Elias Alves
Updated Feb 1, 2013, 1:18 PM
O espírito empreendedor é a única chave que abre a verdadeira porta para o sucesso.
Use template

Espaço do Empreendedor

Pesquisar a web

Elementos do Sistema Produtivo (II)

Para que as empresas tenham competitividade garantida,
os preços de seus produtos e serviços
são fatores fundamentais. 
Por isto,
o custo é um fator primordial. 

A economia está se tornando rapidamente cada vez mais globalizada. As empresas precisam expor seus produtos e serviços no mercado com preços que sejam condizentes com as condições necessárias para a competitividade. Isto torna o custo um fator primordial e faz com que os gastos da empresa tenham que ser bem mapeados para que os recursos sejam otimizados. 
Os aspectos que mais interferem nos custos são a qualidade, a confiabilidade, a rapidez e a flexibilidade. A qualidade reduz custos porque com ela são evitados trabalhos excessivos, desperdício de materiais e custos para corrigir problemas. A qualidade também se refere ao atendimento ao cliente em tempo certo (entrega dos produtos e serviços na data e no horário prometidos pela empresa) e com o fornecimento de produtos e serviços adequados. Isto contribui para garantir a confiança dos clientes quanto à qualidade dos produtos, dos serviços e da empresa. Essa confiabilidade gera ganhos internos, pois o trabalho alheio é julgado pelos clientes internos.

A importância da rapidez na entrega e da flexibilidade

A rapidez, neste caso, é referente ao tempo que o cliente precisa esperar para receber o produto ou o serviço. Quanto menor for esse período de espera para o cliente, maiores serão os ganhos internos na empresa. Quanto mais rápida for a entrega, mais fácil se tornará o trabalho para o desenvolvimento dos produtos e dos serviços. 
"Flexibilidade" é a capacidade de se mudar a maneira de fazer as coisas para atender a certas necessidades. As "necessidades", neste caso, são as exigências dos clientes. Isto também contribui para a geração de ganhos internos, pois agiliza a resposta, maximiza o tempo e ajuda a manter e a fazer crescer a confiabilidade da clientela. 

Visão de curto e longo prazos

Tudo isto nos leva a concluir que a identificação, o cultivo e a exploração das competências centrais das empresas fazem com que seus gestores  se lembrem frequentemente da visão da organização, que pode ser de curto ou de longo prazo. A visão de curto prazo é decorrente da relação entre os preços e a performance dos atributos, produtos e serviços. Isto facilita uma sustentação junto ao mercado e aos clientes. 
A visão de curto prazo gera produtos e serviços a custos menores com maior rapidez. Isto garante uma diferenciação que viabiliza a continuidade da atuação da empresa no mercado. 


Comments