Resgate de Brincadeiras

JUSTIFICATIVA

O Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil (BRASIL, 1998, p. ) aponta que

desde muito pequenas, pela interação com o meio social no qual vivem, as crianças aprendem sobre o mundo, fazendo perguntas e procurando respostas às suas indagações e questões. Como integrantes de grupos socioculturais singulares, vivenciam experiências e interagem num contexto de conceitos, valores, idéias e representações sobre os mais diversos temas a que têm acesso na vida cotidiana, construindo um conjunto de conhecimentos sobre o mundo que as cerca.

Nessa perspectiva o projeto “Resgate das brincadeiras” pretende simular um Programa de Rádio, onde os protagonistas entrevistas pessoas da comunidade para resgatar brincadeiras antigas, trazendo-as para a realidade atual. Pode promover atividades e situações que estimulem a criança a construir e/ou adquirir conhecimento sobre as outras pessoas que convivem com ela, tanto no ambiente familiar como no ambiente escolar, vivenciar as brincadeiras, fortalecendo e mantendo vivos os jogos e brincadeiras da tradição oral.

OBJETIVOS

- oferecer condições para que a criança possa desenvolver a oralidade através das entrevistas.

- possibilitar integração das crianças através da vivência das brincadeiras.

- estabelecer relações de respeito pelos mais velhos, valorizando suas experiências.

- oferecer condições para que a criança possa ampliar seus conhecimentos tecnológicos, bem como descobrir suas funções sociais.

 

Acreditamos que a utilização das tecnologias pode favorecer ainda mais a interação entre pais e alunos, fortalecendo os laços afetivos e aumentando a auto-estima. E garantindo à criança a posição de protagonista de seus conhecimentos, bem como a sua socialização com os demais alunos.

 

PUBLICO ALVO

- crianças do 2º estágio (05 anos)

ENVOLVIDOS NO PROJETO

Alunos, professores e demais funcionários da escola.

 

MÍDIAS A SEREM UTILIZADAS

-          Gravador

-          Maquina fotográfica.

-          Aparelho de som

 

DATAS DE INÍCIO E TÉRMINO DO PROJETO

- 01 a 30 de Setembro de 2009.

 

METODOLOGIA/ESTRATÉGIA

1 - Roda de Conversa;

- Conhecimento e manuseio do Aparelho de som.

- Experiências com diversas atividades sonoras.

-As crianças deverão entrevistar os pais ou adultos que moram com elas para descobrirem as brincadeiras que eles brincavam em sua infância, tais como bolinhas de gude, corda, e outras.

- Conhecimento e experimentação das brincadeiras declaradas pelos adultos.

2 - Montagem de um programa de rádio informativo relatando as experiências desse projeto.

Algumas crianças sob a responsabilidade do adulto poderão levar o gravador para casa na proposta de gravar uma entrevista com os adultos, na qual a criança questiona sobre suas brincadeiras infantis.

No dia seguinte todos ouvem as gravações, fazendo os comentários e tentando oportunizar a vivência das brincadeiras.

 

AVALIAÇÃO

- Observar o comportamento das crianças no que diz respeito ao relacionamento com as outras crianças e com as professoras e demais adultos que vivenciam a rotina da escola

- Verificar se as crianças demonstram atitudes positivas ou negativas com relação às atividades propostas.

FORMA DE SOCIALIZAÇÃO DAS PRODUÇÕES.

Painéis com fotos das crianças entrevistando adultos da escola. Fotos das vivencias das brincadeiras e gravação da “simulação” do Programa Infomativo de Rádio, em CD.

 

 

BIBLIOGRAFIA

BASSEDAS, Eulália. Aprender e ensinar na educação infantil. Porto Alegre: Artes Médicas, 1999.

 

BRASIL. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO. SECRETARIA DE EDUCAÇÃO FUNDAMENTAL. Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil. Brasília: MEC/SEF, 1998.

 

MEC – Curso Mídias na Educação - 2009


Maria das Dores Macedo (T-34/Ativ4/Módulo Rádio/Ciclo Básico)
Comments