CAPTAÇÃO DE RECURSOS & COACHING ORGANIZAÇÕES SOCIOCULTURAIS

APRESENTAÇÃO DESTE PROFISSIONAL

QUEM SOU EU

Sou um profissional que presta serviços para ONGs, Fundações, Associações e Entidades privadas e públicas que queiram participar ativamente do desenvolvimento cultural e da economia social.

Minha missão é contribuir para o exercício da cidadania e da responsabilidade social, através da orientação às Organizações de fins não econômicos no cumprimento de suas finalidades, do estímulo à participação das empresas e entidades públicas em projetos com valores sociais, culturais, ambientais e da competência profissional.

Trata-se de um profissional de características inovador e versátil, refletindo a efetiva relação profissional que mantêm com o Terceiro Setor e o Setor Cultural, ao longo dos anos de dedicação e comprometimento.

Sou Contador, Assistente Social e Administrador formado pela Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro, com aperfeiçoamento em gestão, Gerenciamento de Projetos, Marketing e Captação de recursos, tanto no Brasil, quanto no exterior. Mestrando em Gestão Social pela UFBA. Participa ativamente de organizações sem fins lucrativos há mais de 11 anos. Ex-membro da Comissão de Patrimônio e Finanças do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente do Rio de Janeiro (CMCDCA/RJ). Como consultor, desde 2007, desenvolve seu trabalho com ênfase em planejamento, reorganização administrativo-financeira e captação de recursos, membro da ABCR (Associação Brasileira de Captadores de Recursos). 


MARCOS JOSÉ LUIZ

Telefone Fixo: (21) 3251-1145 / (11) 3892-2702 / (19) 3861-8437

Telefones Celulares:  (21) 9 8102-3161(TIM) / (21) 9 9678-7158 (VIVO) (19) 9 8710-8579 (OI
E-mail: mjluiz@gmail.com


VEJA TAMBÉM MEU PERFIL EM:

http://www.facebook.com/marcos.jose.luiz 


MEUS SERVIÇOS:

1 – ANÁLISE, DIAGNÓSTICO E DESENVOLVIMENTO DO CASO INSTITUCIONAL:

-         Conforme nossos conhecimentos e experiências, um bom diagnóstico passa por estudos prévios, análises detalhadas e precisas. Tais atividades são essenciais para a escolha das estratégias mais adequadas para obtenção de resultados efetivos.

·         Estudo do caso

-         Histórico da captação de recursos (aspectos relevantes)

-         Levantamento de dados existentes (ref. à captação de recursos)

-         Entrevistas com funcionários, colaboradores voluntários e prestadores de serviços

-         Conhecimento dos espaços, programação e atividades

-         Estudo do orçamento

-         Levantamento dos pontos fortes e fragilidades

·         Estudo da visão, missão, vocação e direcionamento

-         Definições conceituais importantes, que sucintamente definirão as aspirações, estratégias e objetivos da organização

-         Assessoria para redação das declarações de visão e missão, com base nos valores e na Comparação das declarações de visão e missão com as atividades realizadas de fato e os objetivos de longo prazo

·         Definição prévia das metas e projetos

·         Produto: relatório

-        Colhidos os subsídios necessários, sistematizadas as informações e concluídas as análises técnicas, apresentaremos um relatório com a consolidação do caso institucional, ponto de partida para o planejamento

2 – ELABORAÇÃO DE PROJETOS SOCIOCULTURAIS SEM INCENTIVOS FISCAIS:

·         Estudo do caso

-         Histórico da organização e de seus diretores e levantamento de dados da captação de patrocínios já realizada(aspectos relevantes)

-         Entrevistas com funcionários, colaboradores e prestadores de serviços

-         Conhecimento dos espaços, programação e atividades

-         Estudo do orçamento

-         Levantamento dos pontos fortes e fragilidades

 

·         Definição do projeto

-         Definição do desafio

-         Justificativas para criação do projeto

-         Identificação do público alvo

-         Definição do objetivo geral e dos objetivos específicos do projeto

-         Criação do quadro de metas

-         Definição dos serviços, das atividades, ações e dos responsáveis

-         Criação das rotinas (metodologia e estratégias)

