Blog do Professor


III Encontro de Tecnologia da Simonsen (ETS)

postado em 26 de out de 2011 12:50 por Rodrigo Neves

         Não deixem de comparecer. Um evento muito bem organizado e com muitas atividades importantes para o mercado de desenvolvimento de sistemas.
         Entre no site do evento e faça sua inscrição gratuita, para poder receber o certificado que conta para as horas complementares:

        

Artigo sobre a Carreira de Matemática

postado em 8 de set de 2011 11:43 por Rodrigo Neves   [ 8 de set de 2011 11:46 atualizado‎(s)‎ ]

         Se você gosta de fazer contas e é bom com números, cursar uma faculdade de matemática pode ser uma excelente opção. Com possibilidade de atuação em diferentes áreas, o profissional está habilitado a trabalhar em universidades e centros de pesquisa, desenvolvendo novos modelos matemáticos, ou em empresas, com a criação de métodos numéricos e análise de dados do mercado financeiro.
        Se quiser saber mais clique aqui e veja o artigo completo do Guia de Carreiras do G1.

Publicação na FEUC

postado em 2 de dez de 2010 00:09 por Rodrigo Neves   [ 7 de dez de 2010 09:22 atualizado‎(s)‎ ]





O Sermão da Montanha (*Versão para Educadores*)

postado em 3 de out de 2010 06:35 por Rodrigo Neves



         Naquele tempo, Jesus subiu a um monte seguido pela multidão e, sentado sobre uma grande pedra, deixou que os seus discípulos e seguidores se aproximassem. Ele os preparava para serem os educadores capazes de transmitir a lição da Boa Nova a todos os homens. Tomando a palavra, disse-lhes: 
         - "Em verdade, em verdade vos digo: Felizes os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus. Felizes os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados. Felizes os misericordiosos, porque eles..." 

Pedro o interrompeu: 
         - Mestre, vamos ter que saber isso de cor? 

André perguntou: 
         - É pra copiar no caderno? 

Filipe lamentou-se: 
         - Esqueci meu papiro! 

Bartolomeu quis saber: 
         - Vai cair na prova? 

João levantou a mão: 
         - Posso ir ao banheiro? 

Judas Iscariotes resmungou: 
         - O que é que a gente vai ganhar com isso?
 
Judas Tadeu defendeu-se: 
         - Foi o outro Judas que perguntou! 

Tomé questionou: 
         - Tem uma fórmula pra provar que isso tá certo? 

Tiago Maior indagou: 
          - Vai valer nota? 

Tiago Menor reclamou: 
          - Não ouvi nada, com esse grandão na minha frente. 

Simão Zelote gritou, nervoso: 
          - Mas porque é que não dá logo a resposta e pronto!? 

Mateus queixou-se: 
          - Eu não entendi nada, ninguém entendeu nada! 

Um dos fariseus, que nunca tinha estado diante de uma multidão nem ensinado nada a ninguém, tomou a palavra e dirigiu-se a Jesus, dizendo: 
          - Isso que o senhor está fazendo é uma aula? Onde está o seu plano de curso e a avaliação diagnóstica? Quais são os objetivos gerais e específicos? 
Quais são as suas estratégias para recuperação dos conhecimentos prévios?  Fez uma programação que inclua os temas transversais e atividades integradoras com outras disciplinas? E os espaços para incluir os parâmetros curriculares gerais? Elaborou os conteúdos conceituais, processuais e atitudinais?

Pilatos, sentado lá no fundão, disse a Jesus: 
          - Quero ver as avaliações da Provinha Brasil, da Prova Brasil e demais testes e reservo-me o direito de, ao final, aumentar as notas dos seus discípulos para que se cumpram as promessas do Imperador de um ensino de qualidade. Nem pensar em números e estatísticas que coloquem em dúvida a eficácia do nosso projeto.  E vê lá se não vai reprovar alguém! Lembre-se que você ainda não é professor efetivo... 

          Jesus deu um suspiro profundo, pensou em ir à sinagoga e pedir aposentadoria proporcional aos trinta e três anos. Mas, tendo em vista o fator previdenciário e a regra dos 95, desistiu. Pensou em pegar um empréstimo consignado com Zaqueu, voltar pra Nazaré e montar uma padaria... Mas olhou de novo a multidão. Eram como ovelhas sem pastor... Seu coração de educador se enterneceu e Ele continuou... como nós sempre continuamos. ..

          Seja feita a sua vontade.

          Amém!

