A Vida de Jesus


11 lições sobre a vida de Jesus. É feito para ser usado durante o período de Outubro - Decembro. Completo com versículos para decorar.

 Lição 1 - A Promessa de Deus ao Zacarias

Lucas 1:5-25

 

“Porque para Deus nada é impossível.” Lucas 1:37

    

     É bom saber que Deus sempre cumpre as Suas promessas, não é? Podemos confiar que Deus sempre fará o que tem prometido. Ele é bom.

 

     Nesta época de Natal, muitas vezes as pessoas fazem promessas. Talvez ouviste – ou disseste – promessas como essas: “prometo não contar à mãe o que compramos para ela”; “prometo que ficarás surpreendido com a tua prenda”; “prometo assistir o programa de natal contigo”. Todos nós fazemos promessas, e todos nós têm promessas feitas à nós. Gostamos quando as pessoas cumprem as promessas, e elas gostam quando nós cumpramos as nossas promessas. Mas nem sempre acontece assim, pois não? Não; às vezes as pessoas não conseguem cumprir as promessas que têm feito, ou simplesmente esqueçam das promessas.

     Hoje, vamos aprender cerca duma promessa muito especial que Deus fez. O que é que sabemos sobre Deus? Sabemos que Ele sempre cumpre as Suas promessas porque “para Deus nada é impossível.” Vamos ouvir sobre esta promessa especial.

 

     (Ponha figura de Zacarias, vestido como sacerdote). Este é Zacarias. (Deixe os alunos dizer o seu nome) Zacarias foi um sacerdote que viveu no princípio do tempo em que o Novo Testamento foi escrito. Em tempo bíblicos, os sacerdotes foram homens judeus, da tribo de Levi, quem serviram a Deus no templo. Zacarias serviu Deus pelo oferecendo os sacrifícios, ensinado a Palavra de Deus, e tomando conta do templo. Porque havia muitos sacerdotes, nem todos serviram dentro do templo ao mesmo tempo. A Bíblia diz-nos que algo muito especial aconteceu ao Zacarias quando estava a servir dentro do templo. (Tire a figura de Zacarias)

 

     Antes de entrarmos no templo, vamos à casa de Zacarias e a sua esposa, Elisabete. (Coloque as figuras de Zacarias e Elisabete) A sua casa estava situada na serra de Judah, fora da cidade de Jerusalém.

     Zacarias e Elisabete amaram a Deus e obedeceram as suas leis. O seu desejo na vida era agradecer a Deus em tudo que fizeram e disseram. Porque amaram Deus e acreditaram na Sua Palavra, provavelmente passaram muito tempo a conversar sobre a promessa especial que Deus tinha feito sobre mandar um Salvador ao mundo. Também passaram muito tempo a falar com Deus em oração. De facto, oraram muitas vezes, pedindo Deus a dar-lhes um filho. Todavia, Deus nunca respondeu àquela oração. Zacarias e Elisabete não tinham filhos, e estavam a ficar velhos. (tire as figuras)

 

     Quando chegou a vez de Zacarias de servir dentro do templo, ele deixou a sua casa na serra e foi à Jerusalém. (coloque Zacarias o sacerdote) Ele chegou ao templo e foi dado o seu trabalho; queimar incenso no altar que estava situado dentro da sala santo. (coloque a multidão fora do templo) Zacarias entrou e começou a queimar o incenso em cima do altar. Enquanto fez isto, as pessoas ficaram em pé no pátio e oraram.

     (coloque Zacarias dentro do templo) Como Zacarias ficou surpreendido quando olhou para o altar! Um anjo estava de pé, ao lado do altar! (coloque anjo) Zacarias nunca tinha visto um anjo, e ficou assustado!

     O anjo disse: (lê Lucas 1:13-15)  “Como é que posso ter a certeza de que o que me disse é verdade?” perguntou Zacarias. “Afinal, eu e a minha esposa somos velhos.”

     “Meu nome é Gabriel,” disse o anjo. Fui enviado a falar-te e dar-te estas alegres novas. Mas como não acreditaste em meus palavras, ficarás mudo, e poderás falar até ao dia em que estas coisas aconteçam.”

     Então, o anjo desapareceu, tão repente como apareceu. (tire o anjo)

 

     Este tempo todo, o povo ficava em pé, esperando para o Zacarias a sair do templo. Zacarias ficou aí muito tempo, e eles começaram a perguntar uns aos outros, porque é que demorava tanto.

     (mostre Zacarias a falar com o povo, fora do templo) Afinal Zacarias saiu do templo, mas não podia falar! Só podia fazer gestos com as suas mãos. Os gestos que fez ajudaram o povo entender que tinha visto e ouvido algo especial de Deus. (tire as figuras)

 

     (coloque figura de Zacarias com Elisabete) Podes imaginar o que aconteceu quando chegou à casa? Tinha tanto para partilhar com a Elisabete, e não podia falar! Ele contou-lhe o que aconteceu, todavia com os gestos e sinais. Deus tinha-lhes dado uma promessa maravilhosa, e “para Deus nada é impossível.” Elisabete, uma senhora velha, teria um bebé! Zacarias e Elisabete regozijaram com as boas novas. Sabiam que Deus ia cumprir a Sua promessa. Sabiam que serviam um Deus que podia fazer tudo.

