Emoção e Espiritismo

 Sérgio Biagi Gregório

1) O que se entende por emoção?

A emoção é um estado da mesma natureza que o sentimento, porém de maior complexidade, pois é excitada por um complexo ideológico.

2) O que se entende por paixão?

Paixão é a reação às emoções, produzidas por causas externas e internas. Inicialmente passiva, torna-se ativa quando espontaneamente a elas adere e quase coopera com elas.

3) Pode a emoção ser influenciada pela sociedade?

Sim. A emoção faz parte do indivíduo, mas é fortemente influenciada pela sociedade, por suas regras e seus costumes. Observe que muitos governos querem ditar normas de conduta aos seus cidadãos.

4) O que é e como se distingue a emotividade? 

A emotividade é a reação excessiva diante de um acontecimento. A emotividade compreende o sentimento, a emoção e a paixão. No sentimento, nossas reações permanecem organizadas; na emoção, há descontrole; na paixão, exalta-se fortemente um sentimento a expensas de outros.   

5) Cite alguns tipos de emoção.

Raiva (sentimento de ódio), medo (consciência de um perigo), amor (estado de calma e beatitude), felicidade (satisfação diante do mundo) e tristeza (sentimento de insatisfação).   

6) Onde se encontra a origem das paixões?

As paixões têm origem na emoção. Pode-se dizer que a paixão é um sentimento mais duradouro do que a própria emoção, arrastando-nos para fora do nosso estado normal.

7) A paixão é boa ou má?

A paixão é aquele ímpeto do nosso ser para realizar alguma coisa, que geralmente emprestamos um valor extraordinário. Se for direcionada para o bem, será boa; caso contrário, cairemos em diversos desregramentos.   

8) Deve-se agir pela emoção ou pela razão?

A emoção pode ser comparada à fé. Ela é inata no indivíduo. É a direção que damos a ela que pode ser racional ou não. Se possível a nossa ação deveria ser emotivo-racional.

9) Como o verdadeiro espírita trata os infortúnios?

Há grandes decepções que excitam o cérebro das pessoas levando-as ao suicídio. Como o verdadeiro espírita vê o mundo sob um ponto de vista mais elevado, esses infortúnios lhe parecem tão pequenos que essas tribulações não passam de incidentes desagradáveis que para outros produziriam violenta emoção.

10) Por que devemos cuidar do corpo e do espírito?

É que o Espírito é uma única entidade, composta de corpo, perispírito e o Espírito propriamente dito. Nesse caso, cuidando do corpo, onde se dá a emoção, este repercute para o seu todo (o Espírito).

11) Que ferramentas a Doutrina Espírita nos oferece para administrar as emoções? 

A leitura edificante, as preces e os pensamentos voltados para o bem são as principais ferramentas espíritas. Além disso, podemos também receber tratamentos espirituais (passes) nos Centros Espíritas.

São Paulo, janeiro de 2011.

Texto em forma de palestra: http://www.sergiobiagigregorio.com.br/palestra/emocao-e-espiritismo.htm

Apresentação em PowerPoint: http://www.sergiobiagigregorio.com.br/powerpoint/doutrina/emocao-e-espiritismo.ppt

Mais textos em PowerPoint: http://www.sergiobiagigregorio.com.br/powerpoint/powerpoint.htm

Estude Online: Lista dos Cursos 24 Horas


Comments