Cestrum euanthes - Coerana-amarela

Nomes populares

Coerana-amarela

Nome científico

Cestrum euanthes Schltdl.

Voucher

418 Schwirkowski (MBM)

Sinônimos

Cestrum pseudoquina Mart.

Cestrum sellowianum Sendtn.

Família

Solanaceae

Tipo

Nativa, não endêmica do Brasil.

Descrição

Característica

O nome Cestrum euanthes é bastante controverso. A espécie foi descrita por Schlechtendal (Linnaea 7: 60. 1832), na mesma obra em que o autor descreveu C. corymbosum (Linnaea 7: 57. 1832). Francey (1934-1936 e 1936-1938), ao monografar o gênero, considerou estes dois nomes como pertencentes a táxons distintos. Mais tarde, Smith & Downs (1966), Aranha (1976), Cabrera (1979) e Guaranha (1981a) reuniram os dois nomes, aceitando como válido o nome C. corymbosum. Romanutti & Hunziker (1998), analisando o material visto por Cabrera, sob o nome de C. corymbosum, discordaram deste, aceitando como válido, para o material da Argentina, o nome C. euanthes. As características que distinguem as duas espécies, mencionadas por Francey (1934-1936 e 1936-1938), são válidas também para o material coletado no Rio Grande do Sul. Cestrum euanthes tem a corola esverdeada, amarelo-esverdeada ou amarela, às vezes levemente arroxeada no tubo e nas extremidades dos lobos, os lobos corolinos lanceolados, com 3 a 7 mm de comprimento e inflorescência com até 11 flores. Cestrum corymbosum tem a corola alaranjada, os lobos corolinos deltóides, com até 3 mm de comprimento e inflorescência com mais de 12 flores(SOARES, 2007, p. 6).

Floração / frutificação

Março a novembro, frutificando de setembro a dezembro.

Dispersão

Habitat

Pampa e Mata Atlântica, na Floresta Ombrófila Mista e Floresta Estacional Semidecidual.

Distribuição geográfica

Centro-Oeste (Mato Grosso do Sul), Sudeste (Minas Gerais, São Paulo), Sul (Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul) (STEHMANN, 2010).

Etimologia

Propriedades

Fitoquímica

Fitoterapia

Fitoeconomia

Injúria

Comentários

Bibliografia

Catálogo de plantas e fungos do Brasil, volume 2 / [organização Rafaela Campostrini Forzza... et al.]. -

Rio de Janeiro : Andrea Jakobsson Estúdio : Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro, 2010. 2.v. 830 p. il. Disponível em: <http://www.jbrj.gov.br/publica/livros_pdf/plantas_fungos_vol2.pdf>.

PLANTAS DA FLORESTA ATLÂNTICA. Editores Renato Stehmann et al. Rio de Janeiro: Jardim Botânico do Rio de Janeiro, 2009. 515p. Disponível em: <http://www.jbrj.gov.br/publica/livros_pdf/plantas_floresta_atlantica.zip>.

SOARES, E. L. C.; VIGNOLI-SILVA, M.; MENTZ, L. A. O Gênero Cestrum L. (Solanaceae) no Rio Grande do Sul, Brasil. Pesquisas, Botânica nº 58: 263-282. São Leopoldo: Instituto Anchietano de Pesquisas, 2007. Disponível em: <http://www.anchietano.unisinos.br/publicacoes/botanica/botanica58/artigo10.pdf>

STEHMANN, J.R., Mentz, L.A., Agra, M.F., Vignoli-Silva, M., Giacomin, L. 2010. Solanaceae in Lista de Espécies da Flora do Brasil. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. (http://floradobrasil.jbrj.gov.br/2010/FB014641).

Cestrum euanthes http://sites.google.com/site/florasbs/home São Bento do Sul - Santa Catarina
Cestrum euanthes http://sites.google.com/site/florasbs/home São Bento do Sul - Santa Catarina
Cestrum euanthes http://sites.google.com/site/florasbs/home São Bento do Sul - Santa Catarina
Cestrum euanthes http://sites.google.com/site/florasbs/home São Bento do Sul - Santa Catarina
Cestrum euanthes http://sites.google.com/site/florasbs/home São Bento do Sul - Santa Catarina
Cestrum euanthes http://sites.google.com/site/florasbs/home São Bento do Sul - Santa Catarina
Cestrum euanthes http://sites.google.com/site/florasbs/home São Bento do Sul - Santa Catarina