Imagens sonoras de Espanha no período pré e pós eleitoral com António Macedo

OS RETRATOS:
  • ESPANHA NA NET:

Os retratos do Repórter em Espanha...

------------------------------------------------------------------------------------------------

 3ª Feira, 11 de Março

 

 

 

 

 

  11-M quatro anos depois. Homenagem às vitimas com os Reis
de Espanha, José Luís Rodriguez Zapatero, Mariano Rajoy.
Cerimónia curta, em silêncio.
Terminou com música de um compositor estónio, que se
inspirou no sofrimento das vitimas. Jordi Savall conduziu
o coro da Capela Real de Madrid.




Adios Madrid...Hasta la vista


 ----------------------------------------------------------------------------------------------------

 Segunda, 10 de Março

 

 

Estúdio improvisado na Câmara Hispano Portuguesa de Comércio e Industria, no coração financeiro de Madrid. Sete da manhã em Lisboa, oito horas em Madrid,  arranque emissão especial, depois de uma intensa noite eleitoral.

 

 

Alguns momentos da emissão, com vários convidados.

 

 

Na carrinha de exteriores, momentos antes de mais um retrato do repórter.

 

 

 

 


 

Amanhã passam quatro anos sobre o 11-M. Descemos a rua em direcção a Atocha. Com a ajuda da Rita, uma portuguesa a viver em Madrid, reconstituímos aquele dia.

 

 

 

 

 

Fomos visitar o novo monumento às vítimas do 11-M, dentro da estação de Atocha. Construído à volta do tema “ A luz dedica um momento do dia a cada pessoa ausente”, tem uma dupla perspectiva: lá fora, numa enorme rotunda, um tubo cilíndrico totalmente construído em vidro liga-nos à trepidante cidade, cá em baixo, numa membrana interior ao tubo podemos ler as mensagens deixadas nos dias seguintes ao atentado, além do nome de todas as vitimas. É uma ligação permanente entre a cidade viva e o silêncio que evoca os mortos. É um espaço de encontro e memória.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------
Domingo, 09 de Março 
 

 

Domingo, dia de Espanha a votos. Logo pela manhã, o repórter foi à missa na Real Basílica de Nossa Senhora da Atocha. Foi aqui que, há quatro anos o Cardeal de Madrid, António Maria Rouco Varela, rezou missa em memória das vítimas do 11 de Março.

  

 

Arte de rua no Paseo del Prado. São 25 fabulosas peças em bronze. E é muito curioso ver como a arte aproxima gentes de todas as idades, de todas as línguas…Vamos saber tudo num dos próximos retratos do repórter.

 

 

A fila para entrar no Museu do Prado.

 

 

 

Quase, quase a entrar em directo para mais um retrato do repórter. Com os nossos técnicos Virgílio Costa e José Pedro Correia.

 

 

O jornalista José Guerreiro, em directo da Plaza Cólon, para a edição do Visão Global.

 

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------
Sábado, 08 de Março
 

 

 

O repórter, assim que
chegou a Madrid, ainda na recepção do hotel tratou de ler
os diários espanhóis... 

 

  

 
No dia de reflexao, logo de
manha, pela fresquinha ( e se faz fresco em Madrid apesar
do sol...) fomos ao palácio de congressos onde esta
montado o centro de imprensa para levantarmos as nossas
acreditações. Aparato policial. Nota-se muita policia nas
ruas...
 

 
Apesar da lei do tabaco ser idêntica a portuguesa,
fuma-se em todo o lado. O mais difícil é mesmo arranjar
onde comprar tabaco...os "estancos" praticamente deixaram
de existir : aqui as restrições sentem-se mais é nos
locais de venda.


 
Antes do jogo com o Espanyol, de Barcelona, está
tudo a postos...as habituais bancas de venda de
merchandising, onde o reporter foi encontrar um cachecol
do sporting!!! 
 

 
Fomos almoçar ao Chic, um
restaurante de um jovem português, Alvaro Tavares Moreira,
no Bairro da Opera. Ummm! o "pulpo" e uma verdadeira
delicia!! O Chic esta na moda, por ali, com sorte, pode
cruzar-se com Javier Bardem, Alejandro Amenbar ou Ramon
Calderon...