vida

Santificação


INÍCIO          VIDA

Santificação

 

Santificação é um tema, ou melhor, um estilo de vida muito falado na Bíblia. É não apenas um tema de estudo, mas um estilo de vida que vale a pena viver. É a forma mais excelente de vida. É viver como Deus. Ou melhor, é ser como Deus.

No entanto verificamos que muitos jovens fogem da santificação. A própria palavra provoca em alguns uma certa antipatia. Isso deve-se ao facto existirem conceitos errados sobre o seu significado. Vejamos assim o que a Santificação não é:

 

1. Santificação não é viver uma vida extrema de piedade e boas obras

A grande maioria das pessoas em Portugal tem esta ideia, pois tem sido ensinada neste sentido pela religião tradicional.

 

2. Santificação não é viver uma vida religiosa

 
Muitos pensam erradamente que santificação é viver um vida religiosa, que inclui certas práticas ou liturgias.
 
 

3. Santificação não é deixar de viver

 
Alguns acreditam que viver em santificação é viver uma vida ‘careta’; uma vida em que não há espaço para alegria, prazer e descontracção.
 
 

4. Santificação não é cosmetológica

 
Muitos ainda teimam em afirmar que a santificação está ligada à cosmética. Às pinturas, brincos, cabelos, etc. Errado uma vez mais! É certo que o nosso exterior reflecte a nossa santidade, mas isso não é razão para fazer uma lista de proibições cosmetológicas, ou de tipos de roupa. É farisaismo disfarçado de piedade. Como a Bíblia diz: “tendo aparência de piedade, mas negando-lhe a eficácia” (2Tm 3:5). São doutrinas de homens, questões meramente culturais.
 
 

O que é então a Santificação?

 
Santificação é ser como Jesus e viver como Ele. É ter a sua natureza e a sua vida.
Santificação significa literalmente ser separado para ser dedicado. Signica que somos separados de todo o pecado e de tudo o que desagrada a Deus, (ou seja, de tudo aquilo que nos destrói e rouba a nossa alegria) para vivermos um vida dedicada a Jesus, à Sua Palavra e à Sua vontade, que é boa, agradável e perfeita. Tornamo-nos um com Ele. Tornamo-nos como Ele. A sua vida brota em nós.

É vida fantástica! É vida radical! É vida vitoriosa! É vida excelente! Não limita a vida, potencializa-a. Não desmancha o prazer, torna-o mais profundo. Na realidade ser santo é ser bonito, é ser atractivo. A Biblia fala na “beleza da santidade” (Sl 96:9). Há beleza na santidade!
 

Como alcançar a Santidade?

 
Ela não se alcança pelo esforço próprio, pelas boas obras, por tentarmos viver desta ou daquela maneira. Não se alcança por nenhum processo de beatificação ou canonização por algum suposto líder religioso. Não se adquire depois da morte.
A santificação vem unicamente por Jesus Cristo, pela fé (1Co 1:30,31). Adquirimos a santificação quando aceitamos Jesus Cristo como o nosso Salvador. Nesse momento, instantâneamente e sem obras, Ele faz-nos santos, justos e torna-nos Seus filhos (1Co 6:11).
Depois disso a nossa vida não é uma tentativa para sermos santos, mas é apenas vivermos e aperfeiçoarmos a santidade que Ele já operou em nós (2Co 7:1). Não pela nossa força e não numa tentativa de guardar regras e regulamentos. É vivermos a vida de Deus que está em nós pelo poder do Espírito. Não há nada melhor!
 
E tu?! Já és santo?!

Hugo Pinto, 14.06.2005

Colocado em  06.03.2007