VACAS SÃO SAGRADAS - PARTE VII

 

Consciência de Krishna significa seguir as instruções de Krishna

 


 

Viva como Krishna vive

por Srila Prabhupada

(Traduzido por Rama Shakti dd.)

A seguir apresentamos uma palestra de final de tarde dada por Srila Prabhupada na fazenda da comunidade de Gita Nagari na Pennsylvania no dia 15 de Julho de 1976.

 

 

 

 

Portanto Consciência de Krishna significa seguir as instruções de Krishna. Nossa vida tem um objetivo neste mundo material, às vezes nos esquecemos disto. O mundo material significa esquecer nosso objetivo na vida, isto é natural. O princípio básico da vida material é esquecer de Krishna.:

krsna- bahirmukha jiva bhoga-vancha kare
nikata-stha maya tare japatiya dhare

 

Do Jagadananda Pandita, Prema-vivarta: "Desviando seu rosto para longe de Krishna, a jiva(alma) desenvolve desejo de desfrutar. Rodeando a jiva (alma) está Maya que  então se aproxima e a captura.

Esquecimento é a nossa natureza, não somos tão perfeitos como Deus, portanto há tantan ineficiências. Então o esquecimento é uma outra qualidade material. Portanto a vida material significa esquecimento de Krishna. Maya quer dizer que nos esquecemos de nosso relacionamento com Krishna, isto é o significado de Maya. Mas Krishna é muito bondoso. Quando nos esquecemos demais, este mundo material é puro esquecimento, mas mesmo assim de acordo com o sistema Védico, a consciência e Krishna é mantida até certo ponto se você seguir os princípios Védicos, então reviveremos a nossa consciência, o nosso relacionamento. Porém Krishna é muito bondoso.  Isto foi explicado por Sri Caitanya Mahaprabhu quando ele conversava com Sarvabhauma Bhattacarya, que o princípio Védico é para reviver ou relembrar nosso relacionamento com Krishna. No Bhagavad-gita também Krishna diz , vedais ca sarvair aham eva vedyah [Bg. 15.15], o verdadeiro propósito do conhecimento Védico é alcançar o entendimento acerca da consciência de Krishna. Então este Movimento para Conciência de Krishna está tentando reviver a posição constitucional original. E uma delas, dentro do movimento para a consciência de Krishna é a organização em Vilas, como vocês estão tentando fazer aqui.

 

 

 

Krishna em sua vida natural, é um menino da vila de Vrindavana, Vrindavana é uma vila. Não há nenhuma fábrica, Não há nenhum carro à motor, mão há nenhum arranha céus nem edifícios; é uma vila. Krishna gosta muito Dela. Nos Sastras é dito:

 "vrndavanam parityajya, sa kvacin naiva gacchati [From Srila Rupa Gosvami, Laghu-bhagavatamrta 1.5.461: "...Krishna manifesta Seus passatempos nas cidades de Mathura e Dvaraka, mas Krishna, o filho de Nanda Maharaja, nunca em tempo algum deixa Vrindavana]

Krishna adora esta vida na vila de Vrindavana, com Seus amigos Vaqueirinhos e amigas vaqueirinhas, Suas Gopis. Mãe Yasoda, Pai Nanda e Upananda, tios e uma grande família, as vacas e os bezerros, as árvores, o rio Yamuna. Ele é plenamente satisfeito com esta vida. Portanto, pelo menos aqueles que são conscientes de Krishna, deveriam ficar satisfeitos com uma vida simples na vila. Isto faz parte da consciência de Krishna. Mas se fossemos todos para uma vila e nos organizassemos conforme Krishna pessoalmente nos mostrou com Seu exemplo, veja, Ele pessoalmente tomava conta das vacas, bezerros quando era uma criança e tomava conta dos bezerros quando era já adulto apesar de ser filho de um homem muito rico. Nanda Maharaja era o rei da vila e mesmo assim Ele trabalhava duro o dia todo, indo pela manhã no pasto e voltando ao entardecer. Depois tomava Seu banho, mudava Suas roupas e imediatamente ia dormir. Este era o passatempo de Krishna. Então deveriamos seguir suas pegadas. Como é mesmo aquele verso?

 

asraddadhanah purusa
dharmasyasya parantapa
aprapya mam nivartante
mrtyu-samsara-vartmani

 

[Bg. 9.3: "Aqueles que não têm fé no serviço devocional não podem me obter, Oh conquistador dos inimigos. Portanto eles retornarão ao ciclo de nascimentos e mortes neste mundo material."]

Portanto tudo que Krishna nos exemplificou com Sua própria vida, pelos Seus ensinamentos temos que seguir. Isto é Consciência de Krishna. 

Tudo está lá no Shrimad-Bhagavatam. Sua vida pessoal está lá e também no Bhagavad-Gita,  Seus ensinamentos estão ali, e Ele vem com este propósito.

 

paritranaya sadhunam
vinasaya ca duskrtam
dharma-samsthapanarthaya
sambhavami yuge yuge

 

[Bg. 4.8: "Para liberar os piedosos e para aniquilar os incrédulos, bem como para restabelecer os princípios da religião, Eu mesmo apareço milênio após milênio].

Para aqueles que naturalmente são consciêntes de Deus, para liberá-los e tornar suas vidas perfeitas (nesta encarnação). Esta vida deve ser a última vida material e na apróxima eles deverão ir diretamente para Krishna.

 

janma karma ca me divyam
evam yo vetti tattvatah
tyaktva deham punar janma
naiti mam eti so 'rjuna

 

[Bg. 4.9: "Aquele que conhece a natureza transcendental dos Meus aparecimentos e atividades não precisará, após abandonar este corpo, nascer novamente neste mundo material, mas alcança minha eterna morada, O Arjuna."]

