Os Dashboards e Scorecards  fornecem informações imediatas sobre o desempenho dos negócios em toda a empresa. Tipicamente, são gerados para os gerentes e executivos que precisam de uma visão geral do negócio e consideram primordial dispor de uma visualização intuitiva e oportuna dos dados estratégicos, financeiros e operacionais.

Inúmeros ERPs oferecem plataformas que fornecem toda uma gama de recursos de 
Dashboards e Scorecards. Geralmente contém ambientes de reporting, que combinam técnicas gráficas de layout, usadas para produzir Dashboards e Scorecards com a tradicional formatação de relatórios, utilizando faixas (ranges) para produzir relatórios ricos em dados, mas visualmente atraentes. As organizações podem gerenciar o desempenho, de forma abrangente, melhorando as informações empresariais, alcançando todos os indivíduos na empresa com visual atraente.



Métodos de Gerenciamento de Desempenho:
:: Visualizar dados-chave do desempenho em formato gráfico.
:: Mostrar os resultados de desempenho rapidamente, utilizando os recursos visuais.
:: Utilizar Dashboards e Scorecards como gateways para análise de primeira ordem e análise avançada.
:: Monitorar zonas vermelhas e definir níveis limiares para indicadores e disparar as entregas de alerta.
:: Ligar os 
KPIs individuais às metas da empresa.
:: Scorecards em cascata e Dashboards em toda a organização e através da cadeia de valores.
:: Fornecer Dashboards e Scorecards via e-mail, de forma programada ou através de alertas.
:: Atingir todas as pessoas – dos gerentes executivos aos novos funcionários.
:: Incorporar todos os dados empresariais – financeiros e operacionais – de todo processo de negócio em todo o mundo.


Os 
Dashboards fornecem uma representação ilustrada do desempenho dos negócios em toda a organização.

Os 
Scorecards fornecem uma representação visual dos indicadores chave de desempenho (KPIs) – indicadores cuidadosamente selecionados que ajudam as empresas a medir e gerenciar o desempenho.

Relatórios de Métrica Gerenciada são a base do CPM (Corporate Performance Management), permitindo que os gerentes monitorem continuamente o desempenho dos negócios.

Dashboards e Scorecards em Cascata são entregues em todas as áreas funcionais da organização.

A onipresença de 
Dashboards e Scorecards asseguram que qualquer número de usuários possa, com segurança, ter acesso aos relatórios de que necessitam em qualquer parte e a qualquer momento usando qualquer interface.

A personalização automática do conteúdo de 
Dashboards e Scorecards é um recurso importante que requer uma robusta arquitetura de plataforma que garante o acesso aos dados apenas a usuários autorizados.


MS Office como interface dos Dashboards e Scorecards:
Uma definição simples para os Dashboards ou Scorecards seria a representação (sobretudo) gráfica de um conjunto de indicadores organizacionais na tela de um computador que, de forma imediata, permitisse o monitoramento dos resultados de processos.

Na definição acima não diz que os 
Dashboards e Scorecards precisem ser elaborados com recursos e ferramentas complexas, pesadas, com elevados custos de desenvolvimento e manutenção.

Por isso vejo diversos motivos e vantagens, para que pequenas e médias organizações, bem como departamentos, utilizem extensivamente planilhas como o 
MS Excel, ou MS Access e até mesmo o MS Powerpoint para a implementação dos seus respectivos Dashboards e Scorecards:


: Custos. Quando o Dashboards e Scorecards estiverem associados a uma solução de BI (Business Intelligence) o custo total [envolvendo licenças, desenvolvimento, manutenção e etc…] será inviável para muitas organizações. No caso da suíte MS Office, uma parte desses custos já foi investida, e os custos de desenvolvimento serão muito menores. Por exemplo: Os Dashboards e Scorecards desenvolvidos com o MS Excel poderá disponibilizar informações por apenas estar conectado às bases de dados já existentes numa empresa.

: ManutençãoComo a suíte MS Office já existe a muito tempo, vários usuários tornaram-se hábeis programadores VBA. Criaram e desenvolveram excelentes soluções para o dia-a-dia das corporações. São profissionais de fácil acesso no mercado. Outro aspecto é o fato de a codificação VBA ser de domínio de muitos Analistas e Programadores no mercado;

: PrazosCriar Dashboards e Scorecards com a suíte MS Office é muito mais rápido do que com as outras soluções comerciais mais pesadas;

Flexibilidade do LayoutNão existem limitações significativas quanto ao que se pode disponibilizar como interface, ao contrário das estruturas impostas por outras aplicações comerciais;

Flexibilidade dos ObjetivosSempre será possível desenvolver Dashboards e Scorecards para um grande leque de necessidades em toda a organização;

: Interface FlexívelVários BIs comerciais já compreenderam que não necessitam re-inventar a roda. Não raro suas interfaces finais são cubos OLAP descarregados no ambiente MS Excel a partir de onde podem fazer qualquer coisa com os dados, moldando as informações (através de Dashboards e Scorecards), de modo a atender as inúmeras necessidades da corporação.

Ambiente familiarO MS Excel, por exemplo, é uma aplicação conhecida pela maioria absoluta dos usuários nas empresas, os quais não serão retirados da sua zona de conforto ao utilizar soluções em tal ambiente.

: Total integração com outras aplicações OfficeCertas tarefas, como copiar gráficos dos Dashboards e Scorecards para uma apresentação  MS Powerpoint, não necessitarão de um treinamento adicional, porque já fazem parte da rotina dos usuários;

: Acesso OfflineAo contrário de outras aplicações, que por natureza têm um acesso online (intranet ou rede da organização), um Dashboard ou Scorecard em MS Excel pode em geral ser utilizado no modo Offline copiando o arquivo para um disco local ou pendrive;

: Melhores gráficosExcetuando-se os software desenvolvidos especificamente para isso, custa-me lembrar outra aplicação que tenha uma gama tão abrangente de gráficos como o MS Excel. Nas demais soluções proprietárias nunca poderemos exportar os objetos gráficos com tanta facilidade e rapidez quanto o fazemos com a suíte do MS Office.

Tags: André Luiz Bernardes, TI, Tecnologia da InformaçãoDashboard, Scorecard, YTD, YTG, KPI, sparklines, charts, Pivot Table, slicers, bullet, Scroll chart, gráfico, mini-gráfico, termômetro, Velocímetro, Gauge, relatório, MS, Microsoft, Office, Excel, Access, Outlook, Powerpoint, Organização, Ordenação, Formatação, numérico, projeto, ranqueado, painel, evolução, clustering, redes neurais, métodos genéticos, mineração em textos, roll up, drill down, KPI, KPIs, Key performance Indicator, escopo, stakeholder, indicadores, DW, Data Warehousing, BSM, Business Scorecard Manager, BSC, Balanced Scorecard, Dashboard, características, infochart, chart, infográfico, gráfico, drugs, drogas, Ilegal, Americas, Pharma, Malaria, Malária, farmacêutica, análise, Data Mining Tweeder, The Health Tweeder, algoritmo, data mining, Mineração de Dados, colaborativa, rede social, social mídia, community, facebook, like, friendwheel, google play, health tweeder, infographic, keyword, like button, likebutton.me, mentionmap, MSNBC spectra, network,news feed, rss, search, topics, touchgraph, twitter, twitter venn, dólar, Real, superimposição, finanças, financeiro, contábil, contabilidade, crédito, débito

Veja também:


  
  
 











 


Comments