia pôr em causa o Estado (tais como criticar a sua funcionalidade) sendo impossível publicar o que quer que seja.

 

Controladas as peças de teatro, o cinema, a imprensa, à rádio e pouco depois a televisão, o povo não estava contente, pois, como se poderiam divertir se tudo tinha sido censurado pelo estado?

Caricatura sobre a Censura em Portugal