Se nos tornamos completamente conscientes de Krishna, simplesmente tente entender o que  é Krishna, não há nenhuma dificuldade, Krishna é O Supremo Controlador, isto é tudo. Há um Supremo Controlador - e isto temos que aceitar, conforme estavamos discutindo esta manhã no ônibus. Não há como, não há como negar que há um Supremo Controlador , isto não é possível.

Portanto há um Supremo Controlador. Se você for um homem de bom senso você entenderá muito facilmente, e Este Supremo Controlador é Krishna, Ele vem pessoalmente e diz:

:
mattah parataram nanyat
kincid asti dhananjaya
mayi sarvam idam protam
sutre mani-gana iva

 

[Bg. 7.7: "Oh conquistador de riquezas, não há verdade superior para Mim. Tudo reside em Mim, como pérolas presas em um cordão."]

Não há outro controlador acima de Krishna, portanto Ele é o Supremo Controlador:  isvarah paramah krsnah [Bs. 5.1], O Supremo Controlador. Ele está nos dando instruções. Se seguirmos Suas instruções muito simples,  e permanecemos numa vila, satisfeitos com a vida simples, produtos de agricultura, leite, quantas coisas gostosas podemos produzir, qual é a dificuldade? Não há problemas econômicos. Você terá tanto leite que será um problema arrumar uma maneira de utilizá-lo. Na India temos escassez de leite. Portanto krsi-go-raksya-vanijyam. [Bg. 18.44]: "Plantação, proteção às vacas e comércio é o trabalho natural dos Vaisyas, ..."] Se você conseguiu leite o suficiente você pode comercializar. Vanijyam, esta é a instrução de Krishna. Não é que nós odiemos o sistema moderno. Não, não odiamos nada. Nirbandhah krsna-sambandhe. [Do Bhakti -rasamrta- sindhu 2.255: "Quando não se está apegado a nada, mas ao mesmo tempo aceita tudo em relação à Krishna, se está situado corretamente acima da possessividade.

 

 

 

 

Por outro lado, aquele que rejeita tudo sem conhecimento de seu relacionamento com Krishna não está completo em renúncia."] nós queremos engajar tudo no serviço à Krishna. Se existe uma máquina moderna, não a odiamos. Precisamos encontrar a forma de como utilizar tal máquina em serviço à Krishna. Portanto se você tem leite sobrando, você pode torná-lo leite em pó e pode enviá-lo para a India em qualquer quantidade.Ele será consumido. Pelo menos poderemos usá-lo em vários pontos, nós poderemos distribuí-lo. Então não há dúvida.

 

Além disso você pode fazer ghee com o leite. Do leite, primeiramente beba quanto quiser. Depois converta-o em Yogurt, no dia seguinte, no dia seguinte, no dia seguinte.E depois, quando tiver o suficiente, bata-o e faça manteiga...buttermilk (um tipo de coalhada)... e coma buttermilk com chapati. É muito saboroso, muito nutritivo. Depois a manteiga...se você tem bastante manteiga, então faça ghee, e ghee poderá ser preservado por anos. Não há dúvidas quanto sua durabilidade. Você o envia às cidades e municípios. E nós agora encorajamos a abertura de restaurantes para distribuição de prasadas. Eles poderão utilizar-se do ghee. Então onde está o problema? Não há problema.Cada gota do leite você poderá utilizar da forma mais perfeita possível.

 

 

 

 

E se houver vacas em excesso, você tem as madeiras, faça um cercado e coloque elas dentro. Elas viverão ali. Então não há problema. Krishna mantinha  900,000 vacas. Não há problemas. Mas dê proteção às vacas. Esta é a ordem de Krishna. Não podemos ser tão ingratos a ponto de matar nossa mãe. Leite é tão importante. Nós estamos bebendo o leite da vaca e em troca  cortarmos o pescoço de  nossa mãe, isto não é civilização. Isto é barbarismo. Menos que animal. Os animais também têm respeito por suas mães. Então tente dar proteção à vaca, esta é uma atividade muito piedosa e você não passará necessidades.
Viva a vida em uma vila, vida simples, e fique satisfeito com suas necessidades básicas. Não é necessário nenhum luxo. Ganhe tempo e cante Hare Krishna. Isto é vida ideal. Então estou muito alegre por vocês estarem fazendo isto, e façam isto de uma forma bela para que todos se sintam atraídos.

 

Esta vida na cidade, vida no meio de  indústrias, vida em fábricas, é asurica (demoníaca), está matando a ambição das pessoas, está matando a civilização. Portanto há outros tipos de negócios para uma pessoa consciente de Krishna, porque no Bhagavad-Gita Krishna explica tudo sobre: sociologia, política, filosofia, religião, cultura, economia, tudo está lá. Se você simplesmente seguir as instruções de Krishna, então você obtém uma ampla vida cultural. Então esta é uma vila ideal. Desenvolva-a cada vez mais. Faça-o bem. Estou muito feliz que tudo está indo bem. Muito obrigada.

                 VACAS SÃO SAGRADAS - PARTE VIII

CLIQUE VACAS SÃO SAGRADAS - PARTE VIII

Voltar à Página inicial

clique VACAS SÃO SAGRADASAPRESENTAÇÃO À CULTURA VÉDICA/ISKCON TEXTOS PUBLICADOS POR SRILA PRABHUPADA E


Vedas, védico, vacas são sagradas, mantra em louvor ao mestre espiritual, sri guru vandana, srila prabhupada, maha mantra hare krishna prasada cultura védica ayurveda esterco bovino oferecer alimento para krishna, presença da alma vacas são sagradas vídeos purificar os sentidos, os modos da natureza, brahamanas