Desafios da Educação

postado em 16 de ago de 2010 15:25 por Rodrigo Neves

Como anda a imagem da educação brasileira para o povo e seus representantes na internet nos últimos anos?



















            
             Mas e nós como professores e alunos participantes do cotidianos deste processo... o que achamos desta visão? Será que é realmente verdadeira? Será que chega a ser isto tudo mesmo na prática? Será que nós não contribuímos para propagar esta imagem destrutiva da educação brasileira com as nossas constantes reclamações, queixas e descaso?
             Este tipo de imagem funciona como uma bola de neve! Nós somos o que imaginamos ser, pregamos ser, o que fazemos questão de transparecer ser!
             Hoje reclamamos do sistema, dos colegas, do representantes, dos alunos e professores. Gastamos nossa energia nos lamentando e sonhando, mas acabamos nos esquecendo tentar fazer nossa parte, de contribuir pelo um pouco para que isto não concretize! 
             Se o próprio professor é desacreditado da educação, como pedir mais empenho do aluno?
             Pense nisso...
       

Charges Matemáticas

postado em 16 de ago de 2010 15:06 por Rodrigo Neves

Como reconhecer um engenheiro?

postado em 14 de jul de 2010 04:43 por Rodrigo Neves

Peça ele para confimar as seguintes afirmações:

- Você sabe cálculo vetorial, mas não lembra como fazer uma divisão com virgula.
- Você tem uma calculadora cientifica e conhece TODAS as suas funções.
- Você já usou o AutoCAD para projetar uma pipa para o seu filho.
- Você passa horas realizando o relatório de um experimento que durou poucos segundos.
- Você tem um bichinho de estimação com o nome de um grande cientista.
- Você ri de piadas sobre matemáticos.
- Você considera qualquer curso não-científico ‘fácil’.
- Você não entende como algumas pessoas podem achar difícil programar um dvd.
- Você assistiu ‘Apollo 13′ e achou que os verdadeiros heróis foram os caras no ‘Controle da Missão’.
- Você assume que um ‘cavalo’ é equivalente a uma ‘esfera’ para facilitar os cálculos.
- Uma criança de quatro anos lhe pergunta por que o céu e azul e você tenta explicar toda a teoria da absorção atmosférica.
- Você vai a uma loja de informática e os vendedores não conseguem responder suas perguntas.
- Você costuma assobiar a música tema de ‘MacGyver’.
- O que você mais gosta no Natal é montar os brinquedos das crianças.
- Você já tentou consertar alguma coisa usando elásticos, clipes de papel e fita adesiva.
- Seu PC vale mais do que seu carro.
- Você pode lembrar de sete senhas de computador, mas não da data do aniversário da sua mãe.
- Você sabe qual será o sentido de rotação da água quando puxar a descarga.
- Você esta sendo processado pela Sociedade Protetora dos Animais por realmente ter realizado o experimento do Gato de Schrodinger.
- Você SABE o que é o experimento do Gato de Schrodinger.
- Você consegue digitar 70 palavras por minuto, mas não entende sua própria caligrafia.
- Você já abriu alguma coisa ’só para ver como é por dentro’.
- Você guarda peças de eletrodomésticos estragados.
- Você assiste filmes de ficção cientifica e fica procurando cenas que estão cientificamente incorretas.
- Você tem o hábito de estragar coisas tentando descobrir como elas funcionam.
- Você não tem vida. E pode provar isso, matematicamente.
 

Piadas de Matemática

postado em 14 de jul de 2010 04:38 por Rodrigo Neves

 
 
     Um biólogo, um matemático e um teólogo estão parados entre dois pontos de  ônibus. Vem um ônibus e na primeira parada sobem 10 pessoas. 100 metros para frente, na segunda parada, 11 pessoas descem do ônibus.
      O teólogo: Um milagre!! Um milagre!!
      O biólogo: Que nada, eles se reproduziram!
      O matemático, após pensar alguns segundos: Se mais alguém entrar no ônibus ele fica vazio de novo!

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

       Durante uma conferência onde se encontravam engenheiros, físicos e matemáticos. 3 desses, um de cada área, estavam dormindo num hotel quando percebem que algumas cestas de lixo estavam pegando fogo. O engenheiro logo pegou um balde de água e jogou em cima de uma das cestas de lixo, apagando-a.
O físico pegou um lápis e papel fez umas contas, e com um conta-gotas tentou apagar o fogo, viu que não deu certo e então pegou o balde a água e jogou apagando o fogo. O matemático por sua vez, viu uma cesta e disse: de fato é fogo e além disso existe uma solução para apaga-lo e o mais importante, a menos de homotopias são duas soluções. Bocejou e voltou para sua cama dormir.

