Bioembalagem

Embalagem biodegradável de bagaço de cana e óleo de mamona

As embalagens biodegradáveis substituem caixas hoje feitas de plástico ou madeira. 


Bagaço, pó e painel

O processo de produção dos painéis biodegradáveis começa com a secagem do bagaço de cana-de-açúcar, que é então moído para obtenção de partículas de até 8 milímetros. Esse pó é misturado à resina poliuretana à base de óleo de mamona.

A mistura final é colocada em um molde e prensada para assumir a forma e ganhar a resistência de um painel. O material passou por vários ensaios físicos e mecânicos para determinar sua densidade, inchamento em espessura, absorção de água e resistência à flexão.

A partir desses painéis foram fabricados três modelos de embalagens: para bebidas, frutas médias (laranja, pera e maçã) e uma embalagem autodesmontável para transporte de frutas pequenas (morangos e uvas).

Ċ
Hu Green,
10 de abr de 2016 11:45
Comments