EMPRESA: PIONEIROS E COLONOS NAS EMPRESAS

  
Amigos, eles são diferentes, pois seus pensamentos, sentimentos e atuações marcam sua missão.         
            Muito embora haja uma mistura e confusão de seus valores, 
Importância e relevância é preciso separar o joio do trigo, caso contrário promover-se-á injustiças para aqueles que:

      1)  Fazem as coisas acontecerem;
      2)  Estimulam o crescimento;
      3)  Ampliam as descobertas;
      4)  Promovem a Evolução;

                Haja vista que apenas um deles, efetivamente, é que saem na frente, na dianteira devastando o desconhecido, desvendando segredos e trazendo novidades, desta forma, através de sua atuação pululam OPORTUNIDADES, mostram-nos O NOVO, não permitindo que o STATUS QUO se instale a sua volta, aliás são especialistas em derrubar o STABLISMENT, caso contrário ainda estaríamos na ÉPOCA DAS CAVERNAS.

                 Historicamente foram os FILÓSOFOS, REFORMADORES, BANDEIRANTES, GRANDES NAVEGADORES, INVENTORES E CIENTISTAS que estiveram na dianteira do Mundo, implantando através de seus SONHOS atitudes positivas e estimulantes aos que estavam ao seu redor em suas épocas referidas.
                 Neste limiar de Século XXI marcado pelo AVANÇO TECNOLÓGICO, são os EMPRESÁRIOS  que marcam de forma indelével Grandes mudanças ao mundo, pois numa Sociedade Capitalista sua atuação é preponderante ao desenvolvimento, crescimento e prosperidade Planetária.
                 Obviamente que as qualidades acima são puras e natas apenas dos PIONEIROS, pois eles é que puxam o mundo pra cima, não permitindo que tudo fique como está, logo são de VITAL IMPORTÂNCIA e relevância a sua existência, caso contrário o PROGRESSO seria apenas um “Sonho de uma noite de Verão” como diz Shakespeare.
                 Aos COLONOS sobram a tranqüilidade, segurança e comodidade de NÃO COMEÇAR, logo podemos sim separar dentro das Empresas quem é PIONEIRO e quem é COLONO, muito embora ambos desejem o mesmo, ou seja:
        
                        a)  Melhorias, conforto,segurança e benefícios;

                  Mas, cá entre nós, apenas os PIONEIROS lutam com devoção, paixão, desprendimento e coragem para que suas IDÉIAS sigam a frente, pois o COLONO se cotenta com o primeiro NÃO, deixando de lado suas aspirações e culpando os outros pela não conclusão de seus trabalhos e empreendimentos, aliás os COLONOS sempre tem uma “resposta na ponta da língua”  para dizerem quem são os CULPADOS por ELES próprios terem fracassado.

                  Importante registrar que as “personagens” que compõem uma Empresa, basicamente são os funcionários, líderes (chefias em geral) e Dono e entre elas podem existir PIONEIROS E COLONOS, ou seja, PIONEIRO nem sempre é o Dono ou Líder em questão, assim como COLONO nem sempre é o funcionário, pois podemos ter sim funcionários com mentalidade de PIONEIRO e Donos com expectativas de COLONO, desta forma fica claro e certo que ser PIONEIRO ou COLONO é um estado de PENSAMENTO e/ou POSTURA diante da VIDA, ou seja, uns “AVANÇAM SEMPRE”  são os PIONEIROS, outros “VEM ATRÁS E ACOMPANHAM”  são os COLONOS, logo os PIONEIROS  são conhecidos pela  CORAGEM e desejo de VITÓRIA e os COLONOS marcadas pelo MEDO, SEGURANÇA e ACOMODAÇÃO.
                   No famoso HAPPY HOUR  já instalado no cotidiano das Empresas eles são fáceis de detectar e serem conhecidos, por isso alguns Donos, Patrões, Superintendentes, Diretores e Presidentes de Empresa vão até lá, justamente para conhecer quem são aqueles que compõem sua Empresa, OU SEJA, quem são os PIONEIROS e quem são os COLONOS, certamente, só poderão contar com os que estão na VANGUARDA DE PENSAMENTOS, logo sobrará espaço só para os PIONEIROS, aos outros sobram as migalhas da funções pequenas, insignificantes e mau remuneradas, regadas a discussões sobre novelas, samba e futebol, sacou?!


                   Aqueles que se acostumaram com o que tem e estão felizes com o que possuem SÃO SERES HUMANOS NORMAIS e devemos sim agradecer o que DEUS nos deu e proporcionou, PORÉM, muito embora já tenhamos certas conquistas, devemos aplicar a atitude de melhoria constante, ou seja, não deitar em berço explêndido  e dedicar-se ao NOVO e DESCONHECIDO, pois caso contrário, certamente, ficaremos para trás, haja vista que o mundo não para e as NOVIDADES continuam a surgir em todo o Globo Terrestre.
                   No passado os COLONOS podiam viver em PAZ, mas neste limiar de SÉCULO XXI, só a MENTE PIONEIRA terá lugar e oportunidade, podendo desfrutar de benesses como a prosperidade, tranquilidade e abundância que nos rodeia, pois apesar dos problemas que estão aí a olhos vistos, lembremos que:


         “VIVEMOS NUM MUNDO SEM EMPREGOS, DENTRO DE UMA TERRA DE OPORTUNIDADES”




JOHN ROBERT

CONSULTOR EMPRESARIAL (ESPECIALISTA):   Estratégia, Negociação, Marketing, Vendas, Comunicação e Inteligência