EFD - Social‎ > ‎

Quem detém o ´SEGREDO do COFRE´

eSOCIAL - Quem detém o ´SEGREDO do COFRE´ ? - SPED Brasil

Parceiros do "Segredo do Cofre"

WEBFOPAG, SAP, FOLHAMÁTIC, SENIOR, TOTVS, ADP e outros???

www.spedbrasil.net/xn/detail/2159846:Comment:689144
07/10/2013 - Palestras pr´a lá, palestras pr´a cá, Manuais incompletos, prazos curtíssimos, dúvidas mil, e um monte de CURSOS sobre eSocial sendo ...

Palestras pr´a lá, palestras pr´a cá, Manuais incompletos, prazos curtíssimos, dúvidas mil, e um monte de CURSOS sobre eSocial sendo ´oferecidos´ pela WEB á fora. Um cursinho de 8 horas ao módico preço de R$ 800,00 ( http://www.iobstore.com.br/ch/prod/vit/220274/216548/216568/0/esoci... ) e uma série de outros

Enquanto 40 mil associados do do SPED BRASIL estão "literalmente" cozinhados o SPED BRASIL 360 está faturando palestras no pais inteiro:


Respostas a este tópico - Jorge Campos em 2013

Permalink Respondida por Jorge Campos em 7 outubro 2013 at 10:05

Paulo,

Não existe nenhum " segredo do cofre". Veja que esta situação aconteceu desde 2007, quando foi publicado o projeto Sped.

Alguns resolvem lançar os seus cursos antes do fechamento das discussões, fazendo com que o aluno saia do curso com perguntas as serem respondidas. O que se têm é um projeto piloto, onde o leiaute está em construção, e não foi ainda concluído, por exemplo, foram incluídos 5 novos eventos, dentre eles, aquele que receberá as informações da Dirf com todos os pagamentos efetuados no período como disse o coordenador Daniel Belmiro em sua palestra a Conferência eSocial, disponível no youtube. Agora, enquanto o leiaute não for devidamente analisado e discutido ele não pode ser publicado, sob o custo de levar a erro de interpretação.

Agora, a lacuna de conhecimento em relação ao que é um projeto desta magnitude é muito grande, até porque o RH nunca participou de um processo semelhante e mesmo quando surgiam notificações do Manad, eles recorriam à TI. E posso te dizer que os cursos serão poucos, assim como as consultorias, etc.

abraços


NOVO LEIAUTE DO ESOCIAL?

Att. Sr. JORGE CAMPOS


Estamos na expectativa por um leiaute completo não só com novos arquivos e com a retirada de outros, mas sim um leiaute com todas as informações técnicas necessárias para que empresas possam alterar seus programas.

É necessários corrigir um monte de informações desconexas do leiaute 1.0

Precisamos de informações técnicas precisas. Precisamos acabar com os achometros...

Precisamos de informações sobre processos de trabalho, ou seja, como os sistemas devem proceder com cada tipo de arquivo, campo e etc.

Um exemplo disso são os arquivos de TABELAS que tem os campos:

DTINIVALIDADE

DTFIMVALIDADE

NOVAVALIDADE

DTINIVALIDADE

DTFIMVALIDADE

Pra ser sincero pelo que já li neste FÓRUM até agora não existe um informação oficial de como os sistemas devem proceder no que diz respeito a estes campos, cada um pensa de uma forma, e cada qual acha que esta correto. Neste caso o novo manual do ESOCIAL deve vir informando detalhadamente como se fosse uma receita de bolo, como um sistema deve se comportar no que diz respeito a estes campos, isso é importante para o desenvolvimento e alteração de qualquer sistema de RH, não tem como alterar um sistema de RH sem saber como o sistema deve se comportar.

Pra quem é desenvolvedor, a forma de como o sistema deve se comportar no tratamento destes campos conta muito, é impossível fazer uma alteração sem saber o que fazer, criar os campos é fácil o complicado é como proceder no tratamento destes campos e isto o manual não especifica.

Exemplo:

Todo mundo sabe criar um registro de empregador S-1000, é informar os dados e indicar o período de validade dos dados e tudo pronto é só enviar o XML, mas como fazer para alterar um registro já criado, e isso vai ocorrer e muito, no caso de uma alteração como o sistema deve gerar o arquivo XML como gerenciar e informar os campos:

DTINIVALIDADE

DTFIMVALIDADE

NOVAVALIDADE

DTINIVALIDADE

DTFIMVALIDADE

Sabemos que isso conta muito, isso deve vir especificado no manual.