     Deus sempre cumpre as Suas promessas. Nesta época do ano, pensamos em qual promessa especial? (o nascimento de Jesus) Jesus veio ao mundo para ser o nosso Salvador do pecado. Veio para morrer, para que possamos ser salvos e viver no céu com Ele um dia. Vamos ser gratos que Deus sempre cumpre as Suas promessas. Porque Ele é Deus, Ele pode fazer tudo. Deus prometeu salvar todos que acreditam n’Ele. Prometeu sempre estar connosco e ajudar-nos. Podemos confiar em Deus a cumprir a Sua Palavra!

 

Lê Lucas 1:37. Que quer dizer a palavra “impossível”? Quer dizer algo que não pode ser feito. O que é que este versículo ensina-nos sobre Deus? Ele pode fazer tudo. Não há nada que Deus não pode fazer. Qual foi a promessa especial que Deus deu ao Zacarias e a Elisabete? (Terão um bebé, mesmo sendo velhos) Deus é o mesmo hoje. Deus nunca muda. Pode tudo. Podemos confiar em Deus a ajudar-nos e tomar conta de nós, porque Ele sempre cumpre as Suas promessas.

 

Perguntas:

 

1.      Como é que Zacarias serviu a Deus? (como sacerdote, ofereceu os sacrifícios, ensinou a Palavra de Deus, e tomou conta do templo)

2.      O que aconteceu ao Zacarias, enquanto ofereceu o sacrifício? (o anjo Gabriel apareceu)

3.      Qual foi a promessa que o anjo deu-lhe? (que ele e Elisabete iam ter um filho)

4.      Qual foi o nome que deviam dar ao filho? (João)

5.      Como é que Zacarias reagiu quando o anjo deu-lhe a notícia? (duvidou)

6.      Porque é que duvidou? (porque ele e a Elisabete foram velhos)

7.      O que aconteceu ao Zacarias porque duvidou o anjo? (ficou mudo)

8.      Deus sempre cumpre as Suas promessas? (sim)

9.      Quem pode recitar Lucas 1:37?

  

2

Jesus Agrada o Seu Pai

Matt. 3:1-17, Lucas 3:2-22, João 1:15-34

  

Versículo para memorizar: I João 4:10

 

     Quando alguém se diz que está “satisfeita” com as nossas acções, quer dizer que está contente com o que tivemos feito. Jesus sempre agradou o Seu pai.

 

     Quem sabe o que a palavra “eterna” quer dizer? Deus é eterno. Sempre era, é e sempre será. Esta palavra também descreve Jesus? Porque? (Porque é o Filho de Deus) Embora Jesus nasceu como bebé, sempre era, é e sempre será. Porque é que Deus o mandou à terra? Porque é que Jesus veio ao mundo por Sua livre vontade? Vendo que Jesus sempre agradou o Seu pai celestial, será que sempre obedeceu a Maria e José?

 

     Jesus veio ao mundo como bebé. Isto fez parte do plano de Deus para a salvação. Agradou a Deus que Jesus veio da Sua livre vontade. À maneira que Jesus crescia, sempre obedeceu Maria e José.

 

     Quando Jesus tinha doze anos, ele, e os seus pais, foram até Jerusalém. Era a Páscoa e foram para a festa de Páscoa. Havia um lugar especial, no templo, onde os jovens eram ensinados pelos rabinos, durante as grandes celebrações e festas especiais. Enquanto José e Maria estavam ocupados, em outra parte, Jesus achou um lugar no templo. Ele espantou os líderes do templo com as Suas perguntas. Jesus continuou a conversa com os mestres.

 

     A Bíblia não fala quase nada acerca dos próximos 18 anos da vida terrena de Jesus. Diz-nos que Jesus cresceu em sabedoria e em estatura.

     Quando Jesus tinha 30 anos, estava pronto para começar o Seu ministério. Deixou Nazaré e dirigiu-Se a um certo lugar, às margens do rio Jordão, à procura de João Baptista.

 

     João não possuía um púlpito, não possuía um templo, ele apenas ficava de pé às margens do rio e pregava. Vestia-se de peles de camelo e usava um cinto de couro. Sua comida não era requintada ou bem preparada. Comia gafanhotos e mel silvestre.

 

     João sabia que Deus tinha uma tarefa muito especial para ele fazer. Ele era como uma voz clamando no deserto. João estava preparando o caminho para o Senhor, semeando nos corações das pessoas de forma a prepará-las para ouvirem seu Messias.

 

     Enquanto João pregava às margens do rio, pregava que as pessoas se arrependessem e que colocassem sua fé no Messias Prometido para que pudessem tornar-se filhos de Deus e terem seus pecados perdoados. Veio ter com ele uma multidão. Alguns homens eram líderes do templo; outros eram soldados e publicanos. Começaram a perguntar, “É o Messias?”

 

     João respondeu-lhes, “não sou o Cristo. Eu baptizo somente com água, mas Aquele que vem após mim, de Quem não sou digno de desatar as sandálias, esse é muito maior do que eu. Ele os baptizará com o Espírito Santo de Deus.”

 

     Algumas pessoas estavam tristes por causa dos seus pecados, e sabiam que precisavam do perdão de Deus. João baptizou-as no rio Jordão. As pessoas estavam à espera da vinda do Senhor. João sabia que o Salvador já tinha vindo, e estava ansioso para vê-Lo.

 

     Então, um dia, Jesus chegou às margens do rio Jordão, onde João estava pregando. João levantou a vista e viu Jesus vindo em sua direcção e exclamou: “Eis aí o cordeiro de Deus que tira os pecados do mundo!”

 

     Jesus chegou ao João para ser baptizado. João estava a baptizar pecadores e sabia que Jesus não era um pecador. Jesus é o filho de Deus.

