Oséias‎ > ‎

Oséias 12

O pecado de Israel

1 Efraim alimenta-se de vento;
corre atrás do vento oriental o dia inteiro
e multiplica mentiras e violência.
Faz tratados com a Assíria
e manda azeite para o Egito.
2 O Senhor tem uma acusação
contra Judá,
e vai castigar Jacó
de acordo com os seus caminhos;
de acordo com suas ações
lhe retribuirá.
3 No ventre da mãe segurou
o calcanhar de seu irmão;
como homem lutou com Deus.
4 Ele lutou com o anjo e saiu vencedor;
chorou e implorou o seu favor.
Em Betel teve encontro com Deus,
que ali conversou com ele.
5 Sim, o próprio Senhor,
o Deus dos Exércitos!
Senhor é o nome
pelo qual ficou famoso.
6 Portanto, volte para o seu Deus,
e pratique a lealdade e a justiça;
confie sempre no seu Deus.
7 Como os descendentes de Canaã,
comerciantes que usam
balança desonesta
e gostam muito de extorquir,
8 Efraim orgulha-se e exclama:
"Como fiquei rico e abastado!
Em todos os trabalhos que realizei
não encontrarão em mim
nenhum crime ou pecado".
9 "Mas eu sou o Senhor, o seu Deus,
desde a terra do Egito;
farei vocês voltarem a morar em tendas,
como no dia de suas festas fixas.
10 Eu mesmo falava aos profetas,
dava-lhes muitas visões
e por meio deles falava em parábolas."
11 Como Gileade é ímpia!
Seu povo não vale nada!
Eles sacrificam bois em Gilgal,
mas os seus altares
são como montes de pedras
num campo arado.
12 Jacó fugiu para a terra de Arã;
Israel trabalhou para obter uma mulher;
por ela cuidou de ovelhas.
13 O Senhor usou um profeta
para tirar Israel do Egito
e por meio de um profeta cuidou dele.
14 Efraim amargamente
o provocou à ira;
seu Senhor fará cair sobre ele
a culpa do sangue que derramou
e lhe devolverá o seu desprezo.