Municípios‎ > ‎

Teixeira de Freitas

POVOADO DE TEIXEIRA DE FREITAS

            O Povoado de Teixeira de Freitas teve sua origem em conseqüência do grande volume de madeira de lei existente na região, o que proporcionou a formação de casas, criando assim, o povoado, que mais tarde foi denominado São José de Itanhém, por ficar próximo à margem esquerda do rio Itanhém.

            Na década de 50, quando ainda havia matas virgens por aqui, chegaram os srs. Hermenegildo Félix de Almeida e Júlio José de Oliveira, iniciando o desmatamento; posteriormente, a firma Eleosíbio Cunha construiu um acampamento coberto de palhas, dando início à extração de madeira. Mais tarde chegaram para fixar residência no dito povoado, os srs. Joel Antunes, Manoel de Etelvina, Aurélio José de Oliveira, Duca Ferreira e a família dos Guerra.

            Em 14 de abril de 1958, na capela de São Pedro, foi celebrado o primeiro casamento religioso, sendo o celebrante o Frei Olavo (OFM) e como nubentes, os srs. Aurélio José de Oliveira e D. Izaura Matias de Jesus.
Devido ao bifurcamento das estradas de rodagem Alcobaça e Água Fria, hoje cidade de Medeiros Neto e o povoado de São José de Itanhém ao porto de Santa Luzia, no município de Nova Viçosa, sendo esta a última rodagem de propriedade da firma madeireira Eleosíbio Cunha, o povoado de São José de Itanhém era conhecido popularmente como “Povoado Perna Aberta”, hoje no centro de Teixeira de Freitas, as antigas rodagens estão localizadas na Avenida Marechal Castelo Branco e rua Princesa Isabel, fazendo sua junção na esquina da Casa Barbosa.

            Com o grande comércio de madeira de lei, o povoado desenvolveu bastante, provocando a imigração de comerciantes, agricultores e pecuaristas de outras regiões, entre eles, os srs. Hegberto Rabelo Pina e Alcenor Barbosa.
Com a morte do ilustre baiano e estatístico Dr. Mário Augusto Teixeira de Freitas, o idealiza 

dor e organizador do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o governo achou por bem prestar-lhe uma homenagem póstuma, tendo os chefes das agências de estatísticas recebido ordens da direção central do IBGE, no sentido de propor junto aos prefeitos de cada município que fosse dado o nome de Teixeira de Freitas a um logradouro. Em 1957, o então chefe das agências de estatísticas de Alcobaça, o sr. Miguel Geraldo Farias Pires, em cumprimento às determinações emanadas da Inspetoria do IBGE na Bahia, oficialmente, solicitou da Prefeitura e Câmara de Alcobaça a homenagem póstuma ao imortal baiano Teixeira de Freitas, dando-lhe o seu nome ao Povoado de São José de Itanhém, o que foi bem aceito pelo Executivo e Legislativo de Alcobaça.

       Com a realização do Censo Demográfico de 1970, Teixeira de Freitas contava com uma população de oito mil habitantes.

           

Implantada a BR 101, o povoado cresceu assustadoramente, tendo em 1980 mais de 40 mil habitantes e se transformando no maior pólo industrial, comercial e habitacional da região.

ORIGEM DO NOME:

            O Município de Teixeira de Freitas recebeu esse nome em homenagem ao sr. Mário Augusto Teixeira de Freitas. Este era baiano, licenciado em Direito, professor de Estatística – IBGE, tendo falecido no início do ano  de 1957, e por sugestão do sr. Miguel Geraldo Farias Pires, na época, agente de Estatística do Município de Alcobaça, e por sua sugestão à Câmara Municipal de Alcobaça deu o nome do estatístico ao antigo Povoado de São José de Itanhém, Teixeira de Freitas. Nessa época, era prefeito do Município, o sr. Manoel Euclides Medeiros.

POPULAÇÃO
                       
Quando o Município se emancipou, já possuía uma população estimada de 80 mil habitantes, e em 2002, conforme dados oficiais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE possui uma população de 107.486 habitantes, sendo 98.688 na sede e 8.798 na Zona Rural. O IBGE estima que até o final do ano de  2004 a população atinja 114.208.
 
FESTIVIDADES

Do calendário de festividades do Município, constam as seguintes festas:

  • Agrofest (festa do agricultor) no mês de abril,
  • Festa de Aniversário da cidade, no dia 09 de maio;
  • Festa de São Pedro , o padroeiro da cidade, que se realiza no mês de Julho, a FEBAN (Feira Baiana de Negócios),
  • Exposição Agropecuária,
  • Vaquejadas,
  • Festejos Juninos e Festas Folclóricas regionais,
  • Festival de Teatro em dezembro.
LOCALIZAÇÃO
 

Teixeira de Freitas é o principal município da região do extremo sul do Estado da Bahia, localizado a 30 km do litoral e a 884 km da Capital.