 

     Jesus sabia que o Seu pai celestial queria que fosse baptizado, e ele sempre obedeceu o Seu pai. João queria agradecer a Deus também. Jesus e João entravam no rio Jordão e João baptizou Jesus.

 

     Saindo da água, eis que se lhe abriram os céus e viu o espírito santo de Deus descendo como pomba e vindo sobre Ele. E eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo.

 

     Nós não podemos viver vidas sem pecar, mas podemos obedecer a palavra de Deus e agradá-lo com a nossa obediência. Podem pensar nalguma coisa que possam fazer esta semana que agradava a Deus?

 

 

 

3

Pessoas que Jesus Conhecia

Mat. 4:18-25; Marcos 1:16-20

 

 

Versículo: I João 3:23

 

   Jesus estava pronto para ensinar as pessoas sobre Deus, para curar os doentes e para lançar fora os demónios.

 

   Enquanto Jesus andava à beira do mar do Galileu, procurava homens para ajudá-Lo.

 

   Jesus viu dois pescadores irmãos a trabalhar. Lançavam as suas redes ao mar, e puxavam-nas depois para dentro do barco. Tiraram os peixes dar redes, e lançavam-nas outra vez ao mar.

   Jesus sabia que estes dois homens, Pedro e André, podiam ajudá-Lo muito no trabalho de Deus. Chamou-os, dizendo, “vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens.” Jesus pediu-lhes a deixar o seu trabalho como pescadores e servi-Lo. Ia ensiná-los como contar aos homens e mulheres, aos meninos e meninas, sobre o amor de Deus. A Bíblia diz-nos que eles, “deixando logo as redes, seguiram-no.”

 

   Um pouco mais à frente, Jesus viu outros dois irmãos, Tiago e João. Estavam num barco, com seu pai Zebedeu, consertando suas redes. As vezes, quando os homens pescaram, as redes ficaram presas nas rochas e rasgaram-se. Tinham que consertar os buracos ou os peixes iam continuar a fugir. Durante toda a noite eles haviam estado no mar, pescando e não haviam apanhado sequer um peixe! Talvez vocês já tenham pescado alguma vez e compreenda quão decepcionante é não apanhar nada. Para Tiago e João, era mais do que um desapontamento; era terrivelmente desencorajante. Eles eram pescadores por tradição – era assim que ganhavam o pão de cada dia. Todas as noites eles saíam para o lago para pescar; então, pela manhã eles limpavam seus peixes e os levavam para o mercado para vender.

 

   Jesus chamou Tiago e João. O que acham que responderam? Tiago e João amavam o seu pai; mas quando viram o rosto de Jesus, sabiam que tinham de seguí-Lo. Não entenderam porque é que Jesus queria pescadores humildes a ajudá-Lo no Seu trabalho, mas se Ele queria usá-los, estavam prestes de servi-Lo.

 

   (A Bíblia diz que “eles, deixando imediatamente o barco e seu pai, seguiram-No.”)

 

   Pedro, André, Tiago e João estavam sempre com o Senhor Jesus. Sempre ouviram quando Jesus ensinava as pessoas sobre o Seu pai celestial.

  

Assistiram quando Jesus ensinava nas sinagogas e pregava o Evangelho de Deus. Viram enquanto Jesus curava todas as enfermidades entre o povo. A sua fama correu por toda a parte e as pessoas começaram a trazê-Lo todos os que padeciam, e que foram atormentados pelos demónios, e os paralíticos e Ele os curava a todos.

   Estes quatro homens seguiram o Senhor Jesus e aprenderam como ajudá-Lo no trabalho.

 

   Podem nomear algumas pessoas que vocês pensam que são seguidores de Jesus? Porque é que pensam isso? Algumas pessoas são generosas e simpáticas, mas se não aceitaram Jesus como Salvador, não são seguidores de Jesus. Os quatro pescadores acreditaram que Jesus era o Messias. Não entenderam ainda que Jesus ia morrer para eles; mas acreditam n’Ele e seguiram-No. Jesus morreu por teus pecados também. Se é o teu Salvador, Ele quer que segues a Ele.

 

   Leia I João 3:23. Para ser um seguidor de Jesus, temos que crer que Jesus morreu por nós, para nos salvar dos nossos pecados. Jesus tomou o nosso castigo quando morreu na cruz. Mas Jesus não ficou morto; ressuscitou. Um seguidor de Cristo demonstra o seu amor para com Jesus através das suas palavras, dos seus pensamentos e dos seus actos. Se Cristo é Seu Salvador, como é que vai demonstrar o seu amor por Ele esta semana?

 

   4

Jesus Chama os 12 Discípulos

Matt. 10:1-4

 

Versículo: Josué 24:24

 

   Servindo Jesus não é apenas pregando, ensinado ou testemunhando. Jesus disse que “qualquer que vos der a beber um copo de água, em meu nome,” está a servir me a mim. Mk. 9:41 Tudo que fazemos é serviço ao Senhor, se o fazemos para agradar a Ele. A nossa atitude é muito importante para Deus.

   Será que uma mão está a servir a Deus quando prepara uma refeição para a sua família? Porque? Pode um pai servir a Deus, trabalhando com carros? Uma criança está a servir a Deus quando arruma o seu quarto?

   Exemplo: criança obedecendo mas com a atitude errada, não está a servir a Deus.

 

   Deus quer que O obedecemos e servimos porque O amamos e queremos obedecê-Lo. Jesus estava à procura de mais homens de ajudá-Lo, depois de ter chamado os 4 pescadores.

