O Universo Deslumbrante

 
O Universo Infinito
 
 
 
 




*** A Criação Do Universo Infinito ***



 
 
 
 
       A palavra universo do Latin Universus, "Todo Inteiro",
composto de Unus e Versus tem várias acepçõespodendo ser designado
como "A Totalidade das Coisas objeto de um estudo que
se vai fazer ou de
um tema do qual se vai tratar". Portanto, o termo pode ser designado
como  " A Totalidade das Coisas".   Na linguagem quotidiana poderíamos dizer "Universo da Política", "Universo dos Jogos",  Universo Feminino"... Isso são particularizações da palavra. Se quisermos designar a totalidade do todo físico e real, a definição aplicada  terá carácter  Cosmológico. Conjunto de estrelas, planetas, galáxias e outros astros celestes inseridos no sistema espaço-temporal que obedecem às leis da física.  Esta definição, embora bastante vasta, é ainda incompleta frente aos avanços do conhecimento e da agregação cada vez maior de descobertas antes desconhecidas e que passam a ter comprovação científica
 
[287312main_image_1214_428-321.jpg]
 
 
 
***  Quantas Estrelas Existem no Universo? ***
   Se o Universo é Infinito, os cientistas supõem que o número de corpos celestes que o compõem deve ser igualmente infinito. Nós só podemos contar o número de estrelas que ficam na parte visível do cosmo, aquela cuja luz chega até a Terra. Para começar, isso inclui nada menos que 100 bilhões de Galáxias - Grandes Sistemas Estelares como "A Via Láctea", que abriga Nosso Sistema Solar. "Essas galáxias podem conter de alguns milhões de Estrelas, no caso das menores, a Centenas de Bilhões, no caso das mais Luminosas", diz o astrônomo Laerte Sodré Jr., da USP. Com uma média de 100 bilhões de estrelas por galáxia, essa estimativa alcançará a bagatela de dez sextilhões de astros! (Para ter uma idéia do que significa um sextilhão, acrescente uma fileira de 21 zeros ao algarismo um.) Comparada a esse número, a quantidade de estrelas que vemos pela janela representa quase nada: apenas 5 000 são visíveis da Terra a olho nu. Galáxias, então, só  enxergamos quatro sem telescópio: A Via Láctea, é claro, mais Andrômeda e As Duas Nuvens (Pequena e Grande) de Magalhães. Ou seja, em média, existem 10.000.000.000.000.000.000.000 de estrelas no Universo. Em nova pesquisa os Cientistas acreditam que há  mais de 70 Septilhões de Estrelas no Universo e não 10 sextilhões como acreditavam antes: 70.000.000.000.000.000.000.000.000 Agora um detalhe, Deus conhece cada uma pelo nome! Salmo 147.4 diz: “Conta o Números das Estrelas, chamando-as todas pelo Seu Nome”. Vejamos, quantos humanos existem na terra? Existem aproximadamente 7.000.000.000  Sete Bilhões de Seres Humanos na Terra.

        Se compararmos e vermos que, se Deus conhece cada Estrela pelo seu nome,
e seu número é  praticamente infinito (pois esse número aí em cima é uma estimativa  como não conseguirá cuidar  perfeitamente bem de apenas, e nesse caso são apenas, 7 Bilhões de Seres Humanos.
Vejamos outro exemplo de cuidado...
 
***  Como Se Vestem os Lírios do Campo? ***

   Os Lírios do Campo? Você já Viu Algum?
           Já percebeu como são bonitos?
Já prestou atenção nos detalhes de como foram feitos?
Jesus disse que nem Salomão (o Rei mais glorioso de Israel) em toda a
sua Majestade se vestiu como um deles, em Mateus 6.28-29 diz: “E, quanto à vestimenta, por que andais solícitos? Olhai para os lírios do campo, como eles crescem: não trabalham, nem fiam; E Eu vos digo que, nem mesmo Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles.”  Qual a importância que damos aos lírios do campo? Nenhuma! Se pudermos, pegamos eles com nossas próprias mãos, admiramos por um instante sua beleza e depois o  jogamos fora, ou se formos agricultores, simplesmente os arrancamos fora para poder produzir o nosso alimento! Contudo Deus o veste de uma forma tão bela que nem mesmo o mais glorioso dos homens jamais conseguiu fazê-lo. Será que Deus não terá condições de cuidar tão bem de você como cuida das estrelas do céu e dos lírios do campo?  E muito mais, Ele mesmo diz que nos fez a Sua Imagem e Semelhança, somos os únicos na Criação que temos esse privilégio e essa responsabilidade. Se somos imagem de Deus na terra, devemos agir como Ele Age Com A Sua Criação Isso Inclui os Humanos Também.
 