-         Elaboração do cronograma de implementação

-         Escolha das estratégias para a obtenção dos resultados

-         Definição da equipe envolvida

-         Criação de indicadores de processo, resultado e impacto

·         Criação do orçamento

-         Premissas orçamentárias

-         Formatação do orçamento detalhado

-         Previsões e simulações futuras

- Colhidos os subsídios necessários, sistematizadas as informações e concluídas as análises técnicas, entregaremos o projeto elaborado com o cronograma de implementação;

Produto: Redação do projeto

3 – PLANEJAMENTO E ELABORAÇÃO DA ARQUITETURA INSTITUCIONAL:

·         Estudo da visão e missão

-         Assessoria para redação das declarações de visão e missão, com base nos valores e na cultura da organização

·         Definição do direcionamento

-         Consolidação dos objetivos

-         Estabelecimento de metas claras e efetivas para o futuro da Organização

·         Planejamento da estrutura organizacional

-         Estudo da equipe profissional atual e suas atribuições

-         Definição de áreas, programas e projetos específicos

-         Elaboração do organograma

-         Orientação para possíveis parcerias técnicas com outras organizações, empresas, instituições governamentais

·         Definição do orçamento institucional

-         Premissas orçamentárias

-         Revisão e formatação do orçamento anual detalhado da organização

-         Previsões e simulações futuras

·         Produto: relatório com recomendações

- Colhidos os subsídios necessários, sistematizadas as informações e concluídas as análises técnicas, apresentaremos um relatório com nossa proposta de Arquitetura Institucional

4 – DESENVOLVIMENTO DAS ESTRATÉGIAS PARA CAPTAÇÃO DE RECURSOS – “PLANO ESTRATÉGICO DE SUSTENTABILIDADE”

 ·         Elaboração do Plano Estratégico para a Captação de Recursos, contendo:

-         Definição de valores a captar de acordo com o orçamento da organização

-         Definição dos tipos de campanha

-         Definição de objetivos, metas e prioridades relacionados à captação de recursos

-         Assessoria e consultoria jurídica em questões envolvendo a captação de recursos

-         Mapeamento e estudo de todos os “stakeholders” envolvidos

-         Estudo e escolha das principais fontes de recursos para o projeto

-         Pesquisa e seleção de potenciais empresas patrocinadoras e/ou parceiras

-         Escolha das estratégias para acesso às fontes de recursos

-         Consolidação das justificativas e dos argumentos para as campanhas

-         Criação do plano de contrapartidas com os benefícios aos patrocinadores

-         Elaboração do cronograma com a previsão das principais atividades relacionadas ao processo de captação

 ·         Produto: Conclusão e redação final do documento “Plano Estratégico de Sustentabilidade”

 5 – COORDENAÇÃO DA ELABORAÇÃO DOS MATERIAIS DE COMUNICAÇÃO DE APOIO PARA A CAPTAÇÃO:

 ·         Estudo de formas, conteúdo e design do material

-         Coordenação da elaboração dos textos para o material de captação de recursos

-         Coordenação dos serviços gráficos e eletrônicos desde a solicitação de orçamentos até a conclusão

-         Criação de frase de efeito, mote, em conjunto com a agência escolhida

-         Acompanhamento de criação de logo

-         Elaboração de briefings para os principais fornecedores de comunicação

-         Elaboração do termo de doação

 ·         Orientação para o desenvolvimento de ações de comunicação nas diversas ferramentas: relações públicas, assessoria de imprensa, internet, comunicação interna e publicidade

 6 – CAPTAÇÃO DE RECURSOS EFETIVAMENTE (execução do plano estratégico ou não)

 ·         Entrevistas

-         Agendamento das visitas para solicitações junto às fontes de financiamento e solicitações propriamente ditas

 ·         Follow-up

-         Contatos anteriores e posteriores às visitas efetuadas para arrecadação de fundos – telefonemas, e-mails, faxes, etc. Objetivo: manutenção do contato e obtenção da resposta do doador.

 ·         Monitoramento e avaliações

-         Elaboração do painel de controle (indicadores, contatos efetuados e a efetuar, retornos, reuniões agendadas, metas atingidas, impressões, indicações, etc.) e coordenação de todas as ações efetuadas ao longo da campanha.

-         Relatórios mensais sobre o andamento da campanha, com sugestões, adequações e ajustes.

 ·         Agradecimentos

-         Idealização das formas e atividades de agradecimento, reconhecimento e fidelização.

