Abrasa pelos trilhos dos nossos arquivos.

Gustave Flaubert (1821-1880), escritor francês:

"O que o dinheiro faz por nós, não compensa o que fazemos por ele."

"Aos incapazes de gratidão nunca faltam pretextos para não a ter."