 
 
 
 
 

  

 
 
 
*** Trilhas Sonoras Vinhetas ***  
 
** Jerusalém - Conflito de Gerações  ***
 
 
 
 
 
 
 
       Nesta altura, é ainda impossível garantir que o Universo continuará a expandir-se infinitamente, levando à desagregação de toda a matéria e à sua morte, ou se eventualmente essa expansão abrandará e se iniciará um processo de condensação. Esta última hipótese, que sustenta a possibilidade da ocorrência de um fenómeno inverso ao Big Bang, o Big Crunch, leva à conclusão de que este Universo poderá ser apenas uma instância distinta de um conjunto mais vasto, a que outros 'Big Bangs' e 'Big Crunches' deram origem. O filósofo alemão Friedrich Nietzsche propôs a hipótese, na sua teoria do Eterno retorno, de que o Universo e todos os acontecimentos que contém se repetem ou repetirão eternamente da mesma forma.
Wikipédia. A Enciclopédia Livre
 
 
Imagens NASA
 
 
 
 
 

Espaço Sideral é todo o espaço do Universo não ocupado por Corpos Celestiais e suas eventuais atmosferas. É a porção vazia do universo, região em que predomina o vácuo. O termo também pode ser utilizado para se referir a todo espaço que transcende a Atmosfera Terrestre

 Conceituações

Em Astronomia, usa-se a denominação "Espaço Externo" ou "Espaço Sideral" para Fazer Referência a Todo Espaço Que Transcende O Espaço Englobado pela Atmosfera Terrestre. O Espaço Sideral é frequentemente subdividido em três subespaços:

 

  1. Espaço interestelar - designação usada para se referir às porções de quasi-vácuo existentes entre as Estrelas. Refere-se sobretudo aos espaços entre as estrelas da nossa própria Galáxia: a Via Láctea.
  2. Espaço intergalático - designação usada para se referir às desoladas vastidões existentes entre as galáxias. Da Via Láctea à sua galáxia-satélite mais próxima, a Grande Nuvem de Magalhães, esta vastidão é da ordem de 152 mil anos luz de distância. E, da Via Láctea até Andrômeda (que é sua galáxia-irmã e a mais próxima com forma e tamanho similares), são cerca de 2 milhões e 200 mil anos-luz de distância. A partir daí, as distâncias são imensamente maiores.
  3 - Espaço interplanetário - designação usada sobretudo para se referir aos espaços existentes entre os Planetas do nosso próprio Sistema Solar. Por extensão, inclui as distâncias entre os eventuais planetas de qualquer sistema estelar, inclusive o nosso.
  1. Origem: Wikipédia, a Enciclopédia Livre. 
[Galáxias+1.png]
 
 
 Quando você observa o céu noturno, especialmente no verão,
percebe uma faixa indistinta de estrelas espalhadas pela
porção central do céu. Esse grupo de estrelas constitui a
nossa galáxia, A Via Láctea.
O Sol é apenas uma das 200 bilhões de estrelas da Via
Láctea, que é apenas uma das bilhões de galáxias do
universo. Uma galáxia é um amplo sistema de estrelas,
gases (principalmente hidrogênio), poeira e matéria
escura que orbita um ponto central comum e é mantido
unido pela gravidade. Já foram descritas como
"universos-ilha" e apresentam diferentes formas e
tamanhos. Sabemos que são muito antigas e se formaram no
começo da evolução do Universo, mas a maneira como se
formaram e evoluíram para as diferentes formas que
exibem continua a ser um mistério.
Como funcionam as Galáxias
 
 
 
 
   
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
  
 
 
 
 
  
 
 
 
© Copyright - 2012 /2015 * Os Mensageiros do Amor Maior em Cristo Jesus -