O Hermetismo

Uriel

Download dos livros gratuitos

Grupo Revolução da Consciência

A Obra Magna

A Profecia

A Revolução da Consciência

O Auto-Conhecimento

A 1ª Tarefa Cristã: A Morte Psicológica

A Auto-Observação

Súplicas à Nossa Senhora, Mãe Divina

A Doutrina do Coração

As Dificuldades

O Cotidiano

O Anti-Cristo

A Dualidade

Os Sonhos Mudam

Experiências no Plano Astral

O Despertar

O Hermetismo

A 2ª Tarefa Cristã: O Sexo Sagrado

A Íntima Realização do Ser

A Sublimação Sexual para os Solteiros

A Transmutação Sexual para os casados, O Arcano AZF

A 3ª Tarefa Cristã: A Entrega do Ensinamento Sagrado

As Enfermidades

As Drogas

Senhores da Situação

A Transformação Interior

O Medo

Eliminando o Ego

A Intuição e o Raciocínio

Os Inimigos são Internos

A Comodidade Tentadora

Aos Revolucionários de Si Mesmos

 Convite aos irmãos

Obras Recomendadas

 

O HERMETISMO


Na vivência do Ensinamento em busca da auto-realização, do auto-conhecimento e da auto-superação, passamos à receber importantes ensinamentos muitas vezes através de Simbologias. Nossas experiências astrais são revelações do Pai ao filho e só dizem respeito a nós mesmos.

Devemos nos manter herméticos pois, ao espalharmos nossas experiências em astral aos quatro cantos, robustecemos os eus do orgulho ao dizer que conseguimos o desdobramento, ou que tivemos tal ou qual revelação.

Por outro lado, devido às pessoas se encontrarem ainda sem as BASES bem sólidas na morte do ego, certamente que se encontram vulneráveis às ondas (pensamentos inferiores) de inveja das pessoas vindo à perder trabalho.

Melhor que nos mantenhamos herméticos sobre as experiências no plano astral. Que eliminemos a preguiça, o comodismo, a inércia, etc... de querer receber tudo de "mão beijada".

No início entregamos o pescado mas também ensinamos à pescar, se apenas entregamos o pescado, os comodistas jamais aprenderão à pescar.

Aprendam e se esforcem além do máximo para decifrar as simbologias mostradas, orando ao Pai para que lhe dê a compreensão necessária e em seguida buscando as respostas no "vazio" no "mais absoluto silêncio mental".