Vespa Monthlery

Com o objectivo de promover a imagem desportiva de Vespa, Piaggio pôs toda a sua atenção nos supreendentes recordes obtidos pela marca, com a esperança de fazer reviver a sua famosa tradição anterior à guerra. Em 7 de Abril de 1950 no circuito Francês de Monthlery três pilotos condiziram durante 10 horas por turnos e conseguiram 17 recordes mundiais, (velocidade média 134km/h) em 170km, (velocidade média 129,7km/h) em 805,5km, (velocidade média 123,9km/h) em 1000km, (velocidade média 124,3km/h) durante as 10 horas em que a vespa correu 1049km.

Conduzindom um veiculo aerodinamico muito parecido com este (A vespa 125 circuito . estrutura de aluminio) o piloto Dono Mazzoncini conseguiu tambem resultados brilhantes nas pistas de corrida. As mais memoraveis foram os duelos entre Vespa e Lambretta.

Motor: monocilindrico de dois tempos e cilindro horizontal em ferro e cabeça de liga ligeira.

Diametro: 53 mm

Cilindrada: 125 cc

Velocidade Maxima: 136,92km/h (velocidade média)

Suspensão: Com mola helicoidal na roda da frente, e mola helicoidal e amortecedor hidraulico na roda traseira.

Travões: Tambor

Pneus: 3.50 10" (para as corridas)

Produção: 1950

Voltar Atras