Recursos Renováveis e Não Renováveis 


 

Recursos Renováveis

Recursos naturais capazes de se regenerarem num curto espaço de tempo, isto é à escala da vida humana.

Exemplo de fontes de energia renovável:

  • O sol. – Energia solar.
  • O vento. – Energia eólica.
  • Os rios e correntes de água doce. – Energia hidráulica.
  • Os mares e oceanos. – Energia mareomotriz e energia das ondas.
  • A matéria orgânica. – Biomassa.
  • O calor da terra. – Energia geotérmica.

As energias renováveis são consideradas alternativas às tradicionais energias renováveis, tanto pela sua capacidade de regeneração como pelo seu menor impacto ambiental aquando da sua utilização.

 

Recursos Não Renováveis

Recursos naturais que uma vez consumidos, não podem ser repostos, pela natureza, num espaço de tempo razoável, comparativamente à escala da vida humana. São produtos resultantes de processos extremamente lentos da litosfera. Tanto os combustíveis fosseis como os minerais metálicos e não metálicos são considerados não renováveis, porque a sua capacidade de se renovarem é muito reduzida comparada com a utilização que deles fazemos. As reservas destes recursos, ao ritmo que estão a ser utilizadas, irão ser esgotadas num futuro não muito longínquo.

As energias não renováveis são actualmente as mais utilizadas, como o petróleo, o carvão e o gás natural. A sua combustão liberta dióxido carbono (CO2) para a atmosfera, causando o aumento do Efeito de Estufa, característico do nosso planeta, originando consequentemente um fenómeno designado por Aquecimento Global.