 7 – GESTÃO DA ORGANIZAÇÃO:

·         Planejamento da estrutura e funcionamento da gestão da organização

-         Estudo da equipe profissional necessária e suas atribuições (organograma)

-         Definição das atribuições e consolidação do direcionamento da organização

-         Análise dos fornecedores, parceiros e suas atribuições

-         Orientação para possíveis parcerias técnicas com outras organizações, empresas, instituições governamentais

-         Elaboração de planilhas, montagem, segmentação e gerenciamento do banco de relacionamentos

 ·         Direcionamento econômico anual

-         Premissas orçamentárias

-         Revisão e formatação do orçamento anual detalhado da organização

-         Recursos necessários para a operação da entidade

 ·         Elaboração de um cronograma anual de atividades contemplando sua gestão e programação

-         Previsão das principais etapas de cada processo

-         Gestão de projetos e programas

 ·         Orientação para a utilização das principais ferramentas de comunicação interna e externa (mídia impressa, eletrônica e Internet)

 ·         Captação de recursos e projetos

-         assessoria e consultoria jurídica em questões envolvendo a captação de recursos nacionais e internacionais, bem como a projetos da entidade (doações, eventos, campanhas, geração de renda, projetos específicos, recursos públicos, prestação de contas dos recursos captados etc)

-         Estudo e adequação de projetos para obtenção de incentivos fiscais (Lei Rouanet, Lei Mendonça, FUMCAD,)

8 – PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO:

Podemos definir planejamento estratégico como o "processo que fixa as grandes orientações que permitem às organizações: modificar, melhorar ou fortalecer a sua posição, com vista ao desenvolvimento das mesmas". Ou seja, uma análise do ponto onde se encontra a entidade levando-se em conta onde se pretende chegar, de forma mais eficaz, prevendo-se possíveis dificuldades e otimizando as potencialidades.

Este profissional adota um modelo de planejamento estratégico que consiste na observação e cumprimento das seguintes etapas:

·         Estudo do caso

-         Histórico da Organização

-         levantamento dos dados existentes

-         Detalhamento dos espaços, programação e atividades

-         Estrutura e composição da organização

-         Orçamento atual - despesas diretas e indiretas e fontes de financiamento

-         Levantamento de pontos forte e fragilidades

-         Análise SWOT (pontos fortes, oportunidades, pontos fracos e ameaças)

 ·         Coleta de informações de mercado

-         Estrutura e funcionamento dos principais organizações congêneres no país

-         Estrutura e funcionamento dos principais projetos análogos no Brasil

-         Obtenção de informações junto a Rede de relacionamentos da organização (parceiros, clientes, financiadores, etc.)

-         Histórico das principais ações de prospecção de captação de recursos

 ·         Estudo e consolidação das definições de Visão, Missão, Vocação e Direcionamento, Objetivos, Metas e Princípios

-         Definir o direcionamento da Organização, estabelecendo seus objetivos

-         Identificar as questões estratégicas que a organização deve enfrentar

-         Formular modelos para a gestão dos programas e projetos

-         Estabelecer metas claras e efetivas para o futuro da Organização

 ·         Definição dos objetivos e indicadores de desempenho

 ·         Análise das informações coletadas

 ·         Definição das estratégias

 ·         Formulação de Planos de Ação e/ou Projetos Estratégicos

 9 – ELABORAÇÃO DE PROJETOS SOCIOCULTURAIS PARA OBTENÇÃO DE INCENTIVOS FISCAIS:

 ·         Elaboração do projeto, inscrição e acompanhamento do pedido de incentivo fiscal via FUMCAD – Fundo da Criança e do Adolescente

·         Elaboração do projeto, inscrição e acompanhamento do pedido de incentivo fiscal via LEI ROUANET;

·         Elaboração do projeto, inscrição e acompanhamento do pedido de incentivo fiscal via LEI DO AUDIOVISUAL;

·         Elaboração do projeto, inscrição e acompanhamento do pedido de incentivo fiscal via LEI DO ESPORTE;

·         Elaboração do projeto, inscrição e acompanhamento do pedido de incentivo fiscal via LEI DO INCENTIVO VIA ICMS;

·         Estudo e adequação do para obtenção de incentivos fiscais via Leis de incentivo acima descritas, com a realização das reuniões para coleta de informações necessárias à prestação do serviço;

·         Criação do projeto e elaboração de orçamento;

·         Formatação do projeto nos moldes e formulários específicos.