   As pessoas estavam a seguir Jesus, onde quer que for, porque queriam O ver fazer milagres e ouvir os seus ensinamentos. Um dia, Jesus lê da palavra de Deus e disse-lhes porque é que veio ao mundo. Leia Lucas 4:18-19.

 

   Jesus avisou-lhes de deixar o seu pecado e obedecer a Deus. Fez os coxos andar e os cegos ver. Juntou-se mais e mais pessoas em redor de Jesus. Algumas pessoas acreditaram n’Ele e seguiram-No.

 

   Uma noite, Jesus subiu um monte, e chamou para si os que Ele quis; e vieram a Ele. E nomeou doze. Vamos ao Mateus 10 e ver o que diz. O que é que Jesus disse-lhes a fazer?

 

   Os discípulos conseguiram cumprir as tarefas que Jesus lhes deu porque estavam a confiar n’Ele.

   Imagina como os discípulos voltaram ao Jesus e contaram com alegria tudo que tinham visto! Leia Marcos 6:30 e depois, leia vs. 31.

 

   Podem me dizer algumas palavras para descrever estes homens e como eles trabalharam? (com vontade, obediente, alegre)

 

   Porque é que estavam alegres? Nós também podemos ser contentes quando servimos a Deus. Pede, e dá, exemplos de como podemos servi-Lo.

  

 

5

Nicodemos tem um problema

João 3:1-16; 7:45-52; 19:38-40

 

Versículo: João 3:3

 

   Jesus veio ao mundo para ser o nosso Salvador. Veio morrer por nossos pecados. A notícia maravilhosa é que Ele não ficou morto. Ressuscitou e está vivo no céu agora. Quando crês que Jesus morreu para ti e O peças para ser o teu Salvador, torna-te um filho de Deus.

 

   (Bebé no quadro) Há quanto tempo nasceu este bebé? (Menino no quadro) E este? Pode este rapaz nascer novamente e torna a ser um bebé outra vez? Parece uma pergunta tonta, não é?! O que é que acham? Quando uma pessoa nascer, não pode tornar a ser um bebé novamente.

 

   Nos tempos bíblicos havia um homem chamado Nicodemos. Nicodemos também estava confuso sobre tudo isto. Em nossa lição de hoje, vamos ver como Jesus explicou estas coisas à Nicodemos. Talvez vai ajudar-nos a nós também.

 

   Nicodemos ficou no meio duma multidão. Prestava muita atenção enquanto Jesus ensinava sobre Deus. Nicodemos ficou ali, mesmo depois que Jesus tinha terminado o seu discurso. Viu Jesus curar os doentes e os cegos. Nicodemos ficou mais e mais confuso. Quando falava com os outros mestres acerca de Jesus, eles disseram coisas feias sobre Jesus. “Ele não é um de nós. Como podia ser um mestre enviado por Deus!”

 

   “Vou falar com Ele pessoalmente e então descobrirei se Ele é enviado de Deus.” Nicodemos decidiu. Foi ter de noite com Jesus e disse-lhe: “Rabi, bem sabemos que é mestre, vindo de Deus; porque ninguém pode fazer estes sinais, que tu fazes, se Deus não for com ele.”

 

   Talvez esperava que Jesus dizia que Nicodemos estava certo e de que Jesus foi enviado por Deus. O que Jesus fez confundiu Nicodemos mais do que nunca.

 

   Jesus sabia qual foi o verdadeiro problema de Nicodemos. Ele disse: “Na verdade, na verdade.” Quando Jesus tinha algo muito importante a dizer, começava assim. Queria que o Nicodemos prestava a atenção à sua resposta. Leia vs. 3

 

   Podem entender porque é que Nicodemos ficou confuso? Foi um homem adulto. Jesus queria dizer que Nicodemos tinha que tornar-se em bebé novamente para ir ao céu?! Nicodemos sabia que isto foi impossível. Vs. 4

 

   Jesus explicou que não estava a falar de nascer de novo, como um bebé. Estava a falar em nascer de novo espiritualmente. Jesus disse-lhe: vs. 8

 

   Não podemos ver Deus, mas vemos o trabalho que Ele o faz. Quando nascemos de novo pelo Espírito Santo, Ele nos dá a vontade de obedecê-Lo e agradá-Lo. Nossas vidas mudam quando recebemos Jesus como Salvador. É outra maneira de dizer “nascer de novo” – receber Jesus como Salvador.

 

   Jesus usou estas palavras para explicar à Nicodemos o que queria dizer “ser nascido de novo.” Vs. 16

 

   Jesus disse-lhe que Deus o mandou porque ama os pecadores. Todos que crêem em Jesus terão vida eterna e não irão ao inferno.

 

   A Bíblia não nos diz quando Nicodemos nasceu de novo, mas sabemos que ele o fez e foi um dos seguidores de Jesus que ajudou a sepultar o corpo de Jesus quando foi crucificado. Nicodemos era um homem com um problema. Mas aquele problema foi resolvido quando aceitou Jesus como o seu salvador e nasceu de novo.

 

   Quais foram as palavras que Jesus usou, antes de ter dito que tinha de nascer de novo? (na verdade, na verdade)

 

   Jesus não só queria que Nicodemos acreditasse n’Ele, mas quer que nós também acreditamos n’Ele. Porque é importante?

 

 

6

Jesus visita Maria e Marta

Lucas 10:38-42

 

Versículo: Lucas 11:28

 

      Há muitos anos, havia uma rapariga de 10 anos, chamado Mary Jones. Ela queria uma Bíblia. Naquela altura, só pessoas ricas tinham Bíblias porque eram muitas caras. Mary limpava casas, cuidava de crianças, e fez tudo que podia para conseguir o dinheiro para comprar uma Bíblia. Demorou 6 anos, mas enfim, tinha o dinheiro. Então, ela tinha que ir ao pé cerca de 40 quilómetros, para chegar à cidade onde vendiam Bíblias. A Bíblia foi um livro muito importante para ela, e leio-a todos os dias.