Suas principais rodovias de acesso:
BR-290
BR-101
BA-695

Confira outras distâncias:
Vitória: 365 Km
Belo Horizonte: 732 Km
Rio de Janeiro: 896 Km
São Paulo: 1325 Km

 

 

 

 

INFRAESTRUTURA  

PERFIL DO MUNICÍPIO DE TEIXEIRA DE FREITAS

LEGISLAÇÃO POLÍTICO-ADMINISTRATIVA:

Lei de criação: 4.452

Data: 09 de maio de 1985 – Diário Oficial: 10 de maio de 1985
Município de origem: Caravelas / Alcobaça

Fronteiras: Alcobaça / Caravelas / Medeiros Neto / Vereda e Prado

INFORMAÇÕES GEOGRÁFICAS:

Área:  1.157,4 Km2

Distância da sede em relação a Salvador: 884 Km
Latitude Sul: 17º a 32º
Longitude Oeste: 39º a 44º

Tipo Climático: Tropical úmido

Temperatura média anual: 23º C
Máxima: 30º C
Mínima: 19º C
Período chuvoso: outubro a março
Pluviosidade anual (mm): média 1.100 a 1.300
Risco de seca: baixo e médio
Rio Principal: Rio Itanhém
Relevo: tabuleiros costeiros, chás pré-litorâneas
Hidrografia: Bacia do Rio Itanhém, Utaitinga e principais córregos são:  ( Córrego do Mato, Mutum, Santa Maria e Felipe). O principal rio é o Rio Itanhém ou Alcobaça.
Altitude: Em referência ao nível do mar é de 186 metros de altitude.
Fonte: CEI (Centro de Estatística e Informação)

ATIVIDADES ECONÔMICAS

            Desde a sua origem, o Município sempre teve a sua vocação voltada para atividades pecuárias.
Sua principal atividade no início entretanto, foi madeira e o beneficiamento desta com a implantação de grandes serrarias, chegando o Município a ter mais de uma centena delas no auge da madeira.
Paralelamente a isto, sob influência de uma colônia japonesa, o Município passou a produzir mamão, abóbora, melancia, tomate, maracujá, pimentão, quiabo, café, melão e limão, sendo até hoje um dos maiores exportadores de melancia da região.
Atualmente, com o desenvolvimento da região, incentivado em grande parte pela implantação da Bahia Sul Celulose e, após o advento da BR 101 que atravessa o Município, surge o Distrito Industrial, onde já se encontram instaladas 12 (doze) indústrias e mais 03 (três) prestes a se instalar.
Por outro lado, aumentou o número de estabelecimentos comerciais, industriais e prestadores de serviços, existindo cadastrados hoje, na Prefeitura Municipal mais de 3.763 estabelecimentos e mais de 172 indústrias.

No perímetro urbano da sede do Município já existem cadastrados 39.500 mil imóveis, dos quais 23.840 já edificados.

TRANSPORTES:

02 aeroportos para aeronaves de pequeno porte, até 50 passageiros, em Teixeira de Freitas e Mucuri.
01 Aeroporto para aeronaves de grande porte e base aérea em Caravelas.

RESULTADO DO CENSO EMPRESARIAL 2002

QUANTIDADE DE EMPRESAS:

Comércio: 1972
Serviços: 714
Instituição de Ensino: 79
Órgãos Públicos: 52
Indústrias: 101
Agropecuária: 661 (estimativa)
                        TOTAL: 3.579

Número de trabalhadores envolvidos:

Comércio: 5195
Serviços: 4082
Instituição de Ensino – Serviços Públicos: 5.395
Agropecuária: 17.335 (estimativa)
Indústrias: 998
                        TOTAL:  33.005

Composição da renda por setores (%)

  • Comércio/Serviços: 42,8%
  • Agropecuária: 53,8% (estimativa)
  • Indústria: 3,3%

Distribuição da população economicamente ativa:

  • Comércio/Serviços: 44,5%
  • Agropecuária: 52,5% (estimativa)
  • Indústria: 3,0%

EDUCAÇÃO

            A rede Municipal de ensino, constituída de 62 escolas, distribuídas na sede e no interior, entre elas as conveniadas, possui mais de 23.210 alunos matriculados no curso do ensino fundamental.
Além disso, na rede Estadual de educação, o Município possui mais de 15 mil alunos matriculados e 820 professores distribuídos em cursos de 1º e 2º graus, e ainda, existem dezenas de escolas particulares.

