Ditos do Bragatela

Provérbios & Ditos de Dom Fuas Bragatela

“toda a criatura nasce com sua ventura” (p.11)

 

“a coberto da noite, que sempre foi boa manta para amores e pecadores” (p.12)

 

“não importa quem somos ou o que somos, o fado é sempre o mesmo, que quando nascemos apenas começamos a morrer” (p.14)

 

“a quem muitos burros quer pegar, algum fica para trás” (p.14)

 

“isto de parentes são mais as dores do que os dentes” (p.14)

 

“esquecendo-se de que tinham rabos de palha e de que o lume andava perto; se não os queimasse hoje talvez ardessem amanhã” (p.18)

 

“comigo ninguém tira palha sem levar resposta” (p.18)

 

“que já lhe sabia onde andava às ginjas” (p.19)

 

“como cão por vinha vindimada” (p.20)

 

“não há pecado que não tenha remissão” (p.21)

 

“quem não trabuca não manduca” (p.23)

 

“Danadas são as perguntas que sempre trazem na albarda dois tipos de resposta: ou boas ou más.” (p.24)

 

“más fadas te fadaram” (p.26)

 

“à falta de capão, (...) cebola e (...) pão” (p.28)

 

“não há porco que não chegue ao São Martinho” (p.30)

 

“Tudo se ensina e tudo se aprende.” (p.30)

 

“o mofar tem resposta” (p.36)

 

“antes escorregar dos pés do que da língua” (p.36)

 

“D. Dinheiro quando aparece vem a pé mas quando parte é a cavalo.” (p.38)

 

“Depois do mel sempre vem o fel.” (p.39)

 

“quem cedo madruga, Deus ajuda” (p.43)

 

“pertencem os dedos à mão, mas não são todos iguais” (p.53)

 

“o Diabo é grande e ninguém o quer ver” (p.70)

 

“a barriga faz andar as pernas” (p.73)

Paulo Moreiras

Escaparate

Excertos

Bragatela Curioso

Roteiro do Bragatela

Capas