      Um dia, Jesus estava em casa de uns amigos e ensinava-os como era importante ouvir as suas palavras.

 

      A Marta estava contente quando abriu a porta e viu Jesus. Cumprimentou-o calorosamente e convidou-o de entrar. Chamou a sua irmã, Maria, a vir e cumprimentar Jesus.

      Quando Maria ouviu a chamada da sua irmã, veio depressa para cumprimentá-Lo. Marta, Maria e o seu irmão, Lázaro, todos creram que Jesus é o Filho de Deus, que veio ao mundo para ser o Salvador. Usualmente o seu lar foi um lar feliz porque queriam agradecer a Jesus. Mas hoje, houve um problema.

      Marta e Maria lavaram os pés de Jesus e deu-lhe um copo de água fresca. Marta sabia que Jesus era cansado e com fome. Ela começou a preparar um delicioso jantar para Jesus. Era contente em ser capaz de servi-Lo desta maneira. Logo que a comida estava a cozinhar, começou a pôr a mesa. Queria fazer o seu melhor para Jesus.

      Mas onde é que estava a irmã de Marta? Maria costumava sempre a ajudar como trabalho. Se alguma vez Marta precisava de ajuda, foi hoje. Marta queria ter tudo pronto o mais rápido possível. A Maria devia ter cheirado a comida a cozinhar. Porque é que a Maria não vinha ajudar? O mais que a Marta trabalhava, mais chateada ficou.

      Mara estava sentada aos pés de Jesus, ouvindo as Suas palavras sobre Deus. Em tempos bíblicos, quem sentou aos pés de alguém queria dizer que pensava que a pessoa é sábio e podia ensiná-lo. Maria queria ouvir tudo que Jesus tinha para dizer.

      Marta também amava Jesus e gostava de ouvir as Suas palavras. Mas ela deve ter pensado que este trabalho tinha que ser feito. Tudo tinha que ser perfeito para o Senhor Jesus.

      Quanto mais a Marta trabalhava, mais zangada ficou! Amava muito a sua irmã, mas realmente estava aborrecida com ela. Finalmente, Marta veio ter com Jesus e disse: Lucas 10:40

      Talvez Maria ficou cheia de vergonha quando ouviu as palavras de Marta. Jesus estava triste. Sabia que a Marta trabalhava muito porque o amava. Mas ele não queria que ela ficasse tão ocupado que não podia passar tempo com Ele. Não queria um jantar super-elegante. Comida simples era perfeitamente aceitável. O que Ele queria era para a Marta a tomar tempo para ouvir as Suas palavras, como a Maria estava a fazer.

      Jesus olhou à Marta com amor, e disse-lhe (vs. 41-42). Provavelmente estava envergonhada depois de ouvir as palavras de Jesus. Agora entendeu que Jesus queria a sua adoração.

 

 

7

A Vida de Zaqueu Mudou

Lucas 19:1-10

 

Versículo: Salmo 38:18

 

      Acham que um crente deve portar-se diferente dos não crentes? Porque? As pessoas não crentes não gostaram o homem em nossa lição de hoje, por causa das coisas erradas que fazia. Vamos ver o que aconteceu quando se encontrou com Jesus.

 

      Saindo Zaqueu da sua linda casa, notava que as pessoas estavam a ir com muita pressa. Algumas falavam alegremente. “Jesus vem hoje!”

      “Sabia que Ele cura os coxos, e expulsa os demónios?” perguntou um homem à sua mulher.

      “Eu ouvi dizer que pode ressuscitar os mortos. Depressa, talvez podemos vê-Lo curar alguém hoje.” As pessoas começaram a andar mais depressa.

      Enquanto passavam em frente do Zaqueu, um homem perguntou o seu amigo, “ouviu que Jesus come com os publicanos e pecadores?” Os homens abanaram as cabeças em direcção ao Zaqueu. Não gostaram dele e ele sabia disto. Era o chefe dos publicanos em Jericó e roubava-lhes o dinheiro. Ele, e os outros publicanos, forçaram o povo pagar mais dinheiro em impostos do que deviam; então guardavam o dinheiro à mais para eles.

 

      Zaqueu tinha ouvido a cerca de Jesus e os milagres que fazia. Ouviu também que Jesus era amigo dos publicanos e pecadores. Começou a andar muita depressa. “Vou ver este homem também”, resolveu Zaqueu. Podia ver muita gente à sua frente. Quando se aproximou do sítio onde estava Jesus, não O podia ver por causa da multidão. Zaqueu era de pequena estatura (era baixinho). Tentou empurrar as pessoas, mas não o deixaram passar.

 

      Zaqueu TINHA que ver Jesus. Correu adiante e subiu a uma figueira, para O ver. Ele podia ver as pessoas a aproximar-se e, enfim, viu o próprio Jesus.

      Jesus sabia que Zaqueu estava sentado naquela árvore. Jesus sabia tudo sobre a vida pecaminosa de Zaqueu. Quando Jesus chegou àquele lugar, olhando para cima, viu-o e disse-lhe (vs.5)

      A Bíblia diz, “e apressando-se, desceu recebeu-O, gostoso.”