            Sob a administração da Ceplac, existe uma Escola Técnica Agrícola, de nível médio, com aproximadamente 311 alunos, ademais, em 1990, a Universidade do Estado da Bahia – UNEB implantou em Teixeira de Freitas o seu Centro de Educação Superior, inicialmente com o curso de Letras e, posteriormente, em 1992, também com o curso de Pedagogia.
Hoje já existem mais dois cursos: Matemática e Biologia.
Possui, nos quatro cursos, 691 alunos matriculados.
FASB: Em 2001, foi criada a Faculdade do Sul da Bahia – FASB, com os cursos de Administração com habilitação em Marketing, Administração Geral, Pedagogia, Turismo, e Ciências Contábeis e Direito. A  Faculdade possui 556 alunos matriculados.
FACTEF – com os cursos de Pedagogia e Administração de Empresas.
FATECAD: Faculdade Teológica e Cultural das Assembléias, que funciona com cursos teológicos ligado a formação bíblica.

            PÓS-GRADUAÇÃO: Além de todos esses cursos superiores, existem ainda os cursos de pós-graduação da FASB, o ISESB e o UCAM, em parceria com a Perfil Mundo. Portanto, estamos relativamente bem servidos de Cursos Superiores.

                                                      COMUNICAÇÃO

           Teixeira de Freitas possui 02 rádios FM e 02 rádios AM, possui também um canal transmissor de TV. 

PODER JUDICIÁRIO

            Em 1987 foi instalada a Comarca de Teixeira de Freitas, sendo a mesma, atualmente, de Terceira Instância.
O Município possui ainda: Juizado de Pequenas Causas, Defesa do Consumidor e ainda do Conselho Tutelar, que tem por objetivo dar apoio e proteção à criança e ao adolescente.

AGÊNCIAS BANCÁRIAS

A cidade dispõe de várias agências bancárias, como: HSBC, CEF, Banco do Nordeste, Banco do Brasil, Itaú, SICOOB,  Baneb/Bradesco, BANCOOB.

ENTIDADES DE CLASSE:

            O Município de Teixeira de Freitas é hoje um dos Municípios mais bem organizados a nível de Associações e Entidades, destacando-se: Sebrae, Aciatef, Sincomércio, Senai, CDL, Rotary Club, etc.

PERFIL RESUMIDO:

SETOR: SAÚDE:

Quantidade de:                  Hospital: 06

                                               Pronto Socorro: 06
Postos de Saúde e PSF: 29
Clinicas Médicas: 23
Serviços Odontológicos: 65

SETOR: EDUCAÇÃO:
Quantidade de:                    Escolas Públicas Municipais: 62
Escolas Públicas Estaduais: 11 (sendo 05 nível 2º grau)
Escolas Particulares: 04 (nível 2º grau)
Escola Superior: 02 – UNEB – Letras/Pedagogia/Matemá-tica/Biologia;
FASB – Administração Geral/Turismo/Administração e Marketing/Ciências Contábeis/ Pedagogia/Normal Superior de ensino básico, Direito.
FACTEF: Pedagogia e Administração de Empresas
FATECAD: Faculdade Teológica e Cultural das assembléias,
Que funciona com cursos teológicos ligado à formação bíblica.  

Pos- Graduação : Cursos superiores FASB, ISESB, UCAM e Perfil Mundo. 

SETOR ECONÔMICO:

Quantidade de:                    Indústrias: 101

                                               Comércio: 1972
Serviços: 845
Agropecuária: 661
Total: 3.579

AGÊNCIAS BANCÁRIAS:

Baneb / Bradesco

Banco do Brasil
Banco do Nordeste
Banco Itaú
HSBC Bank Brasil
Caixa Econômica Federal
BANCOOB Rural / BANCOOB comércio

DISTRITO INDUSTRIAL

A SUDIC – Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial é uma autarquia de direito público vinculada à Secretaria da Indústria, Comércio e Turismo do Estado da Bahia, com autonomia administrativa e financeira, com jurisdição em todo o Estado, que tem por finalidade executar programas e projetos de desenvolvimento industrial, comercial e de serviços, bem como o gerenciamento dos Distritos Industriais no Estado.

