O que é dançar?






Dançar pode ser definido como uma manifestação instintiva do ser humano. Antes de polir a pedra e construir abrigos, os homens já manifestavam ritmicamente para se aquecer e comunicar. Considerada a mais antiga das artes, a dança é também a única que dispensa materiais e ferramentas. Ela só depende do corpo e da vitalidade humana para cumprir sua função enquanto instrumento de reafirmação de sentimentos e experiências subjetivas. As primeiras danças eram individuais e relacionavam á conquista amorosa. As danças coletivas também apareciam na função de adoração das forças superiores, ou na simples celebração de datas festivas como casamentos, colheitas, nascimentos. Com a evolução da História, a dança foi se profissionalizando, até chegar nos moldes que a conhecemos atualmente. Entretanto, nenhuma destas formas de se manifestar a dança, deu lugar definitivo a outra. De lá para cá, elas coexistem. Sendo amadora ou profissional, a dança continua imutável em sua característica mais ímpar: Proporcionar extremo prazer em quem a executa.















Louvada seja a dança porque ela liberta o homem do peso das coisas materiais, e une os solitários para formar sociedade.
Louvada seja a dança,que tudo exige e fortalece,saúde, mente serena e uma alma encantada.A dança significa transformar o espaço, o tempo e a pessoa,que sempre corre perigode se desfazer e ser ou somente cérebro, ou só vontade ou só sentimento.A dança porém exige o ser humano inteiro, ancorado no seu centro, e que não conhece a obsessão da vontade de dominar gente ou coisas, e que não sente a demonia de estar perdido no seu próprio ser.A dança exige o homem livre e aberto, vibrando na harmonia de todas as forças.
Ó homem, ò mulher, aprenda a dançar senão os anjos do céu não saberão o que fazer contigo.
( Santo Agostinho)




















































Qualquer pessoa pode dançar?




Dançar é uma forma de expressão que se perde com a origem da humanidade. Desde tempos remotos, o homem dançou. Seja para se entreter, seja para celebrar o sagrado, seja como profissão. Dançar, em síntese, é uma atividade que não é restrita. Há porém de se perguntar qual é o seu objetivo.Para ser um bailarino profissional, seja de qual modalidade for, em geral, salvo raras exceções de excepcional talento, é necessário anos a fio de dedicação, que começam quase sempre na tenra infância. Mas dançar é algo possível a um número muito grande de pessoas. Não tem idade, nem sexo, nem classe social. Além de ainda não ser restrita para os portadores de necessidades especiais.Sem contar com a gama de estilos que se tem dentro deste universo, isto é, de ballet à dança contemporânea, de bolero á música eletrônica, mover-se é uma atividade extremamente prazerosa e possível. O que você está esperando?Escolha a sua!