 

      A multidão seguiu Jesus e Zaqueu. Quando chegaram à sua casa, as pessoas começaram a murmurar, “Jesus será hóspede de um pecador.” Zaqueu mandou um servo a lavar os pés de Jesus. Depois, comeram juntos. Quando Zaqueu tinha feito tudo que podia para Jesus, levantou-se e disse: (vs. 8)

 

      Jesus ficou muito contente. Sabia que Zaqueu acreditou n’Ele. Queria que Zaqueu soubesse que os seus pecados foram perdoados; então disse: (vs. 9)

 

      Jesus também disse: (vs. 19) Naquele dia, o Senhor Jesus salvou Zaqueu, que estava perdido no seu pecado. Tornou-se um filho de Deus pelo aceitando Jesus como Salvador. Já não era um publicano que roubava e enganava as pessoas. Agora, queria ser honesto, e bondoso. Ele devolveu todo o dinheiro que tinha roubado.

 

      Salmo 38:18. Se realmente estamos “afligidos” pelo nosso pecado, o que é que faremos para mostrar isto aos outros?

      (confessaremos o nosso pecado ao Senhor. Não continuaremos de fazer aquele pecado. Tentaremos pedir perdão da pessoa que ofendemos. Pediremos ajuda de Deus para fazer o que está certo.)

      Ás vezes, as pessoas só ficam tristes (ou arrependem-se) quando estão apanhados em flagrante. Não estão realmente arrependidos porque pecaram contra Deus. Estão tristes porque vão ser castigados. Deus vai perdoar-nos quando pedimos o Seu perdão. Vai ajudar-nos a não pecar.

 

 

 

8

Jesus Acalma a Tempestade

Matt 8:23-27; Mk 4:35-41, Lucas 8:22-25

 

 

Versículo: Isaías 41:10a

 

   A Bíblia diz-nos para confiar em Deus e na Sua palavra.

 

   Vamos listar algumas das coisas de que têm medo…. Talvez têm medo de algumas destas coisas, talvez não. Não gostamos de sentir com medo, pois não?!  O medo afasta-nos de fazer novas amizades, aprender coisas novas, ou de simplesmente sentirmos alegres.

   Hoje, vamos ver o que os discípulos de Jesus aprenderam a fazer quando têm medo. É mais uma lição importante que Jesus ensinou aos seus amigos.

 

   Os discípulos de Jesus tinham visto Jesus a fazer milagres. Curou os coxos, deu visto aos cegos e curou muitos doentes. Ouviram-No ensinar sobre Deus e a perdoar os pecados. Sabiam que Jesus tinha sido enviado por Deus, mas ainda precisavam de aprender a confiar n’Ele.

   Muitas vezes, Jesus ensinou as multidões à beira do mar de Galileu. Uma vez, passou o dia inteiro a ensinar as pessoas. Quando a noite caiu, estava muito cansado. Tinha sido a ensinar o povo de dentro dum barco, um pouco afastado da costa. Disse aos discípulos, “passemos para a outra banda.” Despediram-se de povo e começaram a atravessar o mar.

   Jesus estava cansado, portanto deitou-se na popa e adormeceu.

   De repente, levantou-se um grande temporal de vento, e subiam as ondas por cima do barco. As ondas começaram a encher o barco e os discípulos começaram a ter medo. Alguns dos discípulos eram pescadores, antes de seguir a Cristo e tinham muita experiência com o mar. Mas as ondas bateram-nos com tanta força que não podiam tirar a água do barco. Gritaram uns aos outros porque pensaram que iam morrer afogados.

   Durante tudo isto, Jesus continuou a dormir. Os discípulos despertaram-No, dizendo-lhe, “Mestre não se te dá que perecemos?”

   Jesus ficou em pé e disse ao mar, “Cala-te, aquieta-te.” Imediatamente o vento se aquietou, e houve grande bonança.

   Os discípulos ficaram espantados. Nunca tinham visto uma tempestade a acalmar tão depressa. Ouviram-no falar ao vento e mar, e viram o vento e mar obedecer Jesus. Jesus olhou para os seus discípulos e disse-lhes, “Porque sois tão tímidos? Ainda não tendes fé?”

   Os homens sentiram um grande temor, diferente do que sentiram com a tempestade. Disseram uns aos outros, “mas quem é este, que até o vento e o mar lhe obedecem?”

   Jesus, o filho de Deus, tinha o poder de cuidar dos seus discípulos. Não precisavam de ter medo, até no meio duma tempestade. Estavam perfeitamente seguros.

   Jesus queria que aprendessem a confiar n’Ele, não importa o seu problema ou medo.

   Podemos confiar em tudo que as pessoas nos dizem? Porque não? Podemos confiar tudo que Deus diz na Sua Palavra? Porque sim?

   Acham que os adultos às vezes têm medo? O nosso versículo não só pertence às crianças, mas também aos adultos. Deus manda-nos a não ter medo. Quais são as palavras neste versículo que nos diz para não ter medo?

   Podemos saber estas razões e ainda ter medo. Porquê? (Porque esquecemos que eus está connosco e que nos ajudará e cuidará de nós) O que é que devemos fazer quando começamos a ter medo? (Ora a Deus, dá graças a Ele por sua ajuda, peça a Sua ajuda)

 

 

 

9

Jesus ajuda um rapaz lunático

Marcos 9:14-29

 

Versículo: Isaías 41:10b

 

   Conseguem lembrar alguma lição que Jesus ensinou aos seus discípulos? Jesus ensinou estas lições para cada um de nós também. Ao longo das nossas idas, teremos lições importantes a aprender. Alguns dos discípulos de Jesus aprenderam que ainda não sabiam tudo que precisavam. Enfrentaram um problema grave. Vamos ver o que aconteceu:

 

   Qual foi o problema? Porque é que o demónio não saia do rapaz? Os discípulos olharam um para o outro. Os demónios já tinham obedecido antes. Qual foi o problema agora?

