Número 8 1982

Direcção: Aires Nascimento, António Rodrigues de Almeida, Victor Jabouille e Arnaldo do Espírito Santo. Dactilografia e impressão: Associação dos Estudantes da FLL.

Comemorando Vergílio no bimilenário da sua morte

Do Editorial:

Dedicar um número de CLASSICA a Vergílio não precisa de justificação particular. Não é ele o mais clássico de todos os clássicos, consagrado, ainda em vida, pela Escola, e mantido, ao longo dos séculos, como guia orientador na busca da sabedoria-ciência, ao mesmo tempo que celebrado como padrão de arte e bem dizer?

Consagrar, porém, este número a Vergílio no ano do bimilenário da sua morte representa também, e necessariamente, um gesto ritual. Intencionalmente repristinador e reinstaurador.

Sumário:

Editorial (p,3)

O Cavalo de Tróia – Análise da Eneida II, 13-249, J. A. Segurado e Campos ( p.5)

Traduções Portuguesas de Vergílio, Aires Nascimento (83)