·         Inscrição junto ao Ministério da Cultura no escritório de representação do MINC na cidade de São Paulo e/ou Rio de Janeiro e/outro lugar do Brasil;

·         Acompanhamento do processo atendendo as solicitações dos órgãos envolvidos até a sua aprovação ou não;

 10 – PRESTAÇÃO DE CONTAS DE PROJETOS SOCIOCULTURAIS COM INCENTIVOS FISCAIS:

 ·         Prestação detalhada de TODOS os projetos incentivados pelo País (Lei Rouanet, Lei Mendonça, Lei do ICMS, etc, etc;

 11 – TREINAMENTO “In Company

 ·         Objetivo

-       Capacitar os envolvidos em questões práticas e técnicas relacionadas a projetos sociais

 ·         Temas de cursos propostos

-         Planejamento e elaboração de projetos sociais

-         Captação de recursos e sustentabilidade

-         Gestão de organizações não governamentais

-         Incentivos fiscais para a captação de recursos

-         Marketing para o Terceiro Setor

-         Aspectos jurídicos do Terceiro Setor

 ·         Estas capacitações ajudaram o participante a:

-         Planejar e elaborar projetos sociais

-         Definir fontes de financiamento, tipos de campanha e targets

-         Decidir e escolher o programa ou projeto mais adequado entre múltiplas possibilidades

-         Aumentar sua produtividade pessoal e eficácia nas atividades diárias

-         Conhecer os aspectos gerais da legislação do Terceiro Setor, facilitando o planejamento jurídico

-         Melhorar os sistemas de follow-up, monitoramento, prestação de contas e fidelização

-         Divulgar projetos e organizações

-         Melhorar o desempenho e a motivação dos colaboradores e ampliar sua capacidade de obter resultados

-         Lidar melhor com o fluxo de informações (banco de dados e de relacionamentos)

ALGUMAS DAS PRINCIPAIS REALIZAÇÕES DESTE PROFISSIONAL:

ÁREA SOCIAL:

ALDEIAS INFANTIS SOS BRASIL

1 – CASA E VÍDEO = Patrocínio Integral do Projeto Aldeias Infantis SOS Brasil, a saber: Banner da Instituição nas lojas, Criação de creche comunitária, Arrecadação de fundos pelo Televendas, Incentivo aos colaboradores, Mensagem na TV, Link no site, entre outras ações; (Em fase final de assinatura de contrato)

 2 – GRUPO NOVEZALA (Consultoria de RH) = Treinamento gratuito dos funcionários da Aldeias (principalmente coaching), Recrutamento e Seleção de colaboradores (principalmente mãe social), encaminhamento dos jovens ao primeiro emprego, Banner e link no site;

 3 – RH BRASIL E GRUPO PLANUS (Consultorias de RH) = Execução do projeto Menor Aprendiz, Recrutamento e seleção de jovens emancipados;

 4 – TRANSPORTES VILA ISABEL S/A = Execução do projeto Menor Aprendiz, Recrutamento e seleção de jovens emancipados;

 5 – GLOBEX UTILIDADES S/A (Ponto Frio Bonzão) = Execução do projeto Menor Aprendiz, Recrutamento e seleção de jovens emancipados; abertura de oportunidades de trabalho para os jovens assistidos;

 6 – HERMES S/A =Venda dos produtos da Aldeias nos catálogos da empresa, manutenção de uma creche comunitária;

 7 – FUNDAÇÃO AMEX = Criação e manutenção de Um Centro Social na Aldeias SOS Pedra Bonita/RJ e doação em dinheiro;

 8 – COLÉGIO SAGRADO CORAÇÃO DE MARIA = Manutenção mensal de 2 casas lares na Aldeias SOS Jacarepaguá/RJ, manutenção mensal de 1 casa lar na Aldeia SOS Juiz de Fora/MG, Manutenção de um Centro Social na Aldeias SOS Brasília e Manutenção mensal de 2 casas lares na cidade de Guarda, Portugal;

 9 – CONCER (Concessionária Rio-JF) = Campanha nas praças de pedágio do troco amigo e distribuição de material publicitário;

10 – NOVADUTRA (Concessionária Rio-SP) = Campanha nas praças de pedágio do troco amigo e distribuição de material publicitário;

