Membros

Amado (a)  Frater /  Soror,

Saudações Rosacruzes!

O primeiro passo como sinal de progresso na senda da iluminação é o serviço.  Por isso, é com o desejo mais puro em vê-lo(a) ascendendo rumo à Luz Maior que dedicamos a você a mensagem que se segue.  Que o Cósmico o(a) ilumine e fortaleça na sua senda mística em nossa  Egrégora.   

Com votos de Paz Profunda!  

Somos sincera e fraternalmente,
Loja Rosacruz Itabuna - Amorc.


A LUZ DO MESTRE

O desejo sincero do buscador desperta a luz do Mestre para a orientação do discípulo na senda da iluminação. Entretanto, o Serviço é o instrumento com que o mestre orienta o discípulo. Pois ele é o despertador das virtudes, o depurador dos defeitos e o exercício do amor. O serviço é um campo de exposição a todas as experiências necessárias ao desenvolvimento de habilidades espirituais positivas e a extinção gradativa dos erros e vícios, que vai despertando e ampliando, no discípulo, a capacidade de amar. Eis o motivo porque o serviço é o instrumento com que o Mestre orienta o discípulo.

Na senda rumo à Luz Maior não basta o desejo sincero. Este, sem dúvida, é a  base. Porém, sem a tolerância, a vontade de servir pode enfraquecer-se, afastando o discípulo do mestre e, consequentemente, as oportunidades de aprender e amar. Aquele que busca a Luz Maior deve desenvolver a tolerância à “escuridão” que envolve os seres para poder amá-los e servi-los, pois assim estará amando e servindo ao Ser dos seres. Ao tolerar a “escuridão”, o discípulo passará a enxergar nas trevas e, assim, não fará parte dela, pois, A LUZ É UM ATRIBUTO DO SER. Aquele que confia na Luz Maior sente e sabe que ela é a única realidade e que as trevas são uma ilusão necessária aos mistérios e propósitos de Deus no processo de reintegração dos seres ao esplendor da Luz do seu Coração. Envolver-se e sintonizar-se com as trevas é afastar-se e perder-se da Luz. Ao confiar na Luz o discípulo desenvolve a capacidade de vê-la em seu esplendor, já que ela é a única realidade, pois pode enxergá-la, inclusive, nos seres embriagados e iludidos pela “escuridão”. Entretanto, tal tolerância só se desenvolve se ampliarmos nossa capacidade de amar além do serviço, isto é, se formos capazes de amá-los admitindo a presença da Luz Onipresente no interior de cada um deles, focando nosso olhar em seus corações através da nossa Luz Interior. A confiança na Luz e tolerância nas trevas fortalece  os laços entre o discípulo e o mestre, pois este é da Luz, mas trabalha nas “trevas” por amor e para a libertação dos seres para a LUZ.

Todo serviço altruístico é mantido pelo amor e para o amor. Toda tolerância nasce do amor e é ampliada e fortalecida pelo amor. Toda fusão com a Luz só acontece por amor, pelo amor e para o amor. Aquele que busca a Luz Maior jamais poderá esquecer que a sua reintegração depende, entre outros: do serviço ininterrupto à Luz Onipresente; da tolerância àqueles que, iludidos pelas trevas, não conseguem enxergar a luz em seu próprio interior; e, por fim, não poderá deixar de irradiar com sua luz interior o Amor Universal para todos os seres. Pois o Amor é o princípio/força de atração e fusão universal com a LUZ DO CORAÇÃO DE DEUS. Agindo assim, o buscador estará, aos poucos, despertando o poder da Luz Onipresente em seu próprio interior, de modo que ela se torne intensa como a dos mestres, tornando-se ele um mestre servidor da Luz.

Feliz o buscador que desperta o dom de bem ouvir a silente voz da presença de Luz. Pois o discípulo fiel, não tarda, também verá a Luz da presença e, se perseverante for, seguro é o momento de perceber-se Luz com a Luz. Afinal, o desejo de Luz atrai a Luz, a confiança na Luz torna o buscador capaz de fitá-la e contemplá-la; e a permanência em devotamento à Luz é o caminho da fusão com ela. Entretanto, a luz satisfaz o desejo somente pelo serviço ao Ser através dos seres; a Luz somente se deixa ver para aqueles que desenvolvem a tolerância à “escuridão” nos seres, pois quem consegue ver na escuridão conseguirá contemplar melhor o esplendor da Luz do Ser. A Luz somente se funde com a Luz, mas, só o espírito do Amor tem o poder da fusão.

 Com sinceros votos de Paz Profunda na Luz trina do sagrado Shekinah.

Um irmão da senda rosacruz. 

(Por Quaestior F.R.C - Itabuna, 09 de fevereiro de 2005)

 " Esta mensagem reflete exclusivamente o pensamento do autor e não um pronunciamento oficial da Antiga e Mística Ordem Rosacruz - AMORC."