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

       Um homem viajando de balão se perdeu e resolveu parar em uma cidade para pedir informações:
               -Por favor, onde estou?
               - Você está nas coordenadas 30°s 45°w e o norte fica naquela direção .
               - Você é físico?
               - Como você sabe?
               - É que você me deu uma resposta que mostra seu conhecimento do espaço ao seu redor.
        Seguindo viagem o homem novamente se perde e pára em outra cidade.
               - Por favor, onde estou?
               - Você está em Cascavel, a igreja fica ali na frente, o prefeitura é virando aquela rua e se você seguir por esta estrada vai parar em Fortaleza.
               - Você é engenheiro?
               - Como você sabe?
               - É que você me deu uma resposta que me mostra seu conhecimento da cidade.
         Novamente perdido o baloneiro pára na terceira cidade.
               - Por favor, onde estou?
               - Você está em um balão.
               - Você é matemático?
               - Como você sabe?????
               - É que você me deu uma resposta única, exata e que não me serve pra nada.

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

       Mostrando que todos os impares maiores que 1 são primos.
             Um computeiro: 3 é primo, 5 é primo, 7 é primo, 7 é primo, 7 é primo , 7 é primo , 7 é primo segmentation fault.
             Um estatístico:  escreve os números em bolinhas e joga dentro de uma caixa, aleatoriamente enfia a mão dentro da caixa e pega uma bola, 11 é primo, pega outra bola, 5 é primo, 31 é primo, 33 erro padrão, 17 é primo, logo todo mundo é primo.
             Um físico: 3 é primo, 5 primo, 7 primo, 9 hum erro esperimental, 11 é primo, 13 é primo ,...
             Engenheiro: 3 é primo, 5 é primo, 7 é primo, 9 é primo, 11 é primo, 13 é primo, 15 é primo, ...
             Biólogo: 1 é primo, 2 é primo, 3 é primo, 4 é primo , ...
             Matemático: 3 é primo, 5 é primo, 7 é primo logo por indução...
             Lingüista: o que é primo?

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

CURTAS DE ESTATISTICAS
             -> A taxa de natalidade é o dobro da de mortalidade, portanto uma em cada duas pessoas é imortal!
             -> 33% do acidentes de trânsito envolvem pessoas embriagadas. Portanto 67% estão completamente sóbrias, a conclusão é que devemos dirigir totalmente bêbados.
             -> Um homem com um relógio sabe a hora certa. Um homem com dois relógios só sabe a média.
             -> Está provado que fazer aniversário é saudável. Estatísticas mostram que pessoas que fazem mais aniversários vivem mais.
             -> Estatísticas são iguais a biquínis; o que elas revelam é sugestivo, mas o que elas escondem é essencial.

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

       Por que um matemático viaja sempre com uma meia preta e outra marrom? Porque a chance de uma avião cair com um matemático usando meias de cores diferentes é muito pequena.

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

       Em véspera de viagem um fulano manifesta um medo peculiar em matéria de avião: O de haver um seqüestro em pleno vôo.
       Um conhecido seu que é técnico em computação e em cálculo de probabilidades, procura tranqüiliza-lo:
               - Não se preocupe, o perigo é remotíssimo. Já calculei: num vôo como este que você vai fazer, levando-se em conta todos os fatores e circunstancias, a probabilidade de haver um seqüestro é uma em 120 mil .
               - Uma em 120 mil? – Retrucou ele preocupado – então é muito provável, não viajo de jeito nenhum.
               - Se você quer viajar inteiramente a vontade, há um jeito
        O outro retornou de seu computador com novos cálculos feitos:
               - É só levar um revolver ou uma bomba pra seqüestrar o avião. A probabilidade de haver dois seqüestradores distintos no mesmo vôo é uma em um trilhão.

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

       Um professor de matemática enviou um fax para sua esposa:
              Querida Esposa, Você deve estar consciente que está com 54 anos de idade e que eu tenho certas necessidades, que infelizmente você não está mais em condições de satisfazer. Por outro lado estou muito feliz com você como minha esposa e sinceramente espero que não fique magoada ou ofendida ao saber que no momento em que estiver recebendo esta carta estarei no Grand Hotel com a minha assistente de 18 anos. Chegarei em casa antes da meia noite. Seu esposo.
        Ao chegar ao hotel, encontrou uma carta via fax, com os seguintes dizeres:
              Querido Esposo, Você também está com 54 anos de idade e no momento em que receber esta
carta estarei no Breakwater Hotel com um esportista de 18 anos. Uma vez que VOCÊ é professor de matemática, seguramente poderá apreciar o fato que 18 cabe em 54 mais vezes do que 54 em 18. Portanto, não me espere esta noite!.
Sua Esposa...