São atribuições da SUDIC:

  • Realizar estudos técnicos que ofereçam subsídios para a formulação de políticas, planejamento e execução de programas, visando à expansão ordenada dos setores industrial, comercial e de serviços;
  • Executar, no seu âmbito de atuação, uma política de desenvolvimento econômico, de forma articulada, em parceira com Prefeituras, órgãos públicos e entidades empresariais;
  • Orientar empresários na identificação de oportunidades de investimento na indústria, comércio e serviços, através da elaboração de estudos de viabilidade sócio-econômica;
  • Elaborar projetos de implantação, expansão, modernização e relocalização, informando o Empresariado sobre os mecanismos de financiamento, além de fornecer a assistência técnica necessária;
  • Divulgar, junto a empresários, as políticas, programas e incentivos oferecidos para o desenvolvimento dos setores industriais, comerciais e de serviços e assessorá-los na obtenção desses benefícios;
  • Promover e apoiar eventos que tenham como objetivo o desenvolvimento dos setores industriais, comerciais e de serviços.

RELATÓRIO DESCRITIVO DAS AÇÕES:

Nos últimos meses tem sido articulado reuniões para tratar  especificamente do Pólo Moveleiro do Extremo Sul da Bahia, pelas Entidades Empresariais da região, como: ACIATEF – Associação Comercial, Industrial  e Agropecuária de Tx. de Freitas, SINCOMÉRCIO – Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista de Tx. de Freitas, Câmara dos Dirigentes Lojistas, SUDIC, Prefeituras Municipais e SEBRAE, onde foi criado o Grupo de Desenvolvimento do Pólo Moveleiro do Extremo Sul da Bahia.

Como ponto de partida, foi decidida a participação na FENAVEM, que através de uma missão com diversos representantes de Entidades, Prefeituras e empresários seriam contactados empresários e potenciais para investirem em nossa região, para tanto foi criado um folder sobre a região do Extremo Sul, e um sobre o 1º Seminário de Desenvolvimento do Pólo Moveleiro intercalando a FEBAN – Feira Baiana de Negócios de Teixeira de Freitas, conforme folders anexo.
O evento em referência “MISSÃO” foi realizada no período de 12 a 16/08/001, evento esse que contamos com as presenças de 25 pessoas, sendo: Dr. Wagner Mendonça – Prefeito de Tx. de Freitas, Sr. Calixto Antônio – Prefeito de Ibirapuã, Presidentes de entidades, como: Dr. Fernando Becevelli – Gerente Regional da SUDIC, Sr. João Silotti – Pres. da ACIATEF, Sr. Ricardo Ledo – Presidente da CDL, Sr. Sérgio Guimarães – Diretor do SINCOMÉRCIO, Sr. Roberto Pereira de Almeida – Consultor do Projeto Empreender, Sr. Victor Paulo de Souza – +Representante do SENAI Salvador, Srª Vanda Luzia – Secretária de Turismo de Nova Viçosa, Sr. José Militão – Secretário da Indústria e Comércio, Sr. Alex Silva de Brito – Técnico do SEBRAE e Sr. Jorge Silveira Cunha – Gerente Regional do SEBRAE Tx. de Freitas, bem como empresários da Região.

Como atrativos da Região, exposto a todos os industriais visitados na FEIRA, podemos relacionar alguns, como:

  • Isenção de ISS por 10 anos;
  • Isenção de IPTU por 10 anos;
  • Local estruturado no Distrito Industrial de Tx. de Freitas para a instalação de Fábricas;
  • Mão-de-obra vasta e relativamente barata;
  • Proximidades a grandes Centros Portuários como Vitória - ES e Ilhéus - BA;
  • Criação de 03 (três) Hidroelétricas e 01 (uma) Termelétrica nas Cidades de: Itagimirim -BA, Vereda - BA e Nanuque - MG;
  • Vôos diários de Tx. de Freitas para Salvador – Vôo ABAETÉ 14 lugares;
  • Grandes empresas fornecedoras de Madeiras como: CAF Santa Bárbara e Aracruz Celulose;
  • Parque Hoteleiro fornecendo em torno de 1.000 leitos na região;
  • (03) três faculdades: 2 Particulares e 1 Estadual;
  • Bons colégios de 2º grau;
  • Presença de Entidades como: SEBRAE, SENAI, SUDIC, etc.

