Introdução

Este é um projeto sem fins lucrativos, organizado por mães residentes em Cingapura, que buscam incentivar a cultura brasileira nos seus filhos de 2-6 anos através de atividades lúdicas como cantar músicas, contar histórias, brincar com sucatas, fazer teatrinho etc.

A idéia comecou através de Carla Freericks, em Bruxelas, que encontrou apoio da especialista em arte e educação Katcha Osorio e lá realizam o projeto Alecrim. A partir desse contato e amizade com elas, demos início ao mesmo projeto em Cingapura.

O projeto tem como objetivo trazer um pouco da cultura do nosso Brasil para as crianças que moram em Cingapura. Para que isso aconteça, temos a expectativa de que mães, pais e filhos partcipem do projeto ativamente, para que possamos cada vez mais transmitir os costumes brasileiros à “turminha do Alecrim” e que em paralelo, essa “turminha” fique cada vez mais próxima da língua portuguesa.


Atenção

Uma contribuição de $5,00 por criança será pedida durante os encontros para cobrir o custo dos materiais que usaremos nas atividades.

Precisamos de ajuda nos dias dos encontros. Caso tenha interesse em ser um(a) voluntário(a) durante o Alecrim, entre em contato conosco através do nosso e-mail alecrim.cingapura@gmail.com.

 

NOVIDADES do Alecrim:

• A confirmação de presença é OBRIGATÓRIA, pois temos número limite de participantes. Pedimos por gentileza nos notificar em caso de cancelamento, para que outra criança possa vir ao Alecrim. As vagas serão de acordo com a ordem de confirmações pelo formulário eletrônico a partir do momento em que o e-mail anunciando o proximo Alecrim for distribuido para a comunidade. íâó

• Pedimos que as empregadas responsáveis por crianças aguardem do lado de fora do espaço das atividades do Alecrim, assim como as mães que não quiserem participar com seus filhos das atividades programadas.

• As crianças 'fora da faixa etária' do Alecrim não serão autorizadas a participar das atividades do Alecrim. Isso visa apenas o melhor aproveitamento das atividades direcionadas às idades em questão.

• O Alecrim receberá de braços abertos quaisquer crianças de comunidades de língua portuguesa, sendo seu maior objetivo o aprendizado do idioma português de uma forma lúdica, divertida e que desperte nossas diferentes culturas, nos focando não somente em feriados e datas comemorativas.

• Teremos uma programação detalhada dos encontros.

• Abriremos em breve no website uma lista de mães voluntárias/facilitadoras.

• Mães voluntárias/facilitadoras irão participar do alecrim conforme designado pelas coordenadoras. Por exemplo, a voluntária contará uma história, organizará lanchinho, ensinará uma atividade artística etc. Nós nos comunicaremos com as mães voluntárias com antecedência para que elas possam se programar.