Jovens: Vício e drogas

Jovens: Vício e drogas
Os entorpecentes afeta o sistema nervos provocando, euforia, excitação, dissociação de idéias, ilusões, alucinações, êxtase, impressão de energia exagerada e outros.

 

 

Vício: é uma forma de doença psicológica.

O viciado é um doente, ele precisa de tratamento para se curar.

Droga: É qualquer substância que altera o estado psicológico do indivíduo.

Drogadição é a viciação em drogas.

Os grandes grupos de drogas:

a) Drogas criminógenas: Elas colocam o usuário na marginalidade. Ex.: Maconha, Heroína.

b) Drogas alucinógenas: Elas leva o usuário a alucinação. Ex: Maconha, LSD, STP, Pentabarbital, etc.

Alucinação é uma falsa percepção sensorial experimentada pelo nervo óptico, quando na realidade não existe nenhum estímulo externo. Além, das drogas e doenças mentais, demônios também causam alucinação nas pessoas.

c) Drogas erógenas: Provocam incontrolável excitação sexual, ou impotência sexual. Ex: Metedrina, etc.

d) Drogas egógenas: Suscitam egotismo, arrogância, valentia, prepotência e falsa capacidade de uso da força. Ex.: Álcool, Maconha, STP, DMT, etc.

5) Entorpecentes - Viciados em narcóticos morrem cedo. Nenhuma tragédia poderia ser maior para um jovem do que tornar-se viciado em entorpecentes.

Os entorpecentes afeta o sistema nervos provocando, euforia, excitação, dissociação de idéias, ilusões, alucinações, êxtase, impressão de energia exagerada e outros.

Uma vez descoberto que seu filho é viciado o melhor remédio é encarar o problemas de frente sem se envergonhar ou condená-lo por esta atitude. Só há uma possibilidade de cura para o vício de narcóticos ou outro pecado qualquer, e essa está no sangue de Jesus Cristo, o filho de Deus. Graças a Deus Ele pode quebrar as algemas do pecado e libertár-nos pelo seu poder.

6) Bebida - Um copo, todavia, é, em muitos casos o começo. Ouvimos repetidamente está declaração falsa: "Só um copo não faz mal". É comprovado pelos registros médicos que o álcool enfraquece a mente e o físico. E tem feito uma ceifa onde quer que seja usado, através de: acidente de carro, contendas, doenças, etc.

A Bíblia tem muito a dizer sobre essa questão da bebida. Paulo faz-nos esta clara exortação: "E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda..." Ef. 5.18; no livro de Provérbios 23.29-35, encontramos a descrição daquele pobre, desorientado e confundido beberrão.

A maneira mais simples e mais fácil de resolver a questão da bebida é fugir da primeira taça que lhe foi oferecida. Uma vez que aceitamos a Cristo devemos nos embriagar do Espírito Santo em quem não foi contenda e saciar-nos a nossa sede bebendo da fonte da água da vida que jorra par toda eternidade.

7) Cigarro - Pesquisa recentemente realizadas pelos pesquisadores da Sociedade Americana de Câncer, foram impressionantes e assustadoras. Concluíram que toda espécie de fumo encurta a existência, sendo que o cigarro é de todos o mais perigoso, e o risco aumenta na proporção da quantidade consumida. O risco de adquirir câncer dos pulmões é 15 vezes maior do que os não fumantes.

Sabemos que não nos tornamos ciente pelos que fazemos ou deixamos de fazer, mas pela fé que há em Jesus Cristo. Mas uma vez que aceitamos a Cristo devemos viver de maneira limpa e elevada, para glória dEle. Somente dessa forma podemos preencher as qualificações para sermos seus embaixadores. (II Cor. 5.20).

Fonte: MRP
Criada: 27/03/2002

Comments