COMO FRUTO DESSA MISSÃO, TEMOS:

  • A confirmação imediata de 25 Empresários do segmento Moveleiro para o 1º Seminário de Desenvolvimento do Pólo Moveleiro do Extremo Sul da Bahia, no dia 27/09/01;
  • A vinda de uma empresa do segmento GRÁFICO, com investimento na ordem de R$ 20.000.000,00 (Vinte milhões de reais), que se instalaria no Rio Grande do Sul e em virtude dos subsídios está definido a instalação na região do Extremo Sul da Bahia, com visita marcada para a 1ª semana de setembro em Teixeira de  Freitas e em Salvador, em conjunto com as Entidades Empresariais para reunião com o Secretário da Indústria, Comércio e Mineração do Estado da Bahia, Dr. Aroldo Cedraz;

RELAÇÃO / QUANTIDADE DAS PRINCIPAIS ATIVIDADES AGRÍCOLAS DE TEIXEIRA DE FREITAS – BA

CENSO EMPRESARIAL (2002)
(estimativa EBDA – ADAB)

PROPRIEDADES RURAIS: 661

LAVOURA

ÁREA PLANTADA (HA)

MÃO-DE-OBRA

OBS.:

MILHO

140

280

SAFRA /ANO – 120 DD

BANANA

80

80

ANO

CÔCO

30

90

ANO

LARANJA

48

100

ANO

LIMAO

46

50

ANO

MAMÃO

420

2.500

ANO

MARACUJÁ

70

180

ANO

MELANCIA

270

100

SAFRA/ANO – 70 DD

TANGERINA

20

60

ANO

BATATA

10

10

SAFRA/ANO – 120 DD

CACAU

45

180

ANO

CAFÉ

942

5.000

ANO

CANA

530

500

ANO

MANDIOCA

572

6.000

ANO

TOMATE

37

20

SAFRA/ANO

ABÓBORA

500

300

SAFRA/ANO – 100 DD

FEIJÃO

300

200

SAFRA/ANO – 90 DD

PECUÁRIA:

REBANHO BOVINO – 110 MIL CABEÇAS
PECUÁRIA LEITEIRA – 20 MIL VACAS
PRODUÇÃO DE LEITE – 16 MILHÕES LITROS/ANO
Nº DE TRABALHADORES ENVOLVIDOS NAS ATIVIDADES PECUÁRIAS: 2.000

AGRICULTURA (REGIÃO):

ÁREA REFLORESTADA (EUCALIPTO) – 400 MIL HECTARES
1º PRODUTOR MUNDIAL DE MAMÃO PAPAYA
2º PRODUTOR NACIONAL DE CAFÉ CONILON
8º PRODUTOR BAIANO DE MARACUJÁ

MINERAÇÃO:

MAIOR CENTRO DE INDÚSTRIA GRANÍFERA DO ESTADO DA BAHIA.

INFORMAÇÕES  SOCIAIS:

PIB – R$ 211.017.104,00 – ( 1996)
RENDA -  PER CAPITA- R$ 2,186,43 ( 1996)
IDH – 0,586 – Desenvolvimento Humano
ICV – 0,572 – Condição de Vida
ICE – 0,441 – Condição de Educação
ICL – 0,644 – Condição Longevidade
ICI  -  0,610  –Condição de Infância
ICR – 0,625 – Condição de Renda
ICH – 0,539 – Condição de Habitação     

                     INFORMAÇÕES SOBRE VOCAÇÃO ECONÔMICA DA REGIÃO

           MUNICIPIOS

           Principal Vocação Econômica

Sede: Teixeira de Freitas

Comércio/Serviço/Indústria/Agropecuária

Mucuri

Turismo/Indústria de Celulose/Agropecuária

Nova viçosa

Turismo/Indústria de Madeira/Agropecuária

Caravelas

Turismo/ Porto/ Agropecuária

Alcobaça

Turismo/ Agropecuária

Prado

Turismo/Agropecuaria

Itamaraju

Agricultura/ Pecuaria/Fruticultura

Jucuruçu

Pecuária/ Agricultura

Medeiros Neto

Pecuária/ Agricultura

Itanhém

Pecuária/ Agricultura

Vereda

Pecuária /Agricultura

Lagedão

Pecuária

Ibirapõa

Agricultura/Pecuária

 

 

                
Região: 13 Municípios
População: 400.000 Habitantes.
Eleitores: 250.000 eleitores.
Maior Rebanho bovino- 1000 Bois Gordos/dia.
Plantio de 400.000 ha de Eucalipto.
Grande produtor de mamão/café/melancia etc.
Pólo de Granito.
Costa das Baleias/praias

Produtor de papel,celulose,carvão vegetal,madeira renovada.

        PREFEITOS DO MUNICIPIO DE TEIXEIRA DE FREITAS DESDE SUA EMANCIPAÇÃO

Temóteo Alves De Brito                 Período 1985 À 1988
Francisctonio Alves Pinto               Período 1989 À 1992
Temóteo Alves Brito                        Período 1993 À 1996
Wagner Ramos Mendonça Período 1997 À 2000
Wagner Ramos Mendonça Período 2001 À 2004  Reeleito
Apparecido Rodrigues Staut         Período 2005 À 2008

 

 Informações retiradas do site do Prefeitura.

Comments