Alice e o Avesso do Mundo

Oficinas de Construção de um Livro em Pano..

Páginas de pano designa um conjunto de sete oficinas, cada uma debruçada sobre um capítulo do conto “Alice e o avesso do mundo”, redigido propositadamente para esta iniciativa.

Em cada uma das sessões, antecipadas pela leitura do conto foram disponibilizados materiais riscadores e outros para a realização de desenhos ilustrativos do capitulo a ser trabalhado.

Paralelamente, acompanha-se o processo de confecção, em pano, de Alice, a personagem principal: pompons para o seu cachecol, tiras de pano para o seu cabelo ou o próprio enchimento do molde.

Tanto Alice como o livro em si contaram com empenho e criatividade de todos os muitos participantes que aderiram à iniciativa.

Páginas de Pano, enquanto proposta, nasce de uma vontade de aproximar a linguagem artística do mundo dos livros e da leitura em si.

Se, efectivamente, estivermos responsáveis por representar, na forma de um desenho, um fragmento de um texto, este tornar-se-à mais próximo de nós, e convocará uma redobrada vontade de o lermos na integra.

Um convívio descomprometido, mas efectivo, com um livro na fase de construção possibilita uma maior proximidade com o seu conteúdo.

Este foi o propósito e foi, igualmente o resultado desta iniciativa.

A exposição de trabalhos agora inaugurada é ilustrativa disto mesmo.

Uma proximidade afectiva com a personagem principal – Alice – e suas características mais relevantes.

Uma vontade acrescida de recontar a história e, inclusive, replicar a sua “moral”:

Alice, o que é que eu te disse?

Filipa Soares 2008


Sinopse:

Na procura de uma crescente motivação da criança para a leitura, e ciente de uma eficaz contribuição das Artes Plásticas nesse sentido, proponho um conjunto de oficinas multidisciplinares cujo objectivo final se centra na construção de um livro em pano.

Um texto - "Alice e o Avesso do Mundo", escrito propositadamente para o efeito, será sujeito a análise e ilustrado por todos os participantes das respectivas oficinas, recorrendo-se a práticas familiares às Artes Plásticas como o Desenho, a Colagem, etc.

Como resultado final teremos um livro-objecto, resultado das mais diferentes abordagens e interpretações, apto a ser lido por todos os sentidos e manipulado por todos os visitantes da Biblioteca Municipal de Caldas da Rainha.

No fim deste trabalho/projecto, a obra será doada ao espaço que acolheu esta iniciativa, a Biblioteca Municipal das Caldas da Rainha.

Em breve, esta obra poderá ser descarregada na integra, para assim ser lida, relida e contada por todos os que o desejarem.























Cartaz do Projecto



Levantando um pouco do véu sobre o conto...

...

"O Pai: Alice, o que é que eu te disse?

À noite, já o ponteiro mais pequeno trepava o número 9, e tendo feito uma birra gigantesca porque em vez de sopa exigiu flocos e os pais, claro está, disseram que não, fechou-se no quarto e, como é seu hábito, foi buscar o banco de madeira, encostou-o à janela e distraiu-se a olhar a noite."

...


















Work in progress do projecto "Alice e o Avesso do Mundo", um livro feito em pano, com a colaboração das crianças inscritas para esse mesmo projecto, a ter lugar na Biblioteca Municipal das Caldas da Rainha, nos dias 20,25 e 27 de Outubro e 03,08,10 e 15 de Novembro de 2008

Alice e o Avesso do Mundo
























A janela da Alice





"Intercalas com tudo isto...Alice...e vou-te tecendo a morada e as feições, e nuvens fofas e gigantes estrelas que te enfeitem a vida.
As imperfeições, essas, que venham...integrem tudo isto da forma que mais lhes apetecer, sem dó nem piedade de quem se consome com linhas...e sem dedal.
Venham elas...e Alice...e o avesso do mundo que a espera!!!"


Fonte: Blog oficial da Filipa



Comments