11 -  CASTROL DO BRASIL = Doação de todo mobiliário (escritório e para a casa) para o programa Casa Transitória;

12 – UNIBANCO / AIG = Doação de 5 veículos Gol Volkswagen para Rifa;

 13 – TV GLOBO = Eventos de captação realizado com atores e atrizes da TV Globo como Myriam Rios, Isadora Ribeiro, Herson Capri, Marcos Winter, Edson Celulari;

 14 – RECURSOS HUMANOS = Captação de profissionais liberais (Médicos, Fisioterapeutas, Fonodiaudiólogos, Psicólogos, etc) para atendimento gratuito a clientela;

 15 – CAMPANHA INTERNA =Campanha interna entre os colaboradores de doação; conscientização do profissional que ele tem que ser o primeiro a doar;

 16 – EVENTOS PARA ARRECADAÇÃO DE FUNDOS = “O Gnocchi da Alegria”, “Dia do Bingo”, “Condomínio de Arte”, “Selo social”, Venda de produtos de fabricação própria

 17 – VOLUNTÁRIOS = Capacitação e treinamento de voluntários;

 18 – PALESTRAS = Participação em reportagens para a televisão e jornais, Participação em workshops, feiras e eventos; Palestras para universitários e estudante do ensino médio;

 19 – CARTÃO TELEFÔNICO = Propaganda da instituição em cartões telefônicos da TELEFÔNICA, TELEMAR e da BRASIL TELECOM;

 20 – REVISTA DO AMIGO = Patrocínio mensal de uma gráfica para a impressão da “Revista do Amigo” (distribuída para seus doadores e colaboradores);

 21 – KALUNGA = Matéria de 12 páginas em um dos seus catálogos, colocação encarte no catálogo para adesão de novos amigos SOS;

 22 – CANAL FUTURA = Doação de antenas parabólicas para seus projetos;

 23 – DANONE = Escolha das crianças da instituição para ilustrar os produtos da marca;

 24 – FUNDAÇÃO CONRAD WESSEL = Doação de um valor acima de R$100.000,00;

 25 – FUNDAÇÃO PRADA = Doação de uma doação expressiva (não posso mencionar a quantia);

 26 – GESFIN = Doação de 0,25% com base no lucro da venda de seu software GESFIN V2R4

 27 – GOLD NUTRITION = Ao invés de enviar brindes a seus amigos e colaboradores, postou cartões de Natal apresentando a Instituição com mensagens de boas festas, explicando ainda que as verbas destinadas aos presentes daquele ano seriam revertidas para a Instituição. O Valor arrecadado reformou o parque infantil da Aldeia de Lauro de Freitas (BA);

 28 – ETIQUETAS PIMACO = Contribuição mensal de uma valor para manutenção das casas lares; http://www.pimaco.com.br/acoes.html

 29 – Banco Panamericano = Troca de Maxi Bônus por doações para instituições reconhecidas em todo o Brasil: www.maxibonus.com.br

30 - CYBERDIET = Colocação banner no site no final de cada página: Exemplo:  http://cyberdiet.terra.com.br/espironolactona-no-tratamento-para-a-acne-6-1-5-425.html

COMUNIDADE TUBERCULOSE VILA ROSÁRIO (DUQUE DE CAXIAS/RJ) = Elaboração e Execução do Projeto de Geração de renda

GPV-RJ (Grupo Pela Vidda - RJ) (www.pelavidda.org.br) = 6º. Ofício de Notas da Cidade do Rio de Janeiro – Confecção de cartilha solidária para distribuição a clientela

 EDUCADORES SEM FRONTEIRAS (www.educadoressemfronteiras.org.br) = Microsoft – Concessão de licença e certificação de programas da empresa para o uso no projeto situado no Jardim Ângela, São Paulo, SP

 GRENDACC (http://www.grendacc.org.br/) = Criação de Material Institucional para a ONG.