   Um pai preocupado, trouxe o seu filho para ver Jesus. Um espírito maligno (um demónio) estava a magoar o rapaz pelo lançando-o no meio dum fogo e na água. Mas Jesus, e três dos discípulos, estavam ausentes. Os restantes nove estavam à sua espera. O pai pediu-lhes a expulsar o demónio.

   Os discípulos estavam confiantes porque já tinham expulso vários demónios. Mas quando mandaram sair este demónio, o demónio não obedeceu. O pai estava desesperado. Será que não havia remédio para seu filho? De repente, algumas pessoas começaram a gritar, “Eis aí. Jesus vem!” O pai correu ter com ele e ajoelhou-se.

   “Mestre,” disse-lhe. “vs. 17-18” Jesus respondeu-lhes e disse, “ó geração incrédulo! Até quando estarei convosco. Trazei-mo.”

 

   Quando o demónio o viu, logo o espírito o agitou com violência, e, caindo o rapaz, revolvia-se escumando (a babar espuma da boca)

   Jesus perguntou ao pai, “Quanto tempo há que faz isto?” O pai respondeu, “desde a infância. Tem compaixão de nós, e ajuda-nos!”

   Jesus disse-lhe, “Se tu podes crer, tudo é possível ao que crê.”

 

   Logo, o pai do menino, clamando com lágrimas disse, “Eu creio, Senhor! Ajuda a minha incredulidade.”

   Jesus, repreendeu o espírito imundo, e disse-lhe “eu te ordeno: sai dele, e não entres mais nele.”

   O demónio obedeceu a voz de Jesus e saiu do rapaz imediatamente. O rapaz estava deitado no chão como morto. As pessoas pensaram que estava mesmo morto.

   Mas Jesus, tomando-o pela mão, o ergueu e ele se levantou. Jesus entregou-o ao pai. O pai, muito grato, agradeceu Jesus. As pessoas ficaram espantadas.

   Os discípulos lhe perguntaram porque o não puderam expulsar. Jesus explicou que a razão foi a falta de fé deles. Estavam a depender em suas próprias forças para expulsar o demónio. Disse mais, “esta casta não pode sair com coisa alguma, a não ser com oração.”

   Os discípulos tiveram um problema complicado. Nós não temos o mesmo tipo de problema como eles, mas precisamos de aprender a mesma lição. Jesus disse lhes que não podiam ajudar o rapaz porque não pediram a ajuda de Deus para expulsar o demónio.

   Quais são alguns problemas que temos? Quando não sabemos o que devemos fazer, devemos pedir a Deus a ajudar-nos.

 

10

Jesus Cura Bartimeu

Marcos 10:35-52; Lucas 18:35-43

 

Versículo: Lucas 6:31

 

   Será que somente as crianças tem o problema de sempre querer as coisas à sua maneira, querendo ser quem manda? Os adultos têm este problema também. Os discípulos de Jesus passaram bastante tempo a discutir quem seria o mais importante e poderoso líder, quando Jesus estabeleceu o Seu reino. Jesus estava triste ao ver o egoísmo dos seus seguidores. Um dia, ensinou-lhes uma lição que todos nós precisamos de aprender.

 

   Bartimeu estava assentado junto do caminho. Escutava às pegadas das pessoas a passar. Ouviu os cães a ladrar e os burros a zurrar. Os sons que gostava mais de ouvir eram as vozes das crianças a brincar e as aves a cantar. Bartimeu escutava aos todos os sons, mas não podia ver as pessoas, cães, burros, crianças ou aves. Era cego. Oh, como desejava ver!

   Jesus e seus discípulos estavam a caminhar no mesmo caminho onde Bartimeu estava a mendigar. Os discípulos estavam a disputar entre si, quem seria o mais importante quando Jesus estabelecesse o SEU reino aqui na terra. Finalmente, Tiago e João perguntaram Jesus se eles podiam ter os lugares mais importantes. Os outros discípulos ficaram zangados porque ELES queriam ser os mais importantes.

   Jesus disse: “E qualquer que dentre vós quiser ser o primeiro, será servo de todos. Porque o Filho do homem também não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate de muitos.” Marcos 10:44-45. Jesus veio para servir outras pessoas e morrer para elas. Se os seus discípulos queriam ser grandes, teriam que aprender de servir e ajudar as pessoas também.

 

   Mais e mais pessoas vieram ter com Jesus. Bartimeu podia ouvir o barulho das pessoas que estavam a aproximar-se dele.

   “O que está a acontecer? Porque é que há tantas pessoas a passar?” gritou Bartimeu.

   “Jesus de Nazaré está a vir,” disse alguém.

   “Jesus de Nazaré,” pensou Bartimeu. “Ele é aquele homem que faz os cegos ver. Oh, como gostava de ver.”

   Bartimeu começou a gritar em voz alta, “Jesus, Filho de David, tem misericórdia de mim.”

   As pessoas tentaram acalmá-lo. Disseram, “Quieto! Jesus não tem tempo para si.” Estas pessoas não conheceram Jesus, ou não teriam dito isto. Pensaram que Jesus não importava com os mendigos.

   Mas Bartimeu continuou a gritar, esta vez mais alto. “Jesus, tem misericórdia de mim.” Ele não ia ficar quieto, com Jesus tão perto dele.

