Esta página é parte do portifólio virtual de Eduardo Mercer. Todas as marcas registradas são propriedade de seus respectivos donos e usadas apenas como referência. Copyright © 2009 Eduardo Ferreira Fontes Mercer.

 This page in english 


Coleção de imagens, animações e informações referentes ao trabalho criado para a matéria de Projeto de Produto II do curso de Desenho Industrial, habilitação em Design de Produto da Fundação Armando Alvares Penteado sob a tutoria do professor Fabio Righetto entre março e junho de 2009

Este é o vídeo de abertura da apresentação do projeto. O resto dos slides não faz sentido sem narração então ao invés de colocar um Powerpoint inteiro aqui eu optei por colocar apenas a abertura e o resto ilustrando o corpo do texto. Espero que vocês gostem:


A idéia é, em um minuto, transmitir os sentimentos mais interessantes que surgiram na pesquisa de opinião executada por e-mail no início do projeto. Nem todas as frases são literalmente o que as pessoas me disseram, confesso que dei uma poetizada na coisa, mas as idéias são o que importa. Ah! Pra quem gostou, a música é do Cloud Cult e se chama No One Said it Would be Easy. Todo mundo deveria ouvir Cloud Cult, é uma das bandas mais geniais e bizarras que eu ouvi nos últimos tempos.

Bom, vamos ao projeto em si. Começou com a proposta do professor, um bocado ambiciosa, de criar, individualmente, um telefone que desbancasse o iPhone. Nosso cliente hipotético era a Microsoft. Comecei o trabalho entrevistando usuários de iPhone (pessoalmente, com seus telefones em mãos) e perguntando quais os defeitos do seu aparelho predileto. Sem nenhuma surpresa a duração da bateria foi o problema mais citado. Menções interessantes foram a incapacidade de fazer vídeos, mandar mensagens multimídia e copiar-e-colar (resolvidas com a versão 3.0 do sistema, lançado no começo de junho) e a falta de compatibilidade com Adobe Flash. Parti em seguida para uma pesquisa mais ambiciosa, do mercado de celulares como um todo: enviei um questionário por e-mail para algumas pessoas de diferentes idades, formações culturais e profissões que media 150 variáveis diferentes (desde fatores socio-econômicos até preferências pessoais) com relação a aparelhos celulares. Alguns dados mais interessantes reproduzo aqui:

  • 67% das pessoas que deixam de comprar um iPhone citam preço como motivo
  • 57% das pessoas não pensam em ter um smartphone
  • Internet, e-mail e programas vem empatados em primeiro lugar como motivos para ter um smartphone; teclado, música e a capacidade de sincronizar os dados com um computador vem em seguida
  • Útil, Amigos, Social e Prático são os conceitos mais associados a telefone celular
  • 67% dos usuários de celular entrevistados tem videogame, 84% tem TV a cabo
  • 92% considera duração da bateria um fator essencial em um telefone celular
  • Em segundo lugar vem mensagens de texto e confiança
  • Câmera, tamanho da tela e a capacidade de rodar programas vem a seguir
  • Familiaridade é tão importante quanto bom preço
  • E-mail e internet são tão importantes quanto teclado
  • 100% dos entrevistados usa Windows (mesmo os usuários de Macintosh), 92% usam Messenger e 75% usam Office
  • O índice de rejeição da marca Microsoft é de zero porcento

 O objetivo traçado por essa pesquisa era ambicioso: criar um celular cuja bateria durasse mais, cuja tela fosse maior e cujas capacidades técnicas fossem superiores às de qualquer aparelho no mercado atualmente, sem ser um trambolho. O truque para chegar a esse resultado foi combinar tecnologia de ponta, engenhosidade e um bocado de cara-de-pau. Na comparação abaixo vemos que o resultado foi bastante satisfatório, com um aparelho que ao mesmo tempo tem a maior tela do mercado (4,1 polegadas, maior até que a de um videogame portátil recém-lançado, o PSP Go) e uma das menores carcaças, medindo apenas 110 por 58 milímetros.