CASA DO MENOR SÃO MIGUEL ARCANJO (http://casadomenor.org.br/casadomenor/index.php?option=com_content&task=view&id=35&Itemid=2) = Criação e execução da Campanha Amigo das Crianças

AÇÃO PELO SEMELHANTE (www.semelhante.org.br) = Gestão da Organização, incluindo elaboração de projetos sociais e captação de recursos

JOCUM DF (http://www.jocum.org.br/noticias/jocum-brasilia-promove-conferencia-sobre-captacao-de-recursos) = Ministração Seminário sobre Elaboração de Projetos e Captação de Recursos

JOCUM RECIFE = Ministração Seminário sobre Elaboração de Projetos e Captação de Recursos

IGREJA PRESBITERIANA DO JARDIM CAMBURI - VITÓRIA (ES) = Ministração Seminário sobre o Terceiro Setor

LBV (www.lbv.org.br) = Propaganda doação nas contas de Energia Elétrica da Concessionária Light (RJ)

EVENTOS PARA CAPTAÇÃO DE RECURSOS PARA:

HOSPITAL MARIO KROEFF (http://www.mariokroeff.org.br/), TUCCA (http://www.tucca.org.br/), SORRISO DO BRASIL (http://www.operationsmile.org.br/novo/), INSTITUTO OLKA KOS (http://www.institutoolgakos.org.br/), FUNDAÇÃO OFTALMOLÓGICA DR. RUBEM CUNHA (http://www.fundof.org.br/index2.asp), CASA NINHO (http://www.casaninho.com.br/), SOCIEDADE BRASILEIRA DE DERMATOLOGIA (http://www.sbd.org.br/), CENTRO INFANTIL BOLDRINI (http://www.boldrini.org.br/site/default.asp) e PROJETO QUERO QUERO (http://www.projetoqueroquero.org.br/).


NOTA: ALGUMAS FOTOS DOS EVENTOS E ALGUMAS CAPTAÇÕES PODE SER ENCONTRADA NA MINHA PÁGINA NO FACEBOOK: - https://www.facebook.com/marcos.jose.luiz


ÁREA CULTURAL / LEI ROUANET

1 - Projeto Dançarte – Arte e Cidadania

Ensino de dança para cerca de 400 crianças e adolescentes dos Bairros de Santa Tereza e Centro e as comunidades do Morro DA Coroa, Morro Fogueteiro, Morro dos Prazeres, Morro da Mineira, Morro do São Carlos, Morro do Telégrafo e adjacências na cidade do Rio de Janeiro.

2 - Dom Quixote do Araguaia - Audiovisual

O filme conta a história de São Felix do Araguaia e seu bispo, Dom Pedro do Araguaia que, como um Dom Quixote do cerrado, com sua fé militante, aponta o preço não estimado do progresso, tanto na dimensão humana como na dimensão ambiental.

3 - FEA - 40 Anos de Formação e Democratização da Música - Música

Dinamização do centro cultural Fernando Pinheiro Moreira com aquisição de instrumentos musicais, manutenção de grupos instrumentais e vocais de música erudita, realização de cursos e profissionalização instrumental de jovens da comunidade de Vila Aparecida-MG.

4 - Centro de Cidadania Barbosa Lima Sobrinho Fase 2: Obras de Restauração e Adaptação do Imóvel e Outra - Patrimônio Cultural

Segunda fase de restauração e adaptação do imóvel que abrigou a Faculdade de Direito da UERJ até 1976, localizado na Rua do Catete, 243 e a continuidade das atividades desenvolvidas pela Comissão de Implantação do Centro de Cidadania.

5 - Retratos de Minas - Humanidades

O objetivo do projeto é a publicação de um livro de fotos que traz ao público a riqueza e a singularidade de Minas Gerais e da sua gente, além de uma exposição de algumas fotos contidas no livro. O livro conta ainda com textos do escritor Olavo Romano. Retratos de Minas é o resultado de 25 anos de trabalho do fotógrafo José Israel Abrantes, que percorreu várias cidades do interior de Minas Gerais, retratando os costumes, a cultura, as festas folclóricas, o cotidiano da população do interior do Estado.

PROJETOS QUALIFICADOS PARA CAPTAÇÃO DE RECURSOS VIA ICMS/SP

1 - Projeto “Ribeirão em Concerto” da Associação Musical de Ribeirão Preto”

2 - Projeto “Mata Atlântica” da Casa de Cinema Produções Ltda.

AUDIOVISUAL

1 - Filme Anjos do Sol

2 - Filme Se eu fosse você 1

3 - Sonhos roubados





 

Subpáginas (1): TABELA DE PREÇOS
Ċ
Marcos José Luiz,
5 de jun de 2013 11:59
Comments