O Livro dos Médiuns

Sérgio Biagi Gregório

1) Qual o objetivo de O Livro dos Médiuns?

O Livro dos Médiuns destina-se a guiar os que queiram entregar-se à prática das manifestações, dando-lhes conhecimentos dos meios próprios para se comunicarem com os Espíritos. É um guia, tanto para médiuns, como para os evocadores (doutrinadores), e o complemento de O Livro dos Espíritos. (1)

2) Quando foi publicado? O que engloba?

É a segunda obra da Codificação, publicada em 1861 (janeiro), que englobava, outrossim, as "Instruções Práticas sobre as Manifestações Espíritas", publicadas em 1858, e era, conforme esclarece Allan Kardec, a continuação de O Livro dos Espíritos. A edição definitiva é a 2ª, de outubro de 1861. (2)

3) O que contém O Livro dos Médiuns?

O Livro dos Médiuns contém o ensino especial dos Espíritos sobre a teoria de todos os gêneros de manifestações, os meios de comunicação com o Mundo Invisível, o desenvolvimento da mediunidade, as dificuldades e os escolhos que se podem encontrar na prática Espiritismo. (1)

4) Quais são as teorias sobre os gêneros de mediunidade?

Allan Kardec, com o auxilio dos Instrutores Espirituais, desenvolve as teorias sobre as mesas girantes, a bi-corporeidade, a transfiguração, a tiptologia... no campo da manifestações físicas, e a psicografia, a psicofonia (médiuns falantes), a vidência (médiuns videntes) ... no campo das manifestações inteligentes.

5) Quais são os meios de comunicação com o mundo invisível?

Os meios de comunicação estudados por Allan Kardec vão desde as mesas girantes até as comunicações mais abstratas, tais como, a pneumatografia e a pneumatofonia. O capítulo XIX, "O Papel do Médium nas Comunicações Espíritas", por exemplo, dá-nos diversas orientações sobre o transe mediúnico.

6) Quais são as dificuldades e escolhos na prática da mediunidade?

Distinguir o que é do médium (anímico) e o que é do Espírito (mediunidade), é uma das grandes dificuldades das práticas espíritas. Nesse sentido, o médium pode sofrer a influência de Espíritos menos felizes ou mesmo ser fascinado por suas próprias ideias. Além disso, Allan Kardec chama-nos a atenção sobre as perguntas que podemos fazer aos Espíritos, sobre as contradições, as mistificações, o charlatanismo e a prestidigitação, entre outras.

7) Por que Allan Kardec insistia tanto no método científico das manifestações mediúnicas?

Allan Kardec, depois de publicar O Livro dos Espíritos, que continha a teoria geral da Doutrina Espírita, precisava, segundo seu modo de ver, de uma comprovação científica, pois a ciência já cultivava o método teórico-experimental. Criando o seu próprio método, quis pôr os princípios do Espiritismo a salvo das fraudes e das mistificações, tão corriqueiras na época da codificação.

8) O Livro dos Médiuns está desatualizado?

Atualização e desatualização devem ser ponderadas. É possível que alguns termos, utilizados por Allan Kardec na época, possam ser mais bem explicados pela ciência moderna. Tanto é verdade que o Espírito André Luiz, em "Mecanismos da Mediunidade", já nos apresenta alguns desses termos. Isso, porém, não tira o valor conceitual desta obra, que ainda é o melhor guia para aqueles que queiram aprender os fundamentos da mediunidade.

Fonte de Consulta

(1) KARDEC, A. O Livro dos Médiuns ou Guia dos Médiuns e dos Doutrinadores. São Paulo:Lake, [s.d.p.]

(2) BARBOSA, P. F. Espiritismo Básico. 3. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1987.

São Paulo, julho de 2009.

Estude Online: Lista dos Cursos 24 Horas

Comments