Dei este exemplo porque até agora ninguém informou como o sistema deve se comportar para gerenciar tais campos no momento de uma alteração, exclusão. Não entendo como as empresas PILOTO estão fazendo esta tratativa somente com as informações do manual 1.0

Espero que este humilde comentário chegue a cúpula do ESOCIAL, e que este minha reivindicação seja atendida.

Desde já obrigado

Tags:

Respostas a este tópico

Permalink Respondida por Daniel Tibúrcio 1 hora atrás

Enquanto isto, empresas que participam do projeto piloto já estão divulgando seus produtos.

O fato de terem este privilégio deveria levar a uma das duas coisas:

1) elas deveriam ser proibidas de lançar produtos antes de todas as empresas estarem de posse das informações que elas têm; ou melhor, depois de certo prazo (já estimado em 3 meses por pessoas em outros tópicos deste fórum) para que elas entendam o que lhes é colocado;

2) a cada modificação de layouts e normas todas as empresas recebam os dados necessários para se adequarem da mesma forma que elas. Isto deveria ser enviado, no mínimo, para as empresas que já operem o Sefip, já que em um dos registros deles consta o CNPJ da empresa desenvolvedora.

O Jorge já falou que elas estão lançando seus produtos sem ter um layout final e que certamente farão ajustes, mas na verdade elas estão anos-luz na nossa frente.

Vejam outros questionamentos nos seguintes tópicos deste fórum:

http://www.spedbrasil.net/forum/topics/e-social-empresa-piloto?comm...

http://www.spedbrasil.net/forum/topics/ajuda-no-desenvolvimento-do-...

http://www.spedbrasil.net/forum/topics/base-cnis-e-social?commentId...

http://www.spedbrasil.net/forum/topics/evento-cisped-2013-quest-es-...

http://www.spedbrasil.net/forum/topics/e-social-sucesso


Jorge Campos em 2012

Permalink Respondida por J. Pezzini em 5 junho 2012 at 11:09

Poxa mas que sacanagem!
Como que a IOB tem o leiaute se ele nem foi divulgado "oficialmente" ainda?

Permalink Respondida por Jorge Campos em 5 junho 2012 at 12:15

Pessoal,

Na realidade o IOB foi comprado pela FOLHAMATIC, e ela participa das discussões porque tem cliente na EFD SOCIAL.

O principal item do novo leiaute eles não vão falar, que é a gestão de contratos com terceiros.

abraços

Permalink Respondida por R. Garcia em 5 junho 2012 at 12:51

isso q perguntei para o Sr. Jorge..rs

J.Pezzini disse:

Poxa mas que sacanagem!
Como que a IOB tem o leiaute se ele nem foi divulgado "oficialmente" ainda?

Permalink Respondida por Jorge Campos em 5 junho 2012 at 14:31

Ricardo,

Tem outro detalhe....eles podem comentar o leiaute, mas, a regra do grupo é de proibição da divulgação do leiaute antes da publicação do diário oficial. Até porque o leiaute ainda não foi totalmente fechado.

abraços 

Permalink Respondida por Jorge Campos em 5 junho 2012 at 14:38

Ricardo,

No anúncio divulgado no site eles não colocam esta questão do leiaute, da forma como está colocado no emailmarketing, Tenho certeza de que eles não vão fornecer o leiaute. 

Por outro lado, acho importante que outras pessoas divulguem os impactos do nosso cenário, porque existe uma árdua tarefa a ser atendida, dentre ela é mostrar a importância ao RH.

abraços

9h - MÓDULO I – Projeto EFD social – nova folha de pagamento digital

O projeto EFD-SOCIAL
- Objetivo
Dimensão do projeto e perspectiva
Implantação
Gestão e confiabilidade
Riscos e inconvenientes

Fabio Rodrigues, Advogado, Especialista em Direito do Trabalho e Previdenciário
IOB Folhamatic


Jorge Campos disse:

Ricardo,

Tem outro detalhe....eles podem comentar o leiaute, mas, a regra do grupo é de proibição da divulgação do leiaute antes da publicação do diário oficial. Até porque o leiaute ainda não foi totalmente fechado.

abraço







Comments