Radioamadorismo

CT1-EBZ        JOÃO PAULO SARAIVA AMARAL DA ENCARNAÇÃO  

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                        

Plano de Banda de Amador Região 1

 

Associações e Clubes de Radioamadores:

 

    Link´s de Interesse:

            O radioamadorismo é um hobby científico com diversas modalidades conexas às ondas da rádio-comunicação. O radioamador é a pessoa que procura manter funcionamento uma estação de radiocomunicação, ora para comunicações informais bem como para concursos e competições nacionais e transnacionais. Além das conversas "de serrar presunto" e contestes, o radioamador pode auxiliar as autoridades de protecção civil nas situações de risco e calamidades públicas, levando as comunicações aos mais longínquos cantos do Mundo. Algumas dessas modalidades utilizam o Código Fonético Internacional e o Código Q sendo  muito utilizados por radioamadores em todo Mundo na  troca de informações e mensagens tanto em curta distâncias como a longas distâncias. Além dos operadores de estações amadoras de radiocomunicação, aqueles códigos são utilizados por serviços diversos, tanto civis como militares.

            Os radioamadores são ainda seres permanentemente curiosos sobre as novas técnologias e desenvolvimento tecnológico, o que faz de cada radioamador um cientista, no desenvolvimento, e concepção de alguns dos seus equipamentos e antenas, sendo disso bom exemplo o facto de a maioria das antenas usadas por empresas de comunicações e forças militares serem replicas de antenas desenvolvidas por radioamadores. Também o melhoramento das caracteristicas de determinados equipamentos de comunicação resulta da experiência radioamadoristica e da sua opinião técnica formada sobre o assunto.

            Como qualquer ciêntista o radioamador é frequêntemente perseguido pela ignorância da sociedade com impedimentos de acesso ao telhado para colocar as suas antenas ou  alegações de que tens rádios para fins de espionagem ou até de que as suas antenas prejudicam a saúde e as suas emissões lhe estragarão o ferro de engomar, sendo por isso vitima da falta de conhecimento e cultura da maioria das pessoas que o rodeiam.
            (esta parte é dedicada a minha vizinha Sandra França)

            No meu caso concreto tenho uma vizinha que diz que o pai morreu por causa das minhas antenas, e note-se que elas não cairam em cima de ninguem nem ninguem caiu em cima delas.