O aparelho tem duas câmeras (como é cada vez mais comum em aparelhos 3G), uma para videoconferência na frente, estilo webcam, com 110 kpixels (algo como um décimo de megapixel) e a outra atrás, com 8,3 megapixels, autofocus, flash e a capacidade de filmar em qualidade de HDTV (720p). A tela abre por um mecanismo slide and tilt que revela abaixo dela um teclado QWERTY completo, um direcional analógico e quatro botões dedicados a jogos, como mostra a ilustração 3D a seguir:

O Wow tem dois integrados de rádio, um dedicado à conectividade GSM e 3G e outro que cumpre as funções de Bluetooth 3.0, GPS, Wi-Fi e FM. O Bluetooth 3.0 supre as necessidades de conexão sem fio com outros aparelhos (suportando as novas funções do protocolo, como transferir arquivos via Wi-Fi a até 54 Mbps e associação por aproximação física via NFC, que serve inclusive para sistemas de pagamento sem contato físico como no Bilhete Único paulistano) enquanto o rádio FM ida-e-volta permite receber (que surpresa!) rádio FM, além de atualizações de trânsito em tempo real para o sistema de GPS e também transmitir audio para um sistema de som automotivo, tornando possível ouvir as instruções de GPS (ou seus arquivos MP3) nos falantes do carro sem precisar de fios. O processamento fica a cargo do novo SoC (System-on-a-Chip) da nVidia, o Tegra 650, um processador ARM11 multi-core de 750 MHz com processamento de vídeo HD (até 720p), capacidades 3D com nível de videogame portátil (OpenGL ES 2.0) e um envelope térmico de 4 watts, mas consumo médio em funções multimídia de cerca de 300 miliwatts. Tudo isso somado ao consumo do AMOLED, que é cerca de um terço do consumo do LCD, permite que o aparelho sobreviva por várias horas exibindo vídeo em tela cheia. Mas e se a bateria acabar ?

Uma característica única do Wow é o Powerstick. Diferente de uma bateria de celular comum, o Powerstick tem a forma de duas pilhas AAA (95 mm x 10,5 mm) e pode ser removido sem desligar o aparelho, pois este conta com uma bateria interna de 560 mAh (miliampéres-hora) capaz de mantê-lo em funcionamento por algumas horas. Cada Powerstick de polímero de lítio tem entre 580 e 940 mAh, o que faz com que um Wow com um Powerstick de maior capacidade funcione por 40% a mais de tempo que um iPhone. Novas tecnologias como óxido de prata-zinco podem aumentar ainda mais a duração dos Powersticks lançados no futuro, e o aparelho pode até mesmo funcionar com pilhas comuns. O aparelho (e seus Powersticks) pode ser recarregado na tomada ou ligado a um computador por sua porta Micro USB (que deve ser padronizada pela Comunidade Européia como conector de recarga de celular em breve). Outros conectores disponíveis no Wow são HDMI D (para ligá-lo em televisores HDTV), mini-DIN 7 (para ligar em TVs comuns via S-Video ou vídeo componente) e uma saída de som P2 TRRS, o conector padrão de fones de ouvido estéreo, mas com um pino extra para microfone. Além disso o Wow tem uma entrada de cartão de memória microSD capaz de ler cartões SDHC de até 16 GB.

A tela de AMOLED (LED Orgânico de Matriz Ativa) de 240 DPI da Samsung Mobile Display mostra imagens em cores em uma resolução de 480p (480 linhas verticais não-entrelaçadas) em formato widescreen 16:9, o que a torna conforme com o padrão HDTV. A capacidade de sintonizar TV digital ficou de fora do projeto não apenas por ter sido considerada pouco importante pelos respondentes da pesquisa, mas também pelo fato dos vários padrões internacionais serem mutuamente incompatíveis. Entretando os serviços de download de vídeos da Microsoft funcionam no Wow, que é capaz de reproduzir seriados e filmes alugados através do XBox Live, Live Anywhere e Zune Store, além de todos os sites de vídeo de alta definição como Hulu, YouTube etc. A tela somente consome energia nos pixels que estão ativamente iluminados e dispensa qualquer tipo de backlight, mostrando contraste superior ao das TVs LCD e plasma consumindo menos de 100 mW. Além disso é extremamente fina, sendo o menor dos fatores na espessura da peça slide-out. Sobre a tela fica um substrato de policarbonato com sensor de proximidade e touchscreen capacitivo fornecido pela Synaptics, Inc. Assim o Wow é capaz de perceber que será tocado até 6 cm antes do dedo ativamente tocar a tela, podendo adaptar a interface ao toque iminente (ex.: destacar os links de uma página ou sair do modo tela cheia durante um vídeo). A mesma tecnologia de toque está presente no teclado e no direcional analógico, permitindo grande sensibilidade posicional sem a necessidade de mecanismos complexos atrás do substrato emborrachado das teclas. Isto permite que os botões sejam iluminados seletivamente por LED, indicando a função que estão cumprindo (digitação de letras, símbolos ou números).

