TERMAS DE CHAVES                            http://chavesmapas.googlepages.com/logo.jpg

Chaves Mapas beta

http://chavesmapas.googlepages.com/azulejo-chaves-termas.png

Localização

Chaves é um dos seis concelhos da região do Alto Tâmega situado no distrito de Vila Real. A sede de concelho é a cidade de Chaves, a qual dista cerca de 64 km da capital de distrito Vila Real e fica a oito km da fronteira com a Espanha. Confina a Norte com a Galiza - Espanha, a Este pelos concelhos de Vinhais e Valpaços, a Sul pelos concelhos de Vila Pouca de Aguiar e a Oeste pelos concelhos de Montalegre e Boticas. O Concelho abrange uma área de 600,12 km2, é composto por 50 freguesias e nela residem cerca de 41.000 habitantes. Tem uma densidade populacional de 68,12 habitantes por km2.  

Termas

Do tempo dos Romanos ficaram muitos vestígios, que são um grande atractivo da nossa região. Foram eles que primeiro deram valor às propriedades medicinais das Termas de Chaves e que as tornaram no ex-líbris da cidade.
As águas das Caldas de Chaves são hipertermais, brotando do solo a 73 graus centígrados. Estas águas são bicarbonatadas sódicas, gaso-carbónicas, silicatadas e levemente fluoretadas, características específicas desta região. O borbulhar próprio destas águas, que dá a sensação de estarem a ferver, deve-se à emanação de ácido carbónico livre.
Estas Termas têm, por norma, um caudal diário superior a 300 metros cúbicos, com um aspecto cristalino e translúcido. Com cheiro sensível e deixando um gosto salobro e alcalino, quem as bebe nunca esquece.
A ingestão da água, os banhos de imersão e a enteroclise, são as formas de tratamento para o reumatismo, doenças de nutrição (obesidade, gota e diabetes), perturbações funcionais do fígado, intestinos e ainda hipertensão. Tantos males com os quais não vale a pena viver. Junte-se aos 7 mil aquistas que anualmente as frequentam.
Chaves é uma das mais importantes estações termais da Europa. A sua água, que saia a 73 °C, foi explorada pelos romanos há 2000 anos, e a cidade desenvolveu-se à volta das suas fontes.
Os romanos escolheram instalar-se em Chaves e desenvolver a cidade, a tal ponto de a nomear à honra do potente imperador Flavius Vespasien 

http://chavesmapas.googlepages.com/caldas-chaves.png

As fontes

As fontes de Chaves são uma dádiva da natureza. A sua água não pára de correr desde há 2000 anos, sempre quente, sempre fonte de saúde. Tudo se transformou à volta delas, a paisagem, o clima e as pessoas sofreram diversas alterações. E a água quente medicinal sempre correu, século após século, não mostrando nenhum sinal de fadiga ou de mudança. As fontes de Chaves são as mais quentes da península ibérica. São igualmente as águas sodadas-carbonadas mais quentes da Europa.
Em Portugal, são as únicas águas hipertermais sodadas-bicarbonatadas. Constituem um recurso sem preço que faz de Chaves um lugar-chave nos circuitos turísticos internacionais.

 http://chavesmapas.googlepages.com/fontes-termais-chaves.png

A cura
 
Os banhos de Chaves foram grandiosos na época romana.
Desde então a sua água quente não parou de ser uma fonte de saúde para milhares de pessoas que vêm todos os anos para um tratamento termal.
Adquiriu mais do que nunca uma importância considerável.
     
Indicações terapêuticas

Foram primeiro utilizadas para tratar os problemas dos ossos e das articulações, e para a convalescença após uma intervenção cirúrgica.
Actualmente, também são utilizadas com sucesso no tratamento de certos problemas respiratórios (rinite, sinusite e bronquite).
O número médio de doentes todos os anos é de 6000 pessoas, por períodos de 2 semanas.
As termas constituem uma das fontes de desenvolvimento económico da região, que inclui igualmente Vidago, Carvalhelhos e Pedras Salgadas.

http://chavesmapas.googlepages.com/complexo-termal-chaves.png

Página Inicial