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

         O professor de Matemática levanta uma folha de papel em uma das mãos e pergunta para Joãozinho:
              - Se eu dividir essa folha de papel em quatro pedaços, Joãozinho, com o que eu fico?
              - Quatro quartos, professor!
              - E se eu dividir em oito pedaços?
              - Oito oitavos, professor!
              - E se eu dividir em cem pedaços?
              - Papel picado, professor!

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

         A professora pergunta pro Carlinhos :
               - Na minha mão direita eu tenho sete goiabas e na mão esquerda eu tenho nove goiabas. O que temos então?
               - Mãos enormes, professora !

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

         A professora chegou na sala de aula e anunciou:
                - Hoje vamos fazer um teste de inteligência e lógica. Renatinho: o que é uma coisa que tem quatro perninhas , duas orelhas, anda no telhado, dorme no fogão, faz miau e tem uma azeitona no focinho?
                - Não sei professora... - responde o menino.
         E a professora:
               - É gato, Renatinho! A azeitona foi só pra complicar! Agora, é você que vai perguntar pra mim!
               - Pergunto: o que é uma coisa que é roliça, tem a ponta vermelha, duas bolas embaixo e as mulheres gostam de pôr na boca?
               - Seu sem-vergonha! Tá suspenso da aula! Onde já se viu uma coisa dessas! - diz a professora.
         E o menino:
               - É batom, professora... as bolas, só coloquei pra complicar!

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

        A professora pergunta ao Fernandinho se ele aprendeu os números.
             - Aprendi, sim tia. Meu pai me ajudou.
             - Muito bem. O que é que vem depois do três?
             - Quatro. - Responde o Fernandinho.
             - Muito bem. E depois do seis?
             - Sete.
             - Muito bem. Fernandinho. - Diz a professora.
             - Você aproveitou bem a ajuda do teu pai. E o que vem depois do dez?
         Fernandinho sorri e diz:
             - Valete!

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------

         Um sociólogo, um físico e um matemático são presos cada um em uma cela e entregam-lhes um suprimento de comida enlatada, mas nenhum abridor. Depois de 30 dias, as celas são abertas. A do sociólogo estava coberta de marcas nas paredes, e latas amassadas por todos os lados. Ele jogou as latas nas paredes aleatoriamente até que elas abrissem, conseguindo comida o suficiente para sobreviver.
         A cela do físico estava coberta de cálculos, e um canto estava severamente danificado. Ele calculou a maneira ótima de jogar as latas na parede de forma a abri-las confiavelmente (com uma margem de erro aceitável), e ele também sobreviveu.
         A cela do matemático também estava coberta de cálculos, mas não havia marcas nas paredes. De fato, dentro da cela estava a pilha de latas, fechadas, e o corpo do matemático. Ele foi capaz de derivar uma prova não construtiva de que existia um modo de jogar a lata na parede de forma a abri-la, mas não conseguiu achar a solução.
         Se você riu desta última, você irá morrer virgem.

-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------x-------
 

Excêntrico matemático recusa prêmio de US$ 1 milhão

postado em 14 de jul de 2010 03:48 por Rodrigo Neves

             Você recusaria um prêmio de US$ 1 milhão? Pois um russo, considerado um gênio da matemática, recusou o valor. O Clay Mathematics Institute de Cambridge, no estado americano de Massachusetts, ofereceu o reconhecimento a Grigory Perelman por ter resolvido o teorema de Poincaré, uma equação matemática que diversos especialistas tentavam resolver há décadas.
 
              O recluso cidadão, que já recusou uma espécie do Oscar da matemática em 2006, publicou um estudo em 2002 sobre o teorema. O problema era tão complexo que levou anos até que outros conseguissem comprovar que Perelman estava certo. Quanto mais o reconhecimento crescia, mais ele tentava fugir dos holofotes.
             O mais estranho no fato dele ter recusado o prêmio é que, segundo informações do jornal Guardian, Perelman vive num humilde apartamento com a mãe e uma irmã na cidade de São Petesburgo, depois que se afastou da pesquisa e de dar aulas em universidades. Ainda segundo o jornal, um repórter que tentou entrevista-lo recentemente recebeu a seguinte resposta: “Você está me incomodando, estou colhendo meus cogumelos”.
 
 

1-10 of 117

Comments