A experiência do usuário no Wow é familiar a qualquer usuário de Windows. Os ícones, botões, menus, abas e funções são um misto visual do que se encontra nos Windows XP, Vista e 7. O tempo de aprendizado para um usuário de Windows deve ser mínimo e mesmo aqueles que usam Linux ou Macintosh devem reconhecer a maioria das caracterísiticas visuais da interface em pouco tempo. O sistema é uma versão especialmente adaptada do Windows CE, com um pacote de aplicativos padrão composto de Internet Explorer, Live Messenger, Live Mail, Live Contacts, Media Player e um Office especial para telas pequenas (composto por Word, Excel e Powerpoint). Além disso softwares para captura de fotos e vídeo, transferências de arquivos via Bluetooth, pagamentos por NFC, discagem etc. virão inclusos no pacote. O cliente de acesso à Live Marketplace completa estas ofertas permitindo comprar ou alugar seriados, filmes, jogos e programas direto via internet ou 3G.

Os jogos fazem integração direta com o XBox Live, permitindo jogar partidas contra adversários ao redor do mundo em outros Wow ou até mesmo em PCs ou XBox 360, de acordo com a compatibilidade de cada jogo. Jogos, músicas, filmes, documentos e programas ficarão armazenados na memória interna do aparelho ou em cartões microSD

O acesso à internet via 3G ou Wi-Fi é tão transparente ao usuário quanto ele desejar, regulando os avisos de acordo com seu plano de assinatura. Assinantes de planos de dados ilimitados poderão transferir suas conexões diretamente do Wi-Fi para 3G, enquanto assinantes de planos mais simples podem ser avisados de que a conectividade passará a ser cobrada. O mesmo ocorre com o sincronismo de dados: e-mails, contatos, mensagens de texto e até mesmo documentos e fotos podem ser armazenados automaticamente em um servidor remoto ou apenas sincronizar quando conectados a um PC ou em rede Wi-Fi.

O Wow é disponibilizado em três versões de preço e acabamento. Professional, para vendedores, executivos e funcionarios de empresas que queiram integrar toda a sua equipe com dispositivos de acesso à internet compatíveis com Office e Exchange. Este aparelho vem com um Powerstick de 580 mAh (total: 1140 mAh) e 8 GB de memória embarcada e está disponível na cor preta. Premium, um aparelho para jogos e multimídia, com 16 GB de memória e um Powerstick de 940 mAh (total: 1500 mAh), além de um jogo grátis. Ele está dispoível nas cores preto e branco. Ultimate, um aparelho para jogadores hardcore e trendsetters, com 16 GB de memória interna, um cartão de memória de 16 GB e 3 jogos de brinde. Está disponível, além de preto e branco, nas cores vermelho, lima, roxo, laranja e pink.

Epílogo

Este trabalho foi desenvolvido durante três meses e apresentado um junho de 2009 diante da turma de 4º semestre do curso de Design de Produto da FAAP e do professor Fabio Righetto, professor da matéria de Projeto de Produto II e coordenador do curso, apresentação na qual recebeu nota máxima. Este portifólio virtual foi criado como agradecimento a todas as pessoas que tornaram este projeto possível, seja respondendo o questionário, participando das entrevistas, dando consultoria técnica valiosíssima sobre assuntos que eu jamais conseguiria dominar. Agradeço também a paciência de quem me atendeu nas horas mais estranhas, aguentou meu papo incessante ou leu e corrigiu as páginas e páginas que foram produzidas durante este desenvolvimento. Àqueles que eu negligenciei durante a execução deste projeto, espero que vê-lo terminado sirva de desculpa. Se eu pudesse materializar um Wow Ultimate para cada um de vocês, mesmo que eu tivesse de pagá-los do meu bolso, eu o faria com prazer e até deixaria vocês escolherem as cores. Meu sincero agradecimento a todos vocês

Eduardo Mercer


Especificações finais

Medidas:

110 mm x 58 mm x 17 mm, bateria Li-Poly interna de 560 mAh e 3,7 V

Tela:

AMOLED de 4,1” FWVGA (854 x 480 pixels) Samsung SMD

Entrada:

Teclas, direcional, touchscreen e sensor de proximidade Synaptics, Inc.
Câmera frontal (video-conferência) Sharp LZ0P396D, 110 kpixels
Câmera traseira (foto e vídeo) Sony MCB1172, 8,3 Mpixels autofocus, vídeo 720p 30 fps

Conectividade:

GPS, FM, Wi-Fi e Bluetooth 3.0 + HS CSR 9000 GSM, GPRS, EDGE e HSDPA Commit MARS-II
Conectores Micro USB, HDMI D, P2 TRRS, mini-DIN 7, microSD e SIM

Processador:

nVidia Tegra 650, 750 MHz ARM11 MPCore

 

Mais imagens do Projeto Wow podem ser encontradas na minha conta do Flickr em http://tinyurl.com/wow-pictures