 

   Jesus ouviu Bartimeu a gritar para ele. Ele parou e mandou que lho trouxessem. Bartimeu saltou aos pés e correu em direcção a Jesus. Jesus perguntou-lhe, “Que queres que te faça?” Bartimeu respondeu, “Senhor, que eu veja.”

   Jesus disse-lhe, “Vê: a tua fé te salvou.”

   Imediatamente Bartimeu podia ver. Podia ver a cara bondosa de Jesus. Podia ver o céu azul e as árvores.

 

A Bíblia diz que Bartimeu seguia Jesus e glorificava a Deus. Talvez os discípulos olharam para o Bartimeu, todo alegre e contente, e lembravam o que Jesus lhes ensinou ao caminho. Jesus veio para servir as pessoas, e eles deviam fazer o mesmo!

 

 

 11

Jesus cura um paralítico

João 5:1-18

 

Versículo: Hebreus 11:6

 

   O que é que gosta mais sobre a sua capacidade de andar? Conhece alguém que é paralisado e não pode andar? Como acha que uma pessoa paralisada se sente? Em nossa lição de hoje, aprenderemos sobre um homem paralisado e o que Jesus fez para ele.

 

   Jesus ensinava e curava as pessoas necessitados, em toda a parte do seu país. A nossa história de hoje aconteceu em Jerusalém. Foi um dia especial, pois havia uma festa entre os judeus.

   Enquanto Jesus andava pelas ruas de Jerusalém, chegou próximo do templo. Ali, encontrou um tanque de água, chamado Betesda. As pessoas enfermas juntaram em volta deste tanque, porque acreditaram que podiam se curar quando a água no tanque mexia.

   Quando Jesus passava o tanque, viu muitas pessoas doentes, a jazer perto da água. A Bíblia diz que havia uma multidão.

   A Bíblia fala num só homem, que jazia ao pé das águas. Este homem estava enfermo já 38 anos. Imagina! 38 anos a ficar deitado em cima dum tapete. Não andava, ou corria ou saltava. Não podia descer ou subir as escadas. Na manhã, não podia sair da cama e ficar de pé…

   Havia muitas pessoas em volta deste tanque, mas Jesus foi ter com este homem. Jesus disse-lhe, “queres ficar são?”

  

   Jesus disse-lhe: “Levanta-te, e toma a tua cama, e anda.”

   Logo que as palavras saíram da boca de Jesus, as pernas deste homem ficaram fortes. Era capaz de ficar de pé. Ele tomou a sua cama nos seus braços. Pela primeira vez em 38 anos, ele começou a andar! Como é que acham que ele sentia? Acham que talvez saltava e gritava com alegria?

 

   Quando os líderes viram o homem levar a cama, ficaram zangados. Disseram-lhe, “É sábado, não te é lícito levar a cama.”

   O homem respondeu-lhes: “Aquele que me curou, ele próprio disse: toma a tua cama, e anda.”

   “Quem é o homem que te disse: ‘toma a tua cama e anda?”

   O homem que foi curado não sabia quem era. A Bíblia diz que Jesus se havia retirado, logo depois de curar o homem, portanto, não podia dizer-lhes.

   Mais tarde, Jesus voltou ao templo e encontrou o homem que tinha curado. Jesus olhou para o homem e disse-lhe: “já estás são; não peques mais.” Quer dizer, a ser paralisado é mau, mas a continuar a pecar é pior. Agora o homem sabia quem o curou. Foi Jesus!

   O homem foi ter com os líderes e disse-lhes quem o curou.

 

Os líderes ficaram zangados com Jesus. Eram zangados porque Jesus curou o homem no sábado. Era mais importante para os líderes que as pessoas os estimavam, do que com uma pessoa que era paralisado mais de 38 anos. Não importava que o homem podia andar; somente queriam castigar Jesus. Não queriam acreditar que Jesus era o filho de Deus e de que podia fazer coisas maravilhosas que somente Deus podia fazer.

 

   Quando os líderes encontraram Jesus, Jesus tinha uma resposta. Disse-lhes, “meu pai trabalha no sábado, e eu também.” Ficaram mais zangados ainda! Jesus tinha dito que Deus era o seu pai. Agora queriam matá-Lo porque recusaram de acreditar quem era Jesus.

 

 

 Versículos para Decorar

  

 

Lição 1

 

 “Porque para Deus nada é impossível.”

Lucas 1:37

  

 

Lição 2

Nisto está o amor, não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou a nós...

I João 4:10a

 

 

 

Lição 3

“E o seu mandamento é este: que creiamos no nome de seu Filho Jesus Cristo, e nos amemos uns aos outros, segundo o seu mandamento.”

I João 3:23

  

 

Lição 4

“E disse o povo a Josué: Serviremos

ao Senhor nosso Deus, e obedeceremos à sua voz.”

Josué 24:24

  

Lição 5

“Jesus respondeu, e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus.” João 3:3

  

 

Lição 6

“Mas ele disse: Antes bem-aventurados os que ouvem a palavra de Deus e a guardam.”

Lucas 11:28

 

 

Lição 7

 

 

“…afligir-me-ei por causa do meu pecado.”

Salmo 38:18

  

Lição 8

“Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres,

porque eu sou teu Deus.”

Isaías 41:10a

  

Lição 9

 

“…eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a destra da minha justiça.” Isaías 41:10b

 

Lição 10

“E, como vós quereis que os homens

vos façam, da mesma maneira

lhes fazei vós, também.”

Lucas 6:31

 

 

Lição 11

“Ora, sem fé é impossível agradar-lhe (Deus